Conecte-se agora

Rio Iaco sobe 1 metro em menos de 24 horas e preocupa moradores de Sena

Publicado

em

Em função das chuvas frequentes que atingem a cidade de Sena Madureira, o nível das águas do rio Iaco aumentou consideravelmente nos últimos dias. Mesmo assim, a situação está sob controle, já que o nível não atingiu a cota de alerta, que é de 14 metros.

Segundo a Defesa Civil Municipal, a medição realizada por volta das 6 horas da manhã desta segunda-feira, dia 12, o nível registrado foi 9,85 metros, contra 8,88 metros verificados no domingo, dia 11.

Na sexta-feira e no sábado a chuva predominou em toda a região, chovendo bastante também nas cabeceiras e nos afluentes do Iaco. A Defesa Civil segue monitorando o manancial e afluentes.

Propaganda

Destaque 3

Denúncias de fraude em urnas serão registradas on-line, informa ministro de segurança

Publicado

em

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, anunciou nesta terça-feira (16) que todas as denúncias feitas por cidadãos nas seções eleitorais sobre irregularidades no processo de votação serão registradas em tempo real e disponibilizadas on-line para acompanhamento da apuração do caso.

Jungmann e a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, assinaram nesta terça-feira (16) um termo de orientação conjunta com diretrizes a serem seguidas por mesários e presidentes das seções eleitorais diante de denúncias sobre fraude nas urnas.

Nesses casos, os mesários e presidentes de seção deverão fazer o registro das denúncias e enviá-las em tempo real ao sistema da Justiça Eleitoral, por meio de uma funcionalidade acrescentada ao aplicativo Pardal, que já se encontra disponível.

“A grande vantagem aqui é que toda e qualquer denúncia estará registrada e colocada em rede aberta, e vocês vão poder conferir o se, o quando e o como, e qual o resultado daquela apuração. Essa é amaneira mais transparente que você pode dar a qualquer tipo de problema que seja verificado por qualquer eleitor ou eleitora”, disse Jungmann após assinar o termo, no TSE.

Segundo o ministro, o objetivo é desencorajar que denúncias sejam feitas após o eleitor deixar a seção eleitoral. Desse modo, acredita o ministro, ficaria mais fácil separar situações verdadeiras de boatos que tenham como objetivo somente abalar a credibilidade da urna eletrônica. Ainda de acordo com Jungmann, reclamações posteriores necessitariam assim apresentar também uma justificativa para não terem sido feitas na hora da votação.

“Acredito que qualquer denúncia que venha a ser feita, deve ser devidamente investigada e apurada. Agora, não entendo por que se você tem a mesa ali, o mesário está ali, o presidente [da seção] está ali, ele tem um aplicativo, tem a determinação de fazê-lo [registrar a denúncia], por que fazer depois? No mínimo uma justificativa tem que ser dada a esse respeito”, defendeu o ministro.

Jungmann informou que espera receber até o fim de semana um relatório da Polícia Federal (PF) com o resultado das investigações sobre todas as irregularidades em urnas eletrônicas relatadas no primeiro turno das eleições. Ele disse que “quem usa fake news para tirar a credibilidade ou para deturpar ou causar comoção, aí de fato não tem jeito, tem que ser punido”.

Continuar lendo

Destaque 3

Horário de verão começa no 1º dia de Enem; Acre ficará com diferença de três horas

Publicado

em

Neste ano, o horário de Verão irá coincidir com o 1º dia de aplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2018), que ocorre no dia 4 de novembro, e os acreanos devem ficar atentos com uma diferença de três horas em relação ao horário de Brasília (DF).

No Acre, a abertura dos portões será às 9h e o fechamento ocorrerá às 10h. As provas terão início às 10h30. Para sair com o caderno de provas o candidato deve esperar até às 15h30.

A decisão pelo não adiamento do horário de verão foi anunciada na segunda-feira, 15, pelo governo federal.

Costumeiramente, o horário de verão começa em outubro, mas devido às eleições o governo adiou para o dia 4 de novembro.

O horário de verão é adota visando a redução de consumo de energia elétrica. A economia equivale, em todo o horário de verão, ao consumo mensal de energia em Brasília.

Continuar lendo

Destaque 3

Recém inaugurado, raio-x do Hospital Wildy Viana não funciona e criança vai à Bolívia fazer exame

Publicado

em

A situação do Hospital Wildy Viana, em Brasiléia, inaugurado há menos de dois meses, não é nada boa. Uma bebê de nove meses, que está com a perna quebrada, precisou ser levada a Cobija, na Bolívia, para fazer um exame de Raio-X, isso porque o aparelho do novo hospital estaria inoperante.

O caso revoltou familiares da paciente e funcionários da unidade de saúde, que denunciam o caos no hospital que leva o nome do pai do governador Sebastião Viana e do senador Jorge Viana, ambos do PT. E o problema pode ser ainda pior: não há previsão de instalação do novo aparelho no hospital.

Um funcionário do Wildy Viana, por telefone, contou que a falta de materiais é contínua na unidade. Segundo ele, faltam vários equipamentos, mas o caso do raio-x é ainda pior, já que o hospital atende casos de trauma por ser o único na região. Apenas atendimentos clínicos foram para o novo prédio.

“Colocaram para cá só a parte clínica e laboratorial, mas a administração ficou no outro prédio. Nós já fizemos reclamação no CAC do Ministério Público, para os sindicatos, e para os deputados. Tem uma deputada daqui da cidade que não faz nada, então a gente vai fazer o que? Se reclamar somos perseguidos”, alega o trabalhador, que pede anonimato.

Dias após ser inaugurado, o hospital sofreu uma outra baixa: o telhado apresentou problemas em meio a uma forte chuva e corredores da unidade ficaram alagados. Deias depois, o governador foi à cidade para inaugurar o centro cirúrgico que, com o primeiro procedimento, simbolizaria o status positivo do hospital.

O site local O Alto Acre também reportou, nesta terça-feira, dia 16, a situação da hospital. Uma informação complementar aponta que não transferiram a criança para Rio Brando porque não havia ambulância para isso, e, se houvesse, seria necessário ter três pacientes na mesma situação. O site não conseguiu falar com a Direção do hospital no telefone 3546-5000.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.