Conecte-se agora

Via Verde Shopping, em Rio Branco, aumenta tarifa do estacionamento para R$ 7,00

Publicado

em

Estacionar no Via Verde Shopping ficou mais caro desde o último sábado, dia 07. Agora, entrar de carro ou moto no complexo comercial e permanecer por até quatro horas vai custar R$ 7,00. A tarifa anterior, de R$ 6,00, vigorou por mais de um ano. Consumidores recebem a notícia com indignação.

Em nota, a Administração do shopping explicou o reajuste. Entre as causas estão os investimentos realizados e dissídios trabalhistas cujos custos saíram da empresa. Um dos grandes problemas do local, alvo das críticas de quem usa o espaço, é a falta de cobertura para os veículos.

“A gente paga seis reais, mas quando chove não consegue chegar no carro. Ou a gente espera a chuva passar, ou a gente se molha e trás o carro até aqui. Nesse tempo todo a única coisa que fizeram foi essa cobertura na porta, para o pessoal descer”, reclama Janderson Melo, engenheiro civil.

A Administração do Via Verde Shopping também destacou, em nota, que o estacionamento foi modernizado, propiciando uma melhor experiência aos usuários do local. O shopping também cita a isenção do valor na hora do almoço, o que levaria mais clientes para o local que estava ficando praticamente vazio nesse horário.

“O shopping daqui é pequeno, e tem lojas grandes aqui que é gratuito o estacionamento, como a Havan. A gente pagar cinco reais, como antes, ou manter os seis, tudo bem, mas sete reais é muito. Isso aqui é uma galeria se comparada a outros shoppings. E não vamos longe, é só lembrar de Porto Velho. Lá vale a pena”, dia a professora Eleonayra Magalhães.

O estacionamento já foi alvo de várias ações do Órgão de Proteção do Consumidor do Acre (Procon), e também de ações judiciais. Uma delas porque era cobrada uma taxa administrativa de quem perdia o cupom do estacionamento, o que impossibilitava saber o tempo em que o carro ficou estacionado no local.

A servidora pública federal Ana Ester Paiva recebeu a notícia com espanto. Ela diz que chegou a pedir a nota fiscal dos R$ 6,00 pagos, mas nunca recebeu o documento. “Eles me pediram o e-mail, todos os meus dados, e disseram que iam me mandar. Tudo mentira! O Procon e o Ministério Público, a Secretaria da Fazenda têm que fiscalizar esse pessoal”, alerta.

Propaganda

Destaque 2

Torcida acreana faz sua parte, mas em campo Brasil não sai do empate

Publicado

em

Por mais que os acreanos tenham se unido na tarde deste domingo (17) a milhões de brasileiros para torcer pela seleção em sua estreia na Copa da Rússia, o time do técnico Tite não conseguiu ter um grande desempenho em campo para derrotar a Suíça e ficou no empate em 1 a 1. Coutinho fez o gol pelo Brasil ainda no primeiro tempo e no inicio da segunda etapa, Zuber empatou.

Durante os pouco mais de 90 minutos de partida, o acreano deu um jeitinho para acompanhar o jogo. Até mesmo o governador Sebastião Viana, que havia alguns anos não assistia à Globo, ficou grudado na telinha.

Reunidos com as famílias em casa ou no shopping, ou com os amigos nos bares de Rio Branco, os torcedores procuraram demonstrar a reconquista da confiança em sua seleção, após o fiasco de quatro anos atrás em casa.

O jogo deste domingo foi uma oportunidade para os acreanos voltarem aos velhos tempos de colocar a TV na calçada, reunir os vizinhos e torcer pelo Brasil. Com a atual crise de violência, encontros públicos como esses são cada vez mais raros.

O confronto com a Suíça foi apenas o primeiro de outros dois que a seleção ainda tem para conquistar uma vaga para a próxima fase.

Agora é saber como os acreanos vão se comportar para a próxima partida.: Se o empate foi um banho de água fria ou se ainda tem a fé de levantar pela sexta vez a taça do mundo.

Continuar lendo

Destaque 2

Rua que teve buracos tapados com cimento no Edson Cadaxo vence primeira fase do concurso da Acisa

Publicado

em

A rua Antônio Carlos, no Edson Cadaxo, foi a grande vencedora da primeira fase do concurso “Minha Rua Louca Pelo Brasil”, promovido pela Acisa. A rua Adalberto Costa Silva, no Conjunto Guiomard Santos, sagrou-se vice-campeã.

A rua Antônio Carlos foi destaque em reportagem do ac24horas nesta semana. No local, os moradores taparam a rua com cimento para fazer os desenhos da copa e promover a decoração.

O presidente do bairro, Marcos Alexandre, calcula que foram gastos pelo menos R$ 2 mil com a decoração.

Premiações:

1º Lugar:
• Churrasco 60Kg (carnes e embutidos)
Bebidas (cerveja: 25 caixinhas – refrigerante: 10 fardos – água: 10 fardos);
• 01 Troféu Grande;
• 01 Kit Esportivo contendo: 02 bolas de Futebol, 01 bola de Futsal, 01 bola de Voleibol, 01bola de Handebol e
01bola de Basquete.

2º Lugar:
• Churrasco 40kg (carnes e embutidos)
Bebidas (cerveja: 20 caixinhas – refrigerante: 07 fardos – água: 07 fardos);
• 01 Troféu Médio;
• 01 Kit Esportivo contendo: 01 bolas de Futebol, 01 bola de Futsal, 01 bola de Voleibol e 01bola de Handebol.

Continuar lendo

Destaque 2

Preço do diesel diminui, mas ainda não chega às bombas dos postos R$ 0,46 a menos

Publicado

em

Pela segunda semana consecutiva, o preço do diesel nos postos do Brasil recuou, segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). A queda é resultado do programa de subsídios ao combustível que fez parte do acordo, entre o governo federal e caminhoneiros, que pôs fim à greve de 11 dias da categoria.

Ainda segundo a agência reguladora, o valor médio do diesel nos postos brasileiros atingiu uma média de R$ 3,434 por litro nesta semana, queda de 1,4% em relação aos R$ 3,482 registrados na semana anterior.

Apesar do recuo, o preço nas bombas dos postos do país ainda não refletiu a redução média de R$ 0,46 por litro realizada nas refinarias. Segundo a ANP, isso ainda é um reflexo de estoques antigos. Além disso, para que o corte chegue ao consumidor final, muitos estados ainda precisam reduzir o preço de referência para a cobrança do ICMS.

Gasolina

A gasolina registrou preço médio nos postos de R$ 4,572 nesta semana, queda de 3 centavos, se comparada ao preço da semana anterior, segundo dados da ANP. A Petrobras permanece administrando reajustes quase que diários, seguindo indicadores internacionais, como o preço do barril do petróleo e o dólar.

Consulta Pública

Na última semana o presidente da Petrobras, Ivan Monteiro, deu várias declarações afirmando que aguardará resultados de uma consulta pública – que termina no dia 2 de julho – sobre preços dos combustíveis anunciada pela ANP antes de decidir se será necessária uma mudança na frequência dos reajustes no preço da gasolina realizados pela estatal.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.