Conecte-se agora

Confusão e bate-boca marcam tramitação de projeto da terceirização do Huerb e UPAs

Publicado

em

Muita confusão de bate-boca entre sindicalistas, servidores e deputados marcaram a tramitação do Projeto de Lei que regulamenta o edital de chamamento de Organizações Sociais para a terceirização da administração do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) que tramitou nas comissões da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) na tarde desta terça-feira (13).

O PL foi apresentado pelo governador com pedido de votação de urgência, para dar sequência a escolha de uma OS que deverá gerenciar as três principais unidades de saúde da capital. Apesar de alguns governistas informarem que votariam contra, o deputados Daniel Zen (PT), Maria Antônia (PROS) e Heitor Júnior (Podemos) votaram favorável a matéria na tramitação na CCJ. A deputada Eliane Sinhasique (PMDB) se posicionou contra.

Os servidores permanecem de plantão nas galerias da Casa. Nos bastidores, circulou o boato que os deputados Gerlen Diniz (progressistas) e Jenilson Leite (PCdoB) teriam se ausentado para não votar nas comissões, cedendo espaço para os suplentes aprovarem o PL e encaminharem para votação em plenário. Servidores acusam alguns deputados de receberem promessas de vantagens do executivo estadual para não participarem da votação.

Propaganda

Acre

Mâncio Lima já registra mais de 500 casos de dengue, diz Saúde

Publicado

em

O número de casos de dengue em Mâncio Lima continua alto, segundo a Secretaria Municipal de Saúde. Em meio aos problemas com a malária, a Dengue já alcança mais casos, somando 500 caos. A prefeitura está preocupada com o cenário, visto que enfrente crise financeira.

A secretária de saúde, Joice Gonçalves, disse que os casos de dengue já são maiores que de malária. “O número de casos já é maior que o número de malária e isso significa muito, já que a malária é um caso sério na cidade”, disse.

Muitas ações já foram feitas, mas os casos de dengue continuam aumentando. “Estamos realizando ações para diminuir esses casos e continuamos realizando. Pedimos para as pessoas ajudarem nessa batalha porque precisamos combater essa doença”,afirmou.

Joice ainda disse que em um levantamento foi determinado que o número de criadouros é maior nas residências. “Temos visto que muitos criadores são encontrados dentro de casa”, declarou à TV Juruá, afiliada SBT na região.

Continuar lendo

Acre

Em Tarauacá, moradores realizam protesto em frente a prefeitura

Publicado

em

Membros da sociedade civil organizada e das associações de bairros de Tarauacá promoveram nesta quinta-feira, 13,
em frente à Prefeitura do Municipal, um ato em protesto contra a falta de infraestrutura na cidade, desabastecimento de água potável, interrupções na energia elétrica, falta de segurança, descaso nos serviços de saúde e outros serviços essenciais.

Tarauacá tem enfrentado uma série de problemas de infraestrutura na zona rural e na cidade. As ruas, algumas centrais, estão praticamente intrafegáveis, cheias de buracos. O problema se agrava durante as chuvas com o transbordamento de dois igarapés que cortam a cidade. Os corpos d’água transbordam, alagam ruas e invadem casas.

“Foi uma manifestação respeitosa e que representa que a população está insatisfeita. O ato também serviu para constatar que muitos “valentes” só sabem se manifestar no conforto das rede sociais, mas, na hora de ir pra rua mostrar a cara não aparecem”, disse o professor e radialista Raimundo Accioly, um dos organizadores do ato.

No ato, os moradores ergueram cartazes com as seguintes descrições: “Tarauacá clama por socorro” e “Tarauacá tem jeito é só mudar a prefeita”.

Continuar lendo

Acre

Rio Branco terá escritórios virtuais para pequenas empresas

Publicado

em

A Câmara de Rio branco aprovou, nesta quinta-feira (13), por unanimidade, o texto que regulamenta os escritórios virtuais em Rio Branco. Esses espaços podem ser compartilhados por pequenas e médias empresas, trabalhadores autônomos e profissionais liberais como advogados, jornalistas, designers e publicitários, entre outros.

O projeto foi indicado pelo presidente da Associação dos Contadores do Acre, Mateus Calegari, que acredita na facilitação para a iniciativa privada na questão de redução de custos.

“A pessoa que precisa montar um escritório fictício não precisará mais gastar com aluguel, conta de água e energia, internet e outros, sendo assim, os empresários poderão produzir mais”, afirmou Calegari.

Continuar lendo
Propaganda

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.