Conecte-se agora
Fechar

Roda Viva deve indenizar comerciante em mais de R$ 50 mil por avarias em mercadoria

Publicado

em

A Juíza Joelma Nogueira, da Vara Única da Comarca de Epitaciolândia julgou procedentes os pedidos do Processo apresentando por uma comerciante contra uma das maiores empresas de transporte do Estado do Acre, a Roda Viva Transportes Rodoviários Ltda. A empresa deve reparar os danos materiais na quantia de R$ 5.918,52, indenizar moralmente no importe de R$ 10 mil e pagar lucros cessantes no valor de R$ 38.456,77 por entregar carga com avarias.

A magistrada assinalou ainda que a transportadora deve ser responsabilizada pela mercadoria molhada, o que está em consonância com os artigos 186 e 187 do Código Civil, “aquele que, por ato ilícito, causar dano a outrem, fica obrigado a repará-lo”. A decisão foi publicada na edição n° 5.978 do Diário da Justiça Eletrônico (fl. 87) e a empresa pode recorrer.

Entenda o caso

O comerciante contratou o transporte e entrega de 36 peças de tecido, correspondente a 651,29 kg. Em sua inicial, a requerente alegou o conteúdo da demanda ter sido embarcado no local de origem em perfeito estado, mas na descarga foi verificado que parte das mercadorias estavam molhadas. Então a consumidora recebeu 407,12 kg e determinou a devolução da parte molhada.

Conforme os autos, a direção da empresa se dispôs a solucionar o problema, responsabilizando-se pelo ocorrido, mas até o momento isso não ocorreu.

Decisão

A magistrada afirmou que os pedidos são procedentes, pois a conduta da requerida é clara e essa não se desincumbiu do conjunto de documentos carreados nos autos, que demonstram o fato constitutivo do direito da autora.

As mercadorias eram tecidos de filamentos sintéticos/artificiais e foram enviadas os 651,290 kg foram enviados pela própria indústria têxtil. Os lucros cessantes advieram da interrupção das atividades da autora, que deixou de produzir 1.831 blusas de manga curta (que custa R$ 25,00 a unidade) e, por conseguinte, deixou de lucrar R$ 38.456,77 .

Acre

Por causa de égua, filho mata a própria mãe e depois é morto pelo irmão, em Porto Walter

Publicado

em

Uma tragédia em família foi registrada na comunidade Foz do Natal, em Porto Walter, na região do Juruá, interior do Acre, ontem, e abalou o município.

Após uma discussão por causa de um animal, a dona de casa Zilma Vieira de Melo, de 59 anos, foi morta pelo próprio filho, José Benedito, de 23 anos, com um tiro de espingarda.

Um irmão dele, que era filho de criação de dona Zilma, revoltado, que não teve o nome divulgado, o matou a golpes de terçado na nuca, nas costas e no braço esquerdo e fugiu. A polícia não sabe o paradeiro do rapaz. Os dois eram filhos do mesmo pai.

Zilmar chegou a ser levada ao hospital de Porto Walter, mas morreu ao não resistir aos ferimentos.

Uma égua teria motivado a discussão entre mãe e filho. O delegado Lindomar Ventura disse à jornalista Anny Barbosa, do G1 em Cruzeiro do Sul, que um juiz deve decidir se houve ou não legítima defesa na ação do irmão que matou o outro a golpes de terçado.

“Reunimos as informações e repassamos ao Judiciário, que deve informar se foi o caso de uma legítima defesa, nesse caso, a terceiro ou não. O fato é que estamos em busca do suspeito e, se ele for preso nas próximas horas, vamos realizar o procedimento de flagrante”, informou ao G1.

O corpo de dona Zilma e do filho foram liberados para sepultamento na comunidade Foz do Natal, lugar da tragédia.

Continuar lendo

Acre

PRF prende acreanas no Mato Grosso trazendo 18 pistolas 9 milímetros para o Acre

Publicado

em

Duas acreanas foram detidas por transportar armas em um ônibus. A prisão aconteceu na manhã deste domingo pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), em Pontes Lacerda, estado do Mato Grosso.

Bruna Mirela da Silva Pereira (21) e Ana Paula da Silva (27), estavam em um ônibus da Eucatur que vinha de São Paulo com destino a Rio Branco.

No momento da abordagem, com elas foram encontradas 18 armas de fogo tipo pistola calibre nove milímetros e 400 munições intactas.

As duas são naturais do Acre e o destino do armamento segundo o apurado pela polícia seria Rio Branco. Ambas receberam voz de prisão em flagrante e permanecem no estado do Mato Grosso pelo crime de posse ilegal de arma de uso restrito, agora considerado, crime hediondo.

 

Continuar lendo

Acre

Jovem sem habilitação perde controle de veículo e invade o hotel Ibis em Rio Branco

Publicado

em

Uma jovem de 18 anos sem habilitação perdeu o controle do carro que dirigia, um Corolla, e invadiu a entrada do hotel Ibis em Rio Branco, na Estrada Dias Martins, na madrugada deste domingo, 10.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal do Acre, a jovem seguia no Parque do Tucumã, quando perdeu o controle do veículo, passou por cima de um canteiro e invadiu o hotel. A moça foi levada à Unidade de Pronto Atendimento da  Sobral com  fraturas e escoriações.

No interior do carro, agentes da PRF encontraram um auto de infração de trânsito pelo fato de o veículo ter sido estacionado por volta das 2h30 da madrugada deste domingo, momentos antes de invadir o hotel, sobre a faixa de pedestre na avenida Ceará em frente à Papelaria Globo. Na ocasião, Jardem Bino Bastos se apresentou como condutor para os PMs que atenderam a ocorrência. Populares informaram que Jardem conduziu o carro até o Condomínio Ipê e lá a condutora acidentada, identificada pelo nome de Vitória, teria pego a direção e seguia com destino à sua residência no bairro Tucumã II, quando perdeu o controle e invadiu o hall do Ibis Hotel.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Continuar lendo
Propaganda

Leia também

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.