Conecte-se agora

Acusado de incendiar ônibus na capital tem pedido de liberdade negado pela justiça

Publicado

em

Os membros da Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC) negaram o Habeas Corpus , mantendo, assim, a prisão preventiva de Naikson de Almeida Maia, suspeito de ser membro do PCC (Primeiro Comando da Capital) e detido durante a Operação Êxodo, da Policia Civil, ocorrida no dia 12 de setembro.

A decisão, publicada no Diário da Justiça Eletrônico, é de relatoria do desembargador Elcio Mendes. Ao negar o pedido, o magistrado observou não ter nos autos comprovações para autorizar o pedido pleiteado e reverter a decisão da prisão preventiva emitida pelo Juízo da 4ª Vara Criminal da Comarca de Rio Branco.

O advogado de defesa do suposto envolvido no crime de tráfico de drogas entrou com Habeas Corpus, argumentando que as interceptações telefônicas não incriminam seu cliente, além de discorrer não haver prova concreta sobre o envolvimento do paciente nos incêndios dos ônibus coletivos ocorridos na capital Acreana.

Decisão

O desembargador-relator Elcio Mendes, verificou todos os argumentos apresentados pela defesa, contudo, esclareceu ser necessário a apresentação de provas das alegações. Mas, a parte impetrante não trouxe comprovações de seus argumentos.

“Como é cediço, nas demandas que adentram o Judiciário reclamando urgência, a prestação da tutela, por meio de medida liminar, deve ser lastreada em alegações comprovadas por meio de provas incontestáveis e pré-constituídas. No caso em tela, não vislumbrei a comprovação, de plano, do direito requerido pelo Impetrante em favor do Paciente”, concluiu o magistrado.

Finalizando a decisão, o desembargador determinou a requisição de “(…) informações da autoridade apontada coatora, servindo esta decisão como ofício, a teor do art.124 do Regimento Interno”.

Propaganda

Acre

Torcedores fecham rua para assistir à partida entre Brasil e Suíça, em Rio Branco

Publicado

em

Os moradores da rua Antônio Carlos, no bairro Edson Cadaxo, não pensaram duas vezes na hora de fechar a rua em que vivem para torcer pela vitória do Brasil sobre a Suíça. Mesmo que o clima e as vibrações tenham sido para isso, não vingou o jogo e a partida terminou com empate de 1 a 1.

Ana Valéria, de 23 anos, que assistiu o jogo com a família, disse que faria isso em plena rua pela primeira vez, e que pretende repetir a dosa nos próximos jogos. “Eu vim aqui pra minha tia, e se todos os jogos forem assim, animados, eu vou vir. É uma oportunidade de torcer pela nossa seleção”, diz.

Com gol de Philippe Coutinho aos 19 minutos do primeiro tempo, a impressão era de que a partida, mesmo difícil, terminaria com a vitória para o Brasil. Essa opinião é do Bruno Alencar, que assistia ao jogo com amigos, e não tirava os olhos da tevê nem para uma foto. “É triste ver um empate no primeiro jogo, já era para terem vencido. Dá um desanimo até”, pontua.

Sobre o jogo, Coutinho não deixou por menos na coletiva de imprensa pós-jogo: “Jogo de Copa, todas as equipes são qualificadas. Foi difícil, mas acho que jogamos bem. Tivemos coisas positivas. Claro que queríamos ganhar, mas são três jogos e temos que pensar no próximo. Fiquei feliz pelo gol, mas o importante era vencer”.

Torcida como nos velhos tempos

Reunidos com as famílias em casa ou no shopping, ou com os amigos nos bares de Rio Branco, os torcedores procuraram demonstrar a reconquista da confiança em sua seleção, após o fiasco de quatro anos atrás em casa.

O jogo deste domingo foi uma oportunidade para os acreanos voltarem aos velhos tempos de colocar a TV na calçada, reunir os vizinhos e torcer pelo Brasil. Com a atual crise de violência, encontros públicos como esses são cada vez mais raros.

Continuar lendo

Acre

Prefeita Socorro Neri acompanha estreia do Brasil na casa do sogro, na Capital

Publicado

em

A prefeita de Rio Branco, Socorro Neri, preferiu uma torcida mais discreta ao acompanhar a estréia da seleção brasileira na Copa do Mundo 2018. Ao lado do esposo e do sogro, ambos Joaquim Medeiros, a prefeita publicou uma foto no facebook, minutos antes do almoço.

Ela conversou com o ac24horas logo depois de publicar a foto, e disse que a preferencia pela discrição, é porque perdeu a mãe há pouco tempo, e ainda não está no clima de grandes comemorações. Socorro é conhecida exatamente pela discrição.

Em apenas duas frases, a prefeita deixou mensagem aos internautas, só para não deixar passar em branco a partida. “À espera da estréia do Brasil na Copa! Bem acompanhada dos meus dois Joaquim”, escreveu.

Acreanos espalhados pelo mundo estão compartilhando as fotos da torcida. Em clima de festa, os que torcem pela seleção verde e amarelo vibraram logo após o primeiro gol da partida contra a Suíça, aos 19 minutos e 1 segundo. Um chute forte de Phillipe Coutinho, para marcar os primeiros três pontos do Brasil na competição.

Continuar lendo

Acre

Sebastião Viana volta a assistir Globo e critica bonecos de Olinda nas redes sociais

Publicado

em

Ligado no jogo da seleção brasileira pela telinha da Rede Globo, emissora que ele acusa de ser golpista, o governador Sebastião Viana fez críticas aos bonecos de Olinda feitos em homenagem ao narrador Galvão Bueno e à empresa da família Marinho.

Sebastião disse que a exposição dos bonecos, durante o intervalo do jogo Brasil x Suíça, foi uma apelação da emissora de TV para mostrar uma possível simpatia da população à empresa.

Em entrevista recente ao jornalista Altino Machado, Sebastião Viana afirmou que já há alguns anos não existe à Globo. Na final do BBB, por exemplo, com a acreana Gleici Damasceno na disputa, o petista ficou de costas para o aparelho de televisão.

Com a transmissão da Copa sendo exclusiva da Globo, Sebastião não teve como boicotar a plim-plim.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.