Conecte-se agora

Após a aprovação da saída da presidente Dilma, governistas do Acre ficam em silêncio

Publicado

em

Duas horas após a aprovação do processo de impeachment no Senado, apenas os senadores Sérgio Petecão (PSD) e Gladson Cameli (PP) se manifestaram sobre a admissibilidade do impedimento da presidente Dilma. Os governistas permanecem em silêncio. O governador Sebastião Viana que costuma se pronunciar pelas redes sociais também está calado. Por 55 votos a favor e 22 contra, o Senado aprovou o afastamento da petista.

O senador Sérgio Petecão, que voltou pela admissibilidade do impedimento, disse que espera que “o próximo governo possa reanimar o povo brasileiro. Volto pra casa com o sentimento do dever cumprido. E que Deus ajude o Brasil”.
Momentos após o resultado da votação, Gladson Cameli, que também foi a favor do impeachment, divulgou o resultado da votação.

“Bom dia, amigos! Por 55 a 22, o Senado acabou de aprovar abertura processo de impeachment e presidente Dilma Rouseff é afastada por até 180 dias!”

A sessão histórica que antecedeu a votação do impeachment durou quase 24 horas. Às 6h36 (4h36 no Acre), o presidente do Senado Renan Calheiro (PMDB-AL) anunciou o resultado da votação, que durou apenas dois minutos.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas