Conecte-se agora

Líder tucano do Acre diz que não concorda que PSDB participe de possível governo do PMDB

Publicado

em

chute_01

Bom dia! Boa tarde! Boa noite!

Respondam sem pestanejar meus três leitores, vocês recusariam dois ministérios de porteiras fechadas? Márcio Bittar, o deputado federal mais bem votado da história política do Acre, abdicaria. Por telefone, o líder tucano disse que não concorda que o PSDB participe do possível governo de Michel Temer, do PMDB. Bittar acredita que “este é o momento de acabar com a política do toma lá, dá cá. O PSDB precisa dar exemplo, já que a política brasileira vem sistematicamente sendo desacreditada pelos acordos e conchavos. As investigações da Lava Jato só vêm confirmar que a política precisa mudar. O próprio PSDB entrou com uma ação pedindo anulação da chapa de Dilma Rousseff e Michel Temer, como podemos ocupar ministérios, se apontamos o cometimento de crime eleitoral?”

Márcio Bittar destaca que os tucanos devem apoiar todas as medidas adotadas pelo governo Temer para mudar os rumos da economia brasileira. “Olha, o PSDB deveria apenas apoiar no que o novo governo precisa, votando e aprovando os projetos de interesse do povo brasileiro, unindo forças para tirar o país desta situação econômica difícil provocada pela incompetência do governo do PT, mas agir diferente, apoiar as medidas que o Brasil precisa não significa que esteja dentro do governo. Afinal, é uma administração que não é nossa, era da presidente Dilma também. Portanto, sou contra o partido aceitar ministérios. Nós estamos nos preparando para uma disputa em 2018, qualquer erro de trajetória pode significar uma nova derrota, o PSDB não precisa disso”.

Declarado santo com milagres dos outros

santo_01
Apesar de pregar união política para resolver os problemas das pessoas nas cidades de fronteira, em quase seis anos de administração, o governador Sebastião Viana (PT) não conseguiu cumpri uma única promessa das que fez para os moradores do município de Brasileia, no Alto Acre. O petista se agarra na realização de uma obra do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) para fazer propaganda. Ele afirma que seu governo estaria “concluindo um sonho da população de Brasileia, principalmente para os comerciantes locais que formaram o movimento SOS Marinho Monte e trouxeram o pedido de recuperação da principal avenida da cidade”, mas o gestor paz e amor não fala dos compromissos nunca cumpridos.

Os empresários de Brasileia esperam desde a grande alagação de 2012, pelas promessas do “líder maior” petista. Enquanto Sebastião se gaba que em menos de três meses, ele realizou (através do DNIT que é um órgão do governo federal) a obra que o prefeito Everaldo não realizou em quase quatro anos, os comerciantes esperam pelos terrenos prometidos para construírem seus estabelecimentos comerciais e a obra de reconstrução de encosta às Margens do Rio Acre. A atual gestão também prometeu uma nova ponte para fazer a ligação de Epitaciolândia/Brasileia, uma placa chegou a ser colocada no local e retirada após cobranças populares. Sem realizar nenhum milagre próprio, Sebastião Viana espera ser canonizado com milagres do DNIT.

ilustra_01Oficializado o calote do governo nos professores?
Falando em promessas não cumpridas, quem ainda se lembra da queda de braço dos professores que reclamavam que estavam desde 2012 sem receber reajuste salarial, com a equipe econômica do governo do Acre? Os assessores de Sebastião Viana convenceram os professores a encerrar a greve com a proposta de um reajuste parcelado, mas segundo o assessor de comunicação do Sinteac, o jornalista Assem Neto, “os advogados do estado alegam que foram alertados pelo TCE sobre os limites de gastos com pessoal e o risco de o governador ser penalizado na Lei de Responsabilidade Fiscal”. Será que isso significa que a administração estadual aplicou um calote nos educadores que não terão o aumento prometido? O tanque não está pra peixe na capital mundial da economia sustentável.

nocaute_01

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas