Conecte-se agora

Como saber se você é uma das 1 milhão de pessoas que baixaram versão falsa do WhatsApp?

Publicado

em

Quando você quer abrir o WhatsApp para mandar uma mensagem ou dar um alô em algum grupo aparecem incômodos anúncios de publicidade?

Pois bem, você pode ser uma das milhões de pessoas que baixaram uma versão falsa do popular aplicativo de mensagens instantâneas, que esteve disponível na plataforma Android nas últimas semanas.

Segundo informações fornecidas pelo aplicativo, antes de ser retirado da Play Stores – a loja do Google para o Sistema Android – o falso WhatsApp foi baixado cerca de um milhão de vezes.

Mas como saber se você foi uma das vítimas? Basicamente verificando se surgem anúncios publicitários para baixar outros aplicativos.

De acordo com vários usuários da plataforma Reddit, que levaram o caso a público, essa versão é o que se conhece como um “ad-loaded wrapper” (um facilitador de anúncios), o que a versão verdadeira do WhatsApp não faz.

Até agora não se sabe em quais regiões o aplicativo foi baixado nem quais foram os países mais afetados.

Se você está entre os usuários que fizeram o download, a orientação é apagar o aplicativo falso e baixar um novo.

O engano
O certo é que, apesar de falsa, a versão paralela do WhatsApp parecia muito com a original na loja de aplicativos do Google, que provê a plataforma do Android.

Os desenvolvedores fraudulentos conseguiram que o produto tivesse o mesmo logo do original e até estivesse associado a um desenvolvedor com o mesmo nome: “WhatsApp Inc” .

Isso foi possível porque os criadores da fraude substituíram o espaço entre as duas palavras com um caractere especial que simulava um espaço – uma sutil diferença quase imperceptível para um usuário comum da Google Play Store.

A única diferença evidente que o usuário poderia detectar antes de baixar o app estava em letras pequenas: mais abaixo, na lista de propriedades do aplicativo, aparece o verdadeiro nome do desenvolvedor.

WhatsApp foi lançado em 2009 e, em 2014, foi comprado pelo Facebook, por US$ 19 bilhões. É um dos aplicativos mais usados no mundo, com cerca de 1 bilhão de downloads.

Mas além do engano já resolvido, o que preocupa muitos usuários é que esta não é a primeira vez que o Google tem de remover aplicativos de sua loja.

Em 2015, por exemplo, o gigante tecnológico teve de bloquear um aplicativo que dizia monitorar a bateria do celular, mas o que fazia, na realidade, era enviar mensagens de texto a lugares que cobravam, do dono do aparelho, altas somas de dinheiro.

Anúncios

Cotidiano

Mulher que levava 5 kg de cocaína de Rio Branco para São Paulo é presa pela PRF

Publicado

em

A Polícia Rodoviária Federal prendeu nesta sexta-feira uma viajante por tráfico de drogas em Rio Branco. A jovem, que está grávida, viajava sozinha em um ônibus.

Por volta das 20h30min, uma equipe da PRF determinou parada a um motorista de ônibus. Dentre os passageiros, estava uma mulher que ficou bastante nervosa com a presença da PRF.

Em entrevista, ela apresentou várias versões contraditórias sobre a sua viagem. As reações da passageira fundamentaram a realização de um busca minuciosa nas bagagens e pertences, dos quais constavam um fogão e um ventilador. Dentro do fogão, foram encontrados cerca de 5 quilos de cocaína que reagiu positivamente no teste preliminar.

Diante da situação de flagrante, a passageira confessou que receberia a quantia de R$ 3,5 mil para levar o eletrodoméstico com droga até a capital paulista. Ela recebeu voz de prisão e foi conduzida juntamente com os pertences e o entorpecente para a Delegacia de Flagrantes, na capital acreana.

Continuar lendo

Cotidiano

Andressa Urach conta que nem na prostituição se sentiu tão mal como na igreja

Publicado

em

Por

A apresentadora Andressa Urach resolveu contar em suas redes sociais um pouco sobre o período em que estava na igreja e como foi desgastante, apesar de afirmar saber que Jesus não tinha nada a ver com isso e que “a obra de Deus é feita por pessoas falhas”. Ela ainda afirmou que não costuma esconder esse tipo de situação.

“Nos últimos meses passei por uma decepção tão grande, que literalmente rasgou meu coração, não consegui nem estudar, vou ter que trancar a faculdade de jornalismo, pois não tenho cabeça para pensar sobre isso”.

A apresentadora dedicou os últimos seis anos da vida à igreja e conta que foi excluída de grupos, o que a fez se sentir como se tivesse “demônios” por deixar de fazer parte da instituição. “Acabei me sentindo como um objeto descartável, nunca me senti assim nem no tempo da prostituição”.

Atualmente, Andressa tem contrato com a Record do Rio Grande do Sul até março de 2021 e conta que depende financeiramente do salário: “Dependo financeiramente do meu salário e o mesmo vai até março do próximo ano. (Se eles não me demitirem até lá), como já fizeram da outra vez que estava em São Paulo quando desobedeci a orientação que recebi e casei com o pai do meu filho”.

Mas mesmo com todos os conflitos, ela afirma amar a igreja, mas que não consegue mais frequentar o ambiente que a estava afetando. Andressa também afirmou que precisa aprender a controlar a impulsividade e a raiva.

“Isso está me fazendo mal. Não quero e não vou voltar a ser quem eu era. Estou voltando aos meus tratamentos psiquiátricos, pois sou uma boderline controlada. Enquanto estava na igreja estava tudo sobre controle, mas agora que não estou mais indo na igreja, voltei a tomar uns remédios para me acalmar e controlar minhas crises de ansiedade que voltaram essa segunda-feira”.

Ela comentou ainda que tentou conversar com a igreja para eles devolverem as doações feitas nos últimos anos, mas infelizmente não obteve retorno ainda e não queria entrar na justiça.

Não estou bem, estava vulnerável na época e não pensei no futuro do meu filho e muito menos no meu, estava em uma fase muito frágil e ainda estou, então vou voltar aos meus tratamentos”, concluiu a apresentadora.

Fonte: Correio Braziliense 

Continuar lendo

Acre

Tremor de terra é sentido por moradores de Cruzeiro do Sul

Publicado

em

Várias moradores afirmaram ter sentido um tremor de terra no início da tarde desta sexta-feira, 30, em Cruzeiro do Sul. Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos, um forte terremoto de magnitude 7,1 atingiu o leste do Peru, perto da fronteira com o Brasil.

O epicentro foi localizado 300 quilômetros a noroeste da cidade de Puerto Maldonado. O tremor foi muito profundo, a 570 quilômetros abaixo do solo, em uma região florestal.

Por meio das redes sociais, dezenas de internautas cruzeirenses manifestaram dúvidas quanto a terem sentido a terra tremer, entre eles, o ex-prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro. “Agora um tremor de terra na nossa amada cidade. Alguém mais sentiu balançar?”, indagou.

Continuar lendo

Acre

Casa quase é invadida pela água da chuva e esgoto na Capital

Publicado

em

A forte chuva que caiu durante toda a manhã desta sexta-feira, 30, em Rio Branco causou verdadeiros estragos no bairro Tancredo Neves. Moradores compartilham vídeos dos transtornos provocados pela falta de sistema de drenagem. Uma moradora da Travessa São José enviou um vídeo ao ac24horas em que mostra sua casa quase invadida pela água da chuva e do esgoto.

No vídeo, a moradora conta que reside no bairro há 24 anos e que em toda forte chuva ela e a sua família tem que passar por esse tipo de situação.

“Aqui está a realidade e moro aqui há 28 anos. Aqui dentro do meu quintal passa um esgoto de fossa, passa por aqui todo o tipo de bicho peçonhento e cai aqui dentro da minha casa. Toda a vez que ocorre uma chuva desse tipo acaba acontecendo esse tipo de coisa”, relatou a moradora angustiada.

Veja o vídeo:

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas