Conecte-se agora

Presidente Denise Bonfim entrega novas instalações do Centro Médico do Tribunal de Justiça do Acre

Publicado

em

As novas instalações do Centro Médico Dr Arthur Chalub Leite foram entregues, nesta segunda-feira (12), pela presidente do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), desembargadora Denise Bonfim. O prédio, com estrutura arquitetônica moderna, visa melhorar a qualidade de vida de magistrados, servidores e colaboradores do Poder Judiciário Acreano.

Além de atender às normas de acessibilidade, o espaço, situado anexo ao prédio-sede do TJAC, conta com serviço médico na área de clínica geral, psicologia, assistência social, fisioterapia, enfermagem e odontologia. A novidade é o espaço, uma pequena academia, para atividades físicas que serão utilizadas, preferencialmente, por pessoas indicadas pelo médico.

“É um momento de felicidade a entrega das novas instalações do Centro Médico. Representa preocupação da Administração em prol do bem comum, reconhecimento e valorização com as ofertas desses serviços que serão oferecidos. Que todos possam aproveitar o espaço que foi concebido com tanto esforço”, disse a presidente.

Centro Médico

O Centro Médico funcionou na área central de Rio Branco desde quando foi fundado, em 1996, na então gestão do desembargador Jersey Pacheco. Reformas foram feitas nas gestões da desembargadora Isaura Maia, em 2008, e desembargador Roberto Barros, em 2012. O novo local, por exemplo, conta agora com área total de 721,31 metros quadrados e possui dois pisos. O térreo para as atividades físicas e administrativas e a parte superior, para atendimentos médicos e exames. No mesmo local funcionará o serviço administrativo da Gerência de Qualidade de Vida (GEVID).

Reconhecimento

O presidente do Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Acre, Leuson Rangel, destacou a questão social, financeira e de saúde concebidos pela atual gestão.

No lado social, ele comentou sobre o esforço da desembargadora-presidente em promover encontros de valorização e aperfeiçoamento. Do lado econômico, enfatizou os 30% de aumento aos servidores e finalizou a parabenizando pela entrega do Centro Médico que visa a qualidade de vida e bem- estar.

Prestigiando o evento, a vice-prefeita Socorro Neri enalteceu a admiração pelos serviços executados pela atual Administração do TJAC. “É gratificante participar desse momento. Percebemos que a estrutura, tanto física quanto dos serviços ofertados, são de extrema qualidade. Pensar em saúde é pensar nesse espaço criado, pois não é voltado apenas à consulta médica, mas abrange a qualidade de vida de uma forma geral”, salientou a vice-prefeita.

Prestigiaram o evento ainda a corregedora-geral da Justiça, desembargadora Waldirene Cordeiro; desembargadores Eva Evangelista e Júnior Alberto, além da presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AC), desembargadora Regina Ferrari e os juízes auxiliares da Presidência e Corregedoria, Lois Arruda e Cloves Ferreira, servidores e colaboradores.

Propaganda

Destaque 7

Orçamento de Cruzeiro do Sul será de R$ 161 milhões em 2019

Publicado

em

O projeto de orçamento para o ano de 2019, deve ser votado na Câmara Municipal de Cruzeiro do Sul nos próximos dias. A proposta que chegou á casa prevê um caixa de R$ 161 milhões, que serão administramos pelo prefeito Ilderlei Cordeiro.

O presidente da câmara, Romário Tavares, disse que todos os projetos que faltam serão votados até o dia 27 de dezembro. “Todos os vereadores já possuem cópias e agora só falta o parecer das comissões para ir à votação. Então estaremos votando até o dia 27 todos os assuntos pendentes”,afirmou.

Após a votação das pautas engavetadas, os vereadores devem entrar em recesso até o mês de fevereiro. A reportagem não conseguiu falar com o prefeito da cidade, na manhã desta sexta-feira, dia 14.

Continuar lendo

Destaque 7

Placas de alerta sobre limpeza são instaladas em igarapés na capital

Publicado

em

A Prefeitura de Rio Branco, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMEIA) e da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (COMDEC), o 4º Batalhão de Infantaria de Selva estão instalando placas alertando contra o lançamento de lixo e entulho nos igarapés que cortam a zona urbana da capital. A ação, mais um desdobramento da Operação Inverno 2018, começou pelo Igarapé do Almoço. Homens do 4º BIS, Defesa Civil e agentes ambientais estiveram na manhã desta quarta-feira, 12, na Travessa Coelho, no bairro Areal, para promoverem a consciência ambiental dos moradores. No começo deste mês de dezembro a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (SEMSUR) e a Diretoria de Meio Ambiente do 4º BIS realizaram a limpeza e desobstrução do Igarapé do Almoço, removendo, em apenas 100 metros do riacho, cerca de 30 metros cúbicos de resíduos sólidos –muito lixo plástico, carcaças de veículos, móveis e eletroeletrônicos.

O Igarapé do Almoço faz parte da Bacia Hidrográfica do Igarapé Judia e corta uma grande região composta por bairros Vila Acre, Comara e Triângulo, entre muitos outros. O curso do Almoço estende-se desde o Posto da Polícia Rodoviária Estadual, na Via Chico Mendes, até a sua Foz no Judia. “Agradeço a prefeita Socorro Neri e essa equipe que está aqui hoje no nosso bairro. A prefeita está há pouco tempo e já fez muito. Se não fosse a limpeza que realizaram, este igarapé teria transbordado e invadido as casas daqui na última chuva”, disse o comerciante Ocinaldo Pinto Venâncio, que mantém uma pequena banca de frutas às margens do Almoço na Travessa Coelho. “O 4º BIS tem prazer em atuar nesta parceria com a Prefeitura de Rio Branco. Nosso trabalho é colaborar para que os igarapés sejam limpos”, disse Vander Donizete, oficial que comanda a Diretoria de Meio Ambiente do 4º BIS e que vem prestando os mais relevantes serviços para a sociedade acreana no cuidado com os mananciais e cursos d´água. “Esta é mais uma ação concomitante à Operação Inverno que reduz os impactos do período chuvoso. Em paralelo, realizamos educação ambiental nas escolas locais”, explicou Paola Daniel, secretária de Meio Ambiente de Rio Branco. Paola Daniel acredita que pelo menos 50 placas devem ser instaladas nos igarapés da cidade.

O que é a Operação Inverno 2018?

Criada por determinação da prefeita Socorro Neri, o objetivo da Operação Inverno 2018 é minimizar os impactos do período chuvoso na infraestrutura urbana de Rio Branco. As ações incluem limpeza e desobstrução da rede de drenagem de águas pluviais da cidade, limpeza dos principais igarapés que cortam a cidade, com ênfase para os igarapés Batista, Amaro, Judia e Almoço. Nas escolas das regiões abrangidas por esses riachos vem sendo realizadas atividades de educação ambiental. As prioridades são trechos da Avenida Getúlio Vargas com a Rua coronel José Galdino (na região da Lua Azul), Praça do Juventus, Rua Farroupilha, no bairro Alegria, Rua João XXIII no bairro Alegria, travessa Vilhena com Rua São Salvador, no bairro da Glória.

Além da limpeza e desobstrução de córregos e igarapés, a Operação Inverno 2018, tem também o viés da Educação Ambiental, executada pela secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semeia), que atua nas escolas e bairros, onde a prefeitura executa a limpeza.

Continuar lendo

Destaque 7

Juliana está presa no quartel da PM e Pastor Manuel ficou no presídio

Publicado

em

A deputada estadual Dra. Juliana Rodrigues (PRB), está presa no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Acre, no Centro de Rio Branco, por falta de vagas no sistema penitenciário da Capital. Além disso, ela é advogada, portanto, detém diploma de nível superior, o que lhe ajuda a não ficar junta às demais presas.

Na contramão disso, o pastor Manuel Marcos, vereador de Rio Branco pelo menos partido, está preso no Complexo Francisco d’Oliveira Conde, também na Capital. Junto com o vereador e presidente do partido, também estão os filhos de Juliana, Diego, Yargo e Rodrigo, todos eles alvos da Operação Santinhos, deflagrada na terça, dia 11.

Segundo a Polícia Federal está reclusa numa sala do Estado-Maior, anexa ao quartel. A instituição, contudo, não deu detalhes sobre os ânimos dos detidos. O empresário Thaisson Maciel, e a esposa dele, também também estão no presídio. Todos com prisão preventiva decretada, objetivando não ter atrapalho nas investigações.

O grupo ligado ao PRB é acusado de desviar recursos do Fundo Eleiotral para a compra de votos aos então candidatos Dra. Juliana e Manuel Marcos, eleitos deputado estadual e federal, respetivamente em outubro. Ao todo, a polícia identificou um desvio de R$ 1,5 milhão.

Continuar lendo
Propaganda

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.