Conecte-se agora

Assembleia de Deus se desliga da CGADB e da Ceimadac; Luiz Gonzaga cita necessidade de “reforma espiritual”

Publicado

em

Agora é oficial. A Assembleia de Deus do 1º Distrito de Rio Branco não pertence mais às convenções estadual e nacional da denominação religiosa.

A decisão foi tomada em assembleia geral extraordinária na noite desta terça-feira, 09, como havia antecipado o ac24horas, no templo sede da entidade, na rua Antônio da Rocha Viana, no bairro Vila Ivonete, em Rio Branco, pela maioria da igreja.

A tradicional igreja deixa a CGADB e a Ceimadac para se filiar, depois de 75 anos, à CADB (Convenção das Assembleias de Deus no Brasil), entidade eclesiástica fundada há 60 dias em Belém do Pará, na chamada “igreja mãe” da instituição no Brasil. A CADB é comandada pelo pastor Samuel Câmara e conta com pelo menos 10 mil pastores. Mas esse número deve aumentar com mais adesões Brasil afora.

No longo culto, que foi conduzido pelo pastor Luiz Gonzaga de Lima, presidente da Assembleia de Deus no 1º Distrito, também foram apresentados os líderes de congregações, departamentos da instituição e pastores das chamadas regionais da igreja, um rito que ocorre anualmente na primeira semana de janeiro.

A votação foi presenciada pelo pastor Pedro Abreu de Lima, presidente da Convenção de Igrejas e Ministros das Assembleias de Deus no Acre, e seus auxiliares, que permaneceram no culto, do início ao final, sentados em bancos reservados para obreiros.

Pedro Abreu e auxiliares estiveram na assembleia geral desta terça-feira.

O pastor Luiz Gonzaga direcionou seu extenso sermão para temas relacionados a religiosidade e o que ele chama de “denominacionalismo”.

Citou diversas passagens bíblicas, entre elas a que afirma que “as portas do inferno não prevalecerão contra a igreja”.

“Religiosidade e denominacionalismo estes sim são manipuláveis. A preocupação de Deus é com a igreja dele”, afirmou Gonzaga.

O sermão de Luiz Gonzaga foi um misto de mensagem bíblica com desabafo. Ele lembrou que durante o tempo em que esteve na presidência da Ceimadac não havia a “politicagem” que há atualmente na entidade.

Também chegou a citar o exemplo do regime chavista da Venezuela ao fazer um paralelo sobre a manipulação do sistema político/eclesiástico que há na CGADB e Ceimadac. “Desde Hugo Chavez o sistema de governo da Venezuela é manipulado.”

O presidente da Assembléia de Deus se referiu a Reforma Protestante para justificar o desligamento. Para ele, a igreja, apesar de admitir, parece ter medo de uma reforma.

“Pense num povo que tem medo de reforma somos nós. Gostamos muito de fazer seminários sobre Reforma Protestante, mas temos medo de reforma”, lembrou.

Propaganda

Destaque 7

Direção da Prontoclinica esclarece que condenação da justiça é referente a antiga gestão

Publicado

em

A Pronto Clinica de Rio Branco encaminhou uma nota de esclarecimento ao ac24horas nesta terça-feira, 22, logo após a repercussão se uma sentença condenatória solidária por supostamente ter negado atendimento a uma criança que na época portava carteira de convênio da Ameron.

A Unidade de Saúde informa que o processo é referente a 2015, ainda na antiga gestão. Na época, a criança recebeu os primeiros atendimentos e posteriormente encaminhada para UPA, unidade mais adequada para o referido caso, explica.

A atual direção esclarece ainda que na época dos fatos a Pronto Clínica estava com o convênio da Ameron suspenso por problemas administrativos e atualmente não atende mais via Ameron.

A direção informa ainda que o médico Saulo Beyruth atualmente não faz parte do quadro de profissionais da instituição. A atual gestão dispõe para população acreana mais de 10 instituições conveniadas para melhor atender.

“Todos os nossos colaboradores são diariamente orientados a atender com qualidade e eficiência regidas pelas normas de saúde da atualidade”, explica o comunicado.

O referido processo ainda dispõe de recursos jurídicos disponíveis para que esta instituição possa recorrer da sentença aplicada no último dia 18/01/2019, pela juíza Maha Kouzi Manasfi e Manasfi;

“Para finalizar gostaríamos de ressaltar a qualidade no atendimento e constantes melhorias que a atual gestão vem realizando na Pronto Clínica.

A atual gestão do hospital é dirigida pelo médico Otorrinolaringologista Dr. Carlos Beyruth, CRM 099, médico que atua há mais de 40 anos no Estado do Acre, mestre em Medicina e Saúde pela UFBA/Governo do Acre”, finaliza o comunicado.

Continuar lendo

Destaque 7

Investigado, acreano Vanderson, do ‘BBB’, será intimado a depor

Publicado

em

Investigado por conta de acusações de estupro, agressão física e importunação ao pudor, Vanderson Brito, do “Big Brother Brasil” 19, será ouvido nos próximos dias, segundo a Polícia Civil do Rio de Janeiro. Agentes da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) de Jacarepaguá irão esta semana aos Estúdios Globo para intimar o participante a depor.

Três mulheres registraram boletins de ocorrência contra ele na DEAM de Rio Branco, no Acre. Na última quinta-feira, 17, a delegada titular, Juliana de Angelis Carvalho, disse, em entrevista ao jornal Extra, que já havia solicitado à Polícia Civil do Rio que Vanderson fosse interrogado.

Procurada, a Globo diz, em nota, que “é veementemente contra qualquer tipo de violência, mas cabe às autoridades competentes a apuração de denúncias como a que está sendo feita. Se assim for, poderá tomar medidas, como já fez em outras edições do programa”.

Continuar lendo

Destaque 7

Rio Acre alcançou 14,43m e Prefeitura manteve equipes de plantão todo o final de semana

Defesa Civil vai funcionar no Parque de Exposições até o fim do inverno amazônico

Publicado

em

Por determinação da prefeita Socorro Neri, durante todo o final de semana, as equipes da Defesa Civil, Zeladoria da Cidade, EMURB e Secretaria de Ação Social, ficaram de plantão no Parque de Exposições Wildy Viana para o caso de retirada, transporte e acolhimento de famílias que eventualmente tenham suas casas atingidas pela cheia do Rio Acre, que no sábado à tarde alcançou 14.43 metros.

A Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (COMDEC) contou com 8 militares e civis. Zeladoria e EMURB mantiveram 16 pessoas no plantão, além de 4 equipamentos. A Secretaria de Assistência Social manteve 13 pessoas, entre técnicos e assistentes sociais, no Parque.

A Defesa Civil passou a funcionar no Parque de Exposições, onde permanecerá até o fim do inverno Amazônico. Nesta segunda-feira, 21, na medição das 9 horas da manhã, o Rio Acre já estava com 13.63 metros, mas segundo o coordenador da COMDEC, Cel. George Santos, “a determinação da prefeita Socorro Neri é que toda a estrutura já montada com 94 boxes, lavanderia, cozinha e unidade de saúde, permaneça da forma que está, para o caso de necessidade. E nós do CONDEC, permaneceremos aqui até abril, quando acaba o período chuvoso e o risco de enchentes. A decisão da prefeita leva em conta a agilidade na resposta da estrutura da Prefeitura”, cita o militar.

Na sexta-feira e no sábado, a Prefeitura retirou 5 famílias dos bairros Ayrton Senna e Baixada da Habitasa, que foram levadas para a casa de parentes, e quando quiserem, serão transportadas de volta para as residências.

A secretária adjunta de Assistência Social, Dora Araújo, cita que nenhuma das famílias precisou de benefícios eventuais, como ocorreu na enxurrada dos igarapés no último dia 13, quando a secretaria levou água mineral para várias famílias. “Estamos a postos para agir em qualquer dia e hora”, cita.

A COMDEC segue monitorando o Rio Acre desde Assis Brasil, bem como como o Riozinho do Rôla e demais mananciais da região.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Leia Também

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.