Conecte-se agora

Saiba quanto custaram os senadores do Acre para os cofres da Nação em 2016

Publicado

em

O ac24horas fez um levantamento sobre as despesas de cada um dos três senadores da República para o país em 2016. E publicará em breve as mesmas informações sobre os deputados federais.

A intenção é conscientizar o eleitor sobre o custo de cada parlamentar federal, e da importância de eleger pessoas cuja trajetória de vida, currículo profissional e capacidade política sejam compatíveis com os valores cobrados dos contribuintes.

Congresso Nacional
Em 2016, a despesa total do Congresso Nacional para os brasileiros foi equivalente a 1,1 milhão de reais por hora, segundo levantamento da ONG Transparência Brasil. Ou 26,4 milhões de reais por dia. Os valores gastos pelos deputados e senadores não arrefeceram nem mesmo diante da crise econômica, que extinguiu mais de 12 milhões de empregos, achatou salários e corroeu o poder de compra dos trabalhadores.

Com um orçamento um pouco mais modesto que o da Câmara dos Deputados, o Senado Federal custou, em 2016, 3,9 bilhões de reais aos cofres públicos. Despesas com pessoal e encargos sociais consumiram a maior parte desses recursos: 84%, ou 3,3 bilhões de reais.

As despesas correntes ficaram em 553,3 milhões de reais, além de 62,2 milhões de reais para investimentos.

Juntos, os senadores acreanos Jorge Viana (PT), Sérgio Petecão (PSD) e Gladson Cameli (PP) somaram, no ano passado, uma despesa média de 20,4 milhões de reais. Ou 1,7 milhão de reais por mês. Cada um deles totalizou 569,2 mil reais mensais em despesas aos cofres da Nação.

O alto custo dos senadores brasileiros tem como explicação o excesso de mordomias oferecidas aos ocupantes dos 81 cargos existentes. Um deles é o “auxílio-moradia”, cujo valor foi estabelecido em 5,5 mil reais por mês no ano passado. Gladson Cameli, Jorge Viana e Sérgio Petecão residem em apartamentos funcionais do Senado, e por isso não têm direito à verba.

Em relação à chamada “cota para exercício da atividade parlamentar” – que inclui despesas com aluguel de imóveis para escritório político, aquisição de material de consumo, locomoção, hospedagem, alimentação, combustíveis e divulgação, entre outros – os três senadores a utilizam conforme as necessidades que alegam no momento de pedir ressarcimento à Mesa Diretora.

Gladson lidera a lista, com um total de 619 mil reais gastos em 2016. Em segundo vem Jorge Viana, com 448 mil reais. E finalmente Petecão, com 399 mil.

senadores_00

Gladson também é o senador que dispõe do maior número de servidores: são 41 no total, sendo 35 comissionados e seis do quadro efetivo do Senado. Petecão vem em seguida, também com 35 comissionados e dois efetivos. Já Jorge Viana só trabalha com pessoal comissionado: 24 no total. Esses números incluem tanto os que estão à disposição dos senadores em Brasília, quanto os que atuam em escritórios no Acre.

No quesito aluguel de imóvel para funcionamento de escritório político, Jorge Viana lidera a lista de gastos, com mais de 78 mil reais pagos em 2016. Em seguida vem Sérgio Petecão, com 50,8 mil. E afinal Gladson Cameli, com 19,7 mil. Detalhe: os três senadores mantêm seus escritórios em Rio Branco.

Mas quando o assunto é “ressarcimento de passagem aérea”, Gladson novamente lidera, com despesas que totalizam mais de 109 mil reais em 2016 – teto muito acima dos R$ 12,4 mil de Petecão e R$ 10,2 mil de Jorge Viana.

E se o tema for “aquisição de material de consumo”, Jorge é o único a gastar: 32,3 mil reais em 2016.

O senador petista também é o único a acumular o vencimento de parlamentar, no valor de R$ 33.763, à pensão vitalícia que recebe como ex-governador. Isso faz dele, como recém-noticiado pelo jornal O Globo, um dos dez maiores salários do Senado da República.

Todos os 81 senadores têm à disposição, também, a assinatura de cinco publicações, entre jornais e revistas. O site do Senado não informa detalhes desses serviços para cada um dos senadores.

Patrimônio e desempenho parlamentar
Segundo o site excelencias.org.br, em 2010 o patrimônio do senador Jorge Viana foi avaliado em 2,9 milhões de reais. Ele é o mais rico entre os três senadores acreanos. Em seguida aparece Gladson Cameli (informações prestadas no ano de sua eleição, 2014), com patrimônio declarado à Justiça Eleitoral de 514 mil reais, seguido por Sérgio Petecão, com 359 mil.

Ligado à ONG Transparência Brasil, o excelencias.org também faz o levantamento das atividades parlamentares dos senadores da República.

Gladson é o que mais falta às sessões, independente das justificativas: apresenta média de 18,2% de ausência. Em seguida vem Jorge Viana, com 7,1%. E finalmente Petecão, com 6,3%.

No quesito “matérias irrelevantes” apresentadas em plenário, Jorge Viana lidera com 25%, contra 0% de Petecão. O levantamento do site ainda não computou a relevância das propostas apresentadas por Gladson Cameli.

Anúncios

Cotidiano

Casal é preso ao tentar levar droga da Cidade do Povo para ‘boca de fumo’ no Triângulo

Publicado

em

Uma ação dos Policiais Militares da Companhia Giro resultou na prisão de uma mulher de 33 anos e de um homem identificado como Antônio, de 49 anos, pelo crime de tráfico de drogas. A prisão ocorreu no início da noite desta quinta-feira, 24, na rua Maria de Lurdes, situada no bairro Triângulo, Segundo Distrito de Rio Branco.

A polícia estava fazendo um patrulhamento de rotina na região quando avistou o casal em atitude suspeita dentro de um veículo modelo Voyage, de cor branca. Foi feita a abordagem e durante a revista no carro foi encontrado um saco de cocaína, totalizando 100 gramas do entorpecente e uma quantia de R$ 286,00 em espécie.

Segundo a polícia, a mulher é moradora do Conjunto Habitacional Cidade do Povo e foi pegar a droga com um traficante no bairro Cidade Nova. A mulher chegou a relatar aos policiais que ganharia uma quantia de R$ 1 mil para deixar o entorpecente na ‘boca de fumo’ próximo a ponte do bairro Taquari.

Foi dada voz de prisão e o casal foi encaminhado à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os devidos procedimentos. Na delegacia, foi feito uma consulta no sistema e os policiais constataram que Antônio responde pelo crime de tentativa de homicídio ocorrida no ano de 2016.

Continuar lendo

Cotidiano

Governo confirma agenda com ministros nesta sexta-feira (25) na Biblioteca do Estado

Publicado

em

O governador Gladson Cameli, recepciona nesta sexta-feira (25) em Rio Branco os ministros do Desenvolvimento Regional e de Relações Exteriores, Rogério Marinho e Ernesto Araújo, respectivamente.

Marinho e Araújo estarão no Acre para o anúncio da destinação de R$ 45 milhões a serem investidos na recuperação da rodovia AC-10, que liga Rio Branco a Porto Acre, e na duplicação de parte da rodovia AC-405, em Cruzeiro do Sul.

Ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho

Após o protocolo de recepção, os ministros e o governador seguem às 10h30 para a Biblioteca Pública do Estado, onde se dará a agenda oficial. O evento adota cuidados sanitário para evitar a proliferação da Covid-19.

Continuar lendo

Cotidiano

Desembargadores elegem nova presidência do TJ dia 14 de outubro no Acre

Publicado

em

A eleição da próxima equipe de gestores do Tribunal de Justiça do Acre está prevista para 14 do outubro. Em sessão do Tribunal Pleno serão escolhidos três desembargadores para ocuparem os cargos de presidente, vice-presidente e corregedor-geral da Justiça, pelo período de dois anos.

De acordo com Regimento Interno do TJAC, artigos 259 e 260, estão impedidos de participar do pleito o magistrado que exerceu algum cargo de direção por quatro anos ou quem foi presidente, até que se esgotem todos os nomes, na ordem de antiguidade. Além disso, o estatuto também proíbe a reeleição para o mesmo cargo.

O pleito da nova direção precisa acontecer com no mínimo 60 dias antes do término do mandado anterior. Após a escolha inicia o período de transição, como estabelece a Resolução n.° 95 de 2009, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

A equipe de direção deve entregar aos eleitos relatórios com dados sobre planejamento, da estatística processual, do trabalho realizado por comissões, orçamento, estrutura organizacional e outros dados necessários para administração do Judiciário.

Continuar lendo

Destaque 4

Alan Rick visita secretário Mauro Sérgio e reforça compromisso com a Educação no Acre

Publicado

em

O deputado federal Alan Rick (DEM) visitou na manhã de quinta-feira, 24, o secretário de Estado de Educação, Cultura e Esportes, Mauro Sérgio. Na pauta, as melhorias no sistema de educação do Estado proporcionadas através das emendas destinadas pelo parlamentar ao longo dos seis anos de mandato.

No total, o deputado já destinou para a pasta mais de R$ 59 milhões em emendas individuais e recursos extras. Somente no último ano foram mais de R$ 7 milhões. Os recursos foram direcionados para obras de construção, reforma e ampliação de escolas e creches na capital e em cidades do interior, além da aquisição de ônibus escolares.

“Essa parceria com o secretario Mauro Sérgio tem rendido bons frutos para o nosso Estado. Somente do ano passado para cá já viabilizamos R$ 7 milhões em emendas para a Secretaria de Educação e que já estão sendo executadas. Aquisição de ônibus, reforma de escolas, construção de quadras, aquisição de equipamentos, enfim, juntos estamos trabalhando para fortalecer a Educação no Acre e mantê-la no caminho certo”, disse o deputado.

Na próxima segunda-feira, 28, o deputado estará em cruzeiro do Sul, juntamente com o secretário Mauro Sérgio, para fazer a entrega de novos ônibus para as escolas rurais. “A aquisição desses ônibus irá contribuir de forma efetiva no transporte de alunos que estudam em áreas de difícil acesso, melhorando, consequentemente, o rendimento escolar e qualidade de vida de nossos estudantes”, finalizou.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas