Conecte-se conosco
Fechar

Promotor Celso Jerônimo é promovido a procurador por merecimento

Publicado

em

O promotor Celso Jerônimo de Souza foi promovido ao cargo de procurador de Justiça por merecimento, após sessão ordinária do Conselho Superior do Ministério Público do Estado do Acre, na quinta-feira, 16, que definiu a lista tríplice para a promoção.

Além de Celso Jerônimo, que obteve a maior pontuação, integraram a lista os promotores Rita de Cássia Nogueira Lima e Danilo Lovisaro do Nascimento, que alcançaram a mesma média de pontos, tendo sido usado o critério de antiguidade para desempate, deixando a promotora na segunda posição.

Os promotores Almir Fernandes Branco, Felisberto Fernandes, Ricardo Coelho, Getúlio Barbosa, Efrain Mendoza, João Pires e Francisco Maia Guedes também estavam inscritos.

A sessão foi conduzida pelo procurador-geral de Justiça Oswaldo D’Albuquerque Lima Neto, que preside o CSMP, e contou com a presença da corregedora-geral Kátia Rejane de Araújo Rodrigues, que é membro-nato, além das conselheiras Giselle Mubarac e Vanda Denir Milani, sendo acompanhada pelo presidente da Associação do Ministério Público, promotor Francisco Maia Guedes, como também por outros membros do MPAC.

A lista tríplice foi encaminhada ao procurador-geral de Justiça Oswaldo D’Albuquerque Lima Neto, a quem cabe nomear o novo procurador de Justiça.  No início da noite, o nome do promotor Celso Jerônimo de Souza foi anunciado como o escolhido para ocupar a vaga.

“Foi uma promoção justa, até porque tanto o Dr Celso, como a Dra Rita e o Dr Danilo, e os demais que se habilitaram são pessoas honradas e que reúnem todas as qualidades no exercício do sacerdócio ministerial. Ainda teremos mais quatro promoções, que se efetivarão quando todos os processos estiverem devidamente instruídos pela Corregedoria Geral, que com certeza observarão todos os critérios necessários às promoções, observando sempre os princípios da transparência, publicidade e lealdade institucional. Além desses, teremos os procedimentos de remoção, que irão garantir a devida movimentação na carreira”, comentou o procurador-geral.

Critérios

A promoção ou remoção de membros do MPAC é feita de duas formas, que são intercaladas: antiguidade ou merecimento. A antiguidade é definida pelo tempo de carreira. Já o merecimento nas remoções e promoções é aferido conforme desempenho e critérios objetivos de produtividade e presteza no exercício das funções ministeriais e pela frequência e aproveitamento em cursos oficiais ou reconhecidos de aperfeiçoamento, entre outros.

É a Resolução n° 10/2016, do Conselho Superior do MPAC, que dispõe sobre os pressupostos, requisitos e critérios objetivos para aferição do merecimento dos membros do Ministério Público do Acre.

Também são avaliados, por exemplo, a conduta do membro do Ministério Público na sua vida pública e particular e o conceito de que goza na comarca, sua participação em projetos de planejamento estratégico.

Os conselheiros também verificam a contribuição do membro na execução de metas globais da Instituição, a ser aferida mediante instrumento de mensuração aplicada pela Diretoria de Planejamento Estratégico; bem como sua colaboração ao aperfeiçoamento do Ministério Público.

Celso Jerônimo: 20 anos a serviço do MPAC

Natural de Minas Gerais, Celso Jerônimo ingressou no Ministério Público do Acre em 31 de janeiro de 1997. De origem humilde, ele é o único de uma família de dez irmãos que conseguiu concluir o ensino superior. Ele possui graduação em Direito pela Faculdade Estadual de Direito do Norte Pioneiro.

LEIA TAMBÉM:
>>> Da roça ao Ministério Público: Uma história de luta e determinação

Antes de ser promotor de Justiça, trabalhou como professor, auxiliar administrativo, consultor técnico, chefe de oficina e bancário. Sua posse como membro do Ministério Público aconteceu após cinco tentativas, nas quais, em quatro delas reprovou na prova oral.

Para assumir, renunciou aos cargos de procurador do Banco Central e de procurador do Banco do Paraná, para os quais também havia sido aprovado.

Celso Jerônimo atuou no interior do Estado, foi presidente da Associação do Ministério Público do Acre, e respondia pela 3ª Promotoria Cível até ser nomeado, em 2014, como secretário-geral do MPAC, sendo de sua responsabilidade fazer a supervisão e direção dos órgãos de apoio técnico e administrativo.

“Ao novo procurador, já nomeado, a gratidão do Ministério Público pelos relevantes serviços prestados à sociedade acreana e o desejo genuíno de que Deus continue a iluminá-lo e guiá-lo nessa nova caminhada que, com certeza, com base na sua história de vida, caráter e seu completo comprometimento institucional, será também de grande sucesso. Ganha a segunda instância do MP, ganha a sociedade acreana”, finalizou o procurador-geral.

Kelly Souza- Agência de Notícias do MPAC

Continuar lendo

Cotidiano

Quatro pessoas ficaram feridas após tiroteio na tarde desta terça-feira, no bairro 6 de Agosto, na capital

Publicado

em

Na tarde desta terça-feira (17), quatro pessoas ficaram feridas, entre elas uma mulher e uma criança de 2 anos, após tiros no bairro Seis de Agosto, no Segundo Distrito de Rio Branco.

De acordo com informações coletadas pela equipe policial, um veículo preto se aproximou do grupo e armados os ocupantes efetuaram pelo menos 10 disparos.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), foi acionado e três viaturas prestaram apoio a ocorrência. A mulher, a criança e dois homens foram encaminhados ao Pronto Socorro. A menor levou um tiro de raspão e não corre riscos de morte

A Polícia Militar, após a coleta de informações, saiu a procura dos suspeitos que se evadiram tomando rumo ignorado após o crime de tentativa de homicídio.

Continuar lendo

Cotidiano

Após denúncia, BOPE prende homem de 37 anos com fuzil e outras armas no bairro Calafate, em Rio Branco

Publicado

em

Um homem de 37 anos foi preso na tarde desta terça-feira (17), em flagrante com um fuzil em uma residência localizada na Rua Madureira, bairro Novo Calafate, em Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, a prisão só foi possível após uma denúncia anônima que dava conta de que na residência havia homens armados. Ao chegarem ao local, o Batalhão de Operações Especiais (BOPE), encontraram a arma de fogo de grosso calibre, uma AR-15, com 21 munições, de uma pistola 9 milímetros, 14 munições de 556, usadas em outro tipo de fuzil, droga, celulares, dinheiro e material para embalagem do entorpecente.

Na casa no momento do flagrante só havia Cleber José da Silva Bezerra, que alegou ter comprado a arma pelo valor de R$ 28 mil no pais vizinho, a Bolívia. O homem foi levado a Delegacia de Flagrantes (Defla), e deverá retornar ao regime fechado já que estava sendo monitorado em regime semi aberto. Desta vez, deverá responder pelos crimes de posse ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas.

Continuar lendo

Destaque 5

Acadêmicos de medicina em Cobija estão sendo proibidos de entrar em sala de aula

Publicado

em

Os alunos brasileiros que cursam medicina na Universidade Técnica Privada Cosmos, localizada na cidade de Cobija, capital de Pando/Bolívia, fronteira com o Acre (Brasil) foram surpreendidos pela direção da instituição ao serem notificados da proibição de ingresso em sala de aula por não quitação de débitos.

Segundo denuncia feita pelos alunos, que pediram para não serem identificados por temerem represálias, a direção da instituição de ensino boliviana colocou um funcionário com acesso aos dados para que fosse verificado nomes e possíveis atrasos na mensalidade.

A direção ainda fixou um aviso informando que caso não fosse efetuado o pagamento, os estudantes não poderiam ter acesso as provas e boletins.

Os estudantes afirmam estar cientes que mediante atraso de parcela não podem fazer as provas, mas, o acesso à sala de aula não poderia ser negado.

“Estamos passando constrangimento. Esperamos que a direção geral em Cochabamba possa tomar alguma atitude, pois, quase 100% dos alunos são brasileiros e mantém a faculdade. Já tivemos um caso como esse e haviam suspendido esse tratamento e voltaram”, reclamou um dos acadêmicos.

Anteriormente foi realizado reuniões com autoridades dos dois países para tratar desse tipo de assunto, uma vez que estrangeiros vem grandes investimentos nas instituições de ensino, além de aquecer o mercado em várias áreas.

Continuar lendo
Publicidade

Leia também

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.