Conecte-se agora

No Acre, idoso divulga telefone no rádio em busca de uma coroa enxuta e perfeita para casar

Publicado

em

O rádio continua sendo um forte meio de comunicação no interior do Brasil. Através de suas ondas avisos são dados, notícias são veiculadas e até namoros e casamentos são encomendados. Foi o que o aposentado Valdecir Arruda, de 64 anos, conhecido como Seu Fan, fez ao procurar a Nova Era FM de Tarauacá: avisar por meio da emissora que está atrás de uma esposa.

galandoradio

O aposentado tem casa própria, mora na rua Joaquim Teixeira, bairro da Praia, o maior de Tarauacá. É viúvo. Ex-seringueiro, atualmente trabalhando com a produção e venda de verduras, ele não suportou a solidão ocasionada pela falta de uma companheira e procurou a rádio comunitária local, que na cidade possui grande audiência.

O aviso foi dado através do radialista, professor e blogueiro Raimundo Accioly, que também aproveitou sua página no Facebook para fazer o anúncio, com direito a uma foto, e ajudar o aposentado.

Seu Fan desenhou as características daquilo que ele considera uma mulher perfeita para conviver ao lado dele para o resto da vida: “Uma coroa enxuta, que tenha bons costumes, para eu amar e ser amado”, lista. Ao final da fala disponibilizou seu telefone: (99964-9955).

Após o primeiro aviso público, ele diz que “choveu de telefonemas”. O primeiro encontro que teve, logo após as inúmeras ligações, não surtiu o efeito desejado. Era uma mulher de 34 anos, moradora no bairro Triângulo, mesma cidade de Seu Fan, mas que queria apenas namorar sem compromisso.

“A mulher é bonita, é nova, mas só quer namorar. Não quer casar. Não quer algo sério comigo”, lamenta.

O perfil da primeira mulher com quem o aposentado conversou depois do anúncio na rádio não é o que ele procura. Seu Fan é do tipo moda antiga, do formato tradicional: “Quero pessoa de moral, que quer coisa séria comigo, que não me meta chifre, que me respeite. Não quero gente pra ficar. Pode ter filho, se for boa pessoa não tem problema”, afirma.

Por telefone, ac24horas pergunta a Seu Fan: E se morar em outra cidade, em Rio Branco, por exemplo?
“Não tem problema. Se a conversa me agradar eu mando buscar”, responde o aposentado.

Propaganda

Acre

Após 18 anos, ex-deputada petista Leila Galvão retorna à sala de aula

Publicado

em

A ex-deputada estadual pelo (PT), Leila Galvão, usou sua página no Facebook nesta segunda-feira, dia 18, para demonstrar a felicidade de retornar ao seu ‘sacerdócio’ de ser professora, onde ficou ausente por 18 anos.

Leila Galvão se afastou das salas de aula, quando foi eleita como vice-prefeita do ex-prefeito Alvanir Lopes, em 2001. Com o afastamento do titular, assumiu a cadeira municipal e se reelegeu no pleito seguinte. Antes, a professora já atuava como vereadora por dois mandatos.

Após o segundo mandato de prefeita e com bom índice de aceitação, Leila se elegeu deputada estadual, mas não conseguiu sua reeleição para voltar à Assembleia Legislativa do Acre em 2018.

Com o carisma entre os alunos, Leila comentou; “… tive a alegria de retornar à sala de aula, após 18 anos, para ministrar Língua Portuguesa, no ensino médio. Senti-me desafiada e motivada ao reencontrar jovens cheios de energia e de sonhos”, destacou.

Com informações do Alto Acre.

Continuar lendo

Acre

MS anuncia estudo sobre alimentação das crianças do Acre

Publicado

em

O Acre está relacionado entre os Estados que farão parte do Estudo Nacional de Alimentação e Nutrição Infantil (Enani). Foram selecionados 15 mil domicílios em 123 municípios. Em junho e julho de 2019 cerca de 60 pesquisadores ligados ao Ministério da Saúde estarão no Acre realizando coleta de dados sobre alimentação dos brasileiros menores de cinco anos.

Pais e responsáveis devem contribuir com informações de alimentação sobre aleitamento materno e alimentação infantil, além de dados que vão permitir avaliar o crescimento e deficiências de nutrientes nesse público. A participação é voluntária e os dados são sigilosos.

A pesquisa começa pelo Distrito Federal, de Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Santa Catarina, com um cronograma a cumprir até abril. Em seguida, a pesquisa ocorre Mato Grosso e Paraná. Em junho e julho, Além do Acre serão estudadas crianças do Amazonas, Rondônia, Roraima e Tocantins; em agosto e setembro, Goiás e São Paulo.

(Com informações do MS).

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.