Conecte-se agora

Como saber se a Apple deixou seu iPhone mais lento

Publicado

em

A Apple se envolveu em uma polêmica relacionada à performance dos seus aparelhos. Primeiro, a empresa admitiu que reduzia o desempenho de iPhones com baterias antigas. O motivo era evitar problemas de desligamentos inesperados ou danos a componentes eletrônicos.

Depois, alguns resultados de benchmarks indicaram que um update recente do sistema também derrubou a performance dos iPhones.

Confira a seguir como saber se a empresa deixou o seu iPhone mais lento.

Ok, a Apple reduz a performance de aparelhos com baterias que sejam antigas. O que isso quer dizer?

Para uma bateria ficar velha, você precisa carregá-la diversas vezes. Quanto mais você usar o seu iPhone, mais rápido isso pode acontecer.

Com o tempo, as baterias perdem a capacidade de armazenamento de energia original de fábrica. Quando a duração da bateria estiver ruim, você provavelmente começará a sentir os efeitos da limitação de desempenho.

Para saber se o seu iPhone é afetado por essa restrição, você pode usar o aplicativo Lirum Device Info Lite. Ele mostra informações sobre os componentes eletrônicos do seu smartphone.

Ao abri-lo, toque no menu do canto superior esquerdo da tela, selecione “This Device” e depois “CPU”. As informações que você deve observar para verificar se houve redução de desempenho do seu iPhone são “CPU Actual Clock” (que é o clock do seu aparelho) e “CPU Maximum Clock” (que é o clock máximo, de fábrica, do seu iPhone).

Se os números estiverem diferentes, seu aparelho foi afetado pela restrição de desempenho da Apple.

Outra forma de medir o desempenho do seu aparelho é usar o aplicativo pago GeekBenck 4. Ele dá notas relacionadas à velocidade do seu aparelho.

Para saber se elas estão corretas, você pode compará-las com resultados que você encontra em pesquisas no Google ou fazer você mesmo esse teste periodicamente.

Um caso recente que tem impacto na performance dos iPhones e de vários eletrônicos é uma falha na forma como os processadores funcionam.

Por meio de software, parte do problema pode ser corrigido, mas a queda de performance é inevitável em prol da segurança dos usuários com hackers.

A Apple já se desculpou publicamente pelo caso da limitação de desempenho dos iPhones e oferece desconto na troca da bateria. Com o componente novo, a limitação de velocidade deve sumir.

Porém, a restrição ocasionada pela falha nos processadores vai permanecer e ela afeta a grande maioria dos smartphones e PCs. Para esse último caso, não há o que fazer.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas