Conecte-se agora

Nas alturas! Acre tem a terceira passagem aérea mais cara de todos os estados do país

Publicado

em

O valor médio dos bilhetes aéreos pagos pelos passageiros do Acre custou em janeiro deste ano R$ 622,40. É o terceiro valor mais alto entre todos os estados da federação. Em primeiro lugar vem Roraima (R$ 670,93) e em segundo aparece Rondônia (630,50). Os números fazem parte dos Indicadores do Mercado do Transporte Aéreo da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Segundo o levantamento, os passageiros de Santa Catarina pagaram o menor valor em janeiro de 2018 (R$ 314,17). O valor médio no Brasil foi de R$ 396,66. O valor é calculado pela ANAC de acordo com o valor pago por todos os passageiros de avião das companhias Azul, LATAM, Gol, Passaredo e MAP Linhas Aéreas.

O valor médio pago pelos passageiros de Cruzeiro do Sul, onde apenas a Gol oferece voos, foi de R$ 534,11, menor que a média do estado. Isso ocorre em função de a maioria das passagens de Cruzeiro do Sul ser para Rio Branco, trecho mais em conta em relação aos destinos de maior distância. Já o valor médio do bilhete aéreo em Rio Branco, onde operam Gol e LATAM (novo nome da TAM), foi de R$ 612,16 em janeiro deste ano.

Segundo o estudo da ANAC, a companhia Gol vendeu as passagens pelo menor valor no Acre (R$ 615,84), seguida pela LATAM (R$ 637,28). O custo alto dos bilhetes do Acre é resultado da concentração do mercado em duas companhias. Além disso, a alíquota do ICMS do querosene da aviação no Acre é de 25%. Segundo as companhias, o combustível representa mais de 50% dos custos operacionais de uma aeronave.

ECONOMIA

Uma das formas de economizar nas passagens aéreas é a compra com pelo menos 30 dias antes da data da viagem. A outra forma de economizar é fazer a emissão das passagens aéreas com milhas que estão sendo vendidas no mercado. No site da Max Milhas, empresa especializada na venda de passagens aéreas com descontos especiais, é possível comprar os bilhetes do Acre com descontos de até 50%. Basta fazer a pesquisa nos links abaixo.

ENCONTRE AQUI AS OFERTAS DA GOL

FAÇA AQUI A SUA COTAÇÃO E GARANTA PASSAGENS AÉREAS COM 50% DE DESCONTO

FONTE: TUDO VIAGEM

Propaganda

Destaque 2

Pacientes cardíacos da UPA da Sobral precisam pagar por exames

Publicado

em

Os pacientes com suspeita de problemas cardíacos que dão entrada no setor de Emergência da UPA Franco Silva, na Sobral, em Rio Branco, estão precisando pagar exames laboratoriais para identificar se o problema é mesmo no coração. A denúncia foi feita por familiares de pacientes.

Na última quinta-feira, dia 21, um dos pacientes que deu entrada na unidade de saúde com suspeita de ter sofrido um infarto, precisou pagar pelo exame das enzimas em um laboratório da Capital. A irmã dele, Telma Oliveira, revela que passou por momento de desespero.

“É desesperador você chegar no hospital e não ter como saber o que realmente aconteceu com o seu irmão. Eles disseram que não tinha como fazer o exame das enzimas e que o outro aparelho, que vê os batimentos, estava com problema porque não tinha internet. Precisei tirar do bolso e pagar”, conta.

Em nota, a Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) diz que os materiais necessários para feitura dos exames devem chegar nesta segunda-feira, dia 25, e os procedimentos voltarão a ser realizados normalmente. A pasta nega, contudo, que os pacientes sejam orientados a pagar pelos exames laboratoriais.

“Os exames de eletrocardiogramas estão sendo feitos normalmente e asseguram o diagnóstico correto do paciente com quaisquer suspeitas de problemas cardíacos, independentemente das enzimas”, destaca a Sesacre em nota. “Nenhum paciente, […] com sintomas de infarto é liberado por conta própria para fazer exames., sobretudo particulares”, completa.

Após a denúncia de Telma, a Sesacre informou que o problema será investigado internamente para saber por que o paciente foi liberado para realizar o procedimento fora da unidade pública de saúde. “A Unidade de Pronto Atendimento Franco Silva informa ainda que vai apurar se houve qualquer negligência em seus quadros”, informou.

Continuar lendo

Destaque 2

Homens armados fazem arrastão, invadem residência e ferem jovem com 3 tiros

Publicado

em

O jovem Ricardo Júnior Nascimento, de 25 anos, foi ferido a tiros dentro de sua residência na noite desta quinta-feira (21), na rua Dr. Sérgio Bruno, no Conjunto Jequitibá, no bairro Calafate, em Rio Branco.

Segundo informações policiais, a vítima foi ferida após seis homens armados chegarem no conjunto e fazerem um arrastão e roubarem os pertences de várias pessoas que estavam em via pública. Os criminosos se deslocaram até a casa de Ricardo e a invadiram efetuando vários tiros, sendo que três dos projeteis o atingiu, um no rosto e dois no peito, e como se não bastasse os ferimentos, um dos bandidos ainda desferiu uma facada no braço do jovem.

Segundo moradores, os acusados,após a tentativa de homicídio, fugiram do local e durante a fuga pela rua eles efetuaram vários disparos em via pública.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.