Conecte-se agora

Acre: de onde um delegado vira prefeito e agente de polícia vereador, mas em outros Estados

Publicado

em

O Acre é realmente um Estado sui generis. Isso é comprovado com o fato dos policiais civis não terem uma forte representação política por aqui, ainda que vários tenham tentado se eleger. Mas dois deles conseguiram ser eleitos, embora as candidaturas tenham sido em estados tão distantes como Minas Gerais (MG) e Alagoas (AL).

Conforme se verifica no Diário Oficial do Estado do Acre (DOE), edição desta segunda-feira (20), a Secretaria de Estado da Gestão Administrativa (SGA) publicou as portarias Nº 280 e 281/2017 onde concede o afastamento para exercício de mandato eletivo dos dois servidores.

O delegado Julvan Rezende Araújo Lacerda, foi eleito Prefeito do Município Moema/MG. Ele vai se afastar pelo período do mandato e com ônus para o Estado do Acre. A distância em linha reta entre Rio Branco e Moema (SP) é de 2.644 km e 3.394 km por via rodoviária.

Por sua vez, o agente de polícia civil (APC) Jaelson dos Santos Silva foi eleito vereador do distante Município de São Brás (AL), onde vai ficar pelos próximos quatro anos sem ônus aos cofres acreanos. A distância entre a capital acreana e São Brás (AL) em linha reta é de 3.394 km, com 4.776 km por via rodoviária.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas