Conecte-se conosco
Fechar

Estudante Bruno Borges terá que se explicar à polícia, informa delegado

Publicado

em

O estudante de psicologia Bruno Borges, que reapareceu nesta sexta-feira, 11, quase cinco meses após ter sumido sem deixar vestígios, vai ter que se explicar à polícia. A informação foi repassada pelo delegado Alcino Júnior, durante coletiva de imprensa. Bruno tem 25 anos e retornou à casa dos pais, ceifando rumores que tivesse sido sequestrado ou morto.

De acordo com o delegado, as investigações sobre o desaparecimento de Bruno haviam sido encerradas logo após ser descoberto o plano que o jovem tinha para desaparecer e propagar suas ideias, aumentando inclusive os rendimentos que ele viria a ter com a venda dos livros. Um contato para divisão de lucros também foi apreendido na casa de Marcelo Ferreira, melhor amigo de Bruno.

“Nós acabamos chegando à conclusão de que não tinha nenhum viés criminoso, mas a comprovação de que era algo planejado. Não há qualquer tipo de responsabilização para Bruno ou qualquer familiar. Talvez tenha trazido alguma consequência social, mas não consequência jurídica. A gente ficou de marcar uma data para a próxima semana, mais para trazer alguns esclarecimentos, e pontuar alguns vínculos”, explica Alcino Júnior.

Em março, quando sumiu, Bruno deixou muitas dúvidas sobre o que de fato teria acontecido. E alguns detalhes chamaram a atenção nessa história: o rapaz escreveu e deixou para trás 14 livros codificados, uma estátua do filósofo Giordano Bruno (1548-1600), e o próprio quarto cheio de escritos no teto e nas paredes.

Denise Borges, mãe de Bruno, acredita que Nossa Senhora Aparecida é a responsável pelo retorno do filho Ela orava no santuário da santa, em São Paulo, quando recebeu uma ligação de Bruno, que informou estar bem, em casa. “ Eu vim em Aparecida do Norte, pedir para que ela [Nossa Senhora de Aparecida] o trouxesse de volta, e ela o trouxe de volta”, disse Denise.

Continuar lendo

Cotidiano

Senadores debatem regulamentação e uso dos aplicativos de transporte na próxima semana; entenda

Publicado

em

O projeto de lei que regulamenta o uso dos aplicativos de transporte será discutido na próxima terça-feira, dia 24, às 14 horas, pela Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) do Senado que busca dar celeridade na tramitação da matéria.

Aplicativos como o Uber, por exemplo, podem ser beneficiados com a aprovação e sanção desse projeto. Mas a proposta também pode ser barrada pela Casa, o que devolveria o projeto para a Câmara, sendo necessário um novo.

Em caso de demora, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB/CE), já avisou que lerá em plenário o requerimento de urgência, apresentado por diversos senadores, para que o projeto seja votado de forma mais rápida. A pauta é alvo é muitos debates contra e favoráveis à aprovação.

Para empresas como a Uber, da forma como foi aprovada pela Câmara, a proposta vai “proibir” os aplicativos de mobilidade urbana no Brasil, prejudicando mais de 17 milhões de usuários, ao engessar as regras para o cadastro dos motoristas. Já os taxistas querem que o projeto seja aprovado o mais rápido possível.

Na semana passada, centenas de carros de diversos estados foram a Brasília pressionar os parlamentares. Ambos os lados também incentivam as categorias a enviar mensagens pelas redes sociais e ligar para os senadores, na tentativa de convencê-los.

Continuar lendo

Cotidiano

Homem é assassinado a tiros em frente de casa no bairro Montanhês, na periferia de Rio Branco

Publicado

em

O ranking dos homicídios continua marcando pontos. Neste sábado, dia 21, Josemar Silva, de 30 anos, foi assassinado em frente de casa na Rua Flaviano Melo, no bairro Montanhês, em Rio Branco. O caso foi confirmado pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública do Acre (Ciosp).

Segundo apurou o ac24horas, até às 14 horas deste sábado nenhum suspeito havia sido preso pelo crime. A vítima estava envolvida com alguns crimes que haviam ocorrido na comunidade. É possível que a morte tenha sido um acerto de contas.

À polícia, moradores informaram apenas terem ouvido os disparos e gritos, mas nenhum dos suspeitos teriam sido vistos no local. A família também não desconfia de quem pudesse ter cometido o crime contra Josemar.

Uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi até o local, mas como a vítima já estava morta, apenas removeu Josemar para o IML, no Bosque.

Continuar lendo

Cotidiano

Matrículas abertas para os cursos de comissário de voo e piloto privado de avião da Altaneira Escola de Aviação

Publicado

em

A Altaneira Escola de Aviação Civil abriu as matrículas para os cursos de comissário de voo, aeromoça e piloto privado de avião. De acordo com os diretores da empresa, a Altaneira é a primeira escola de aviação civil homologada na ANAC do Estado do Acre.

Os diretores da empresa informam que as aulas terão início no próximo dia 06 de novembro e as vagas são limitadas. As aulas acontecerão nos dias de segunda, quarta e sexta-feira, das 18:30 às 22h e a duração é de quatro meses.

Contatos:

Telefone: 2102-7000
Rua Francisco Mangabeira, 23, Bosque. Próximo ao campo do Vasco.
Curta nossa página no facebook: https://www.facebook.com/AltaneiraAviacao/

Continuar lendo
Publicidade

Leia também

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.