Conecte-se agora

Produção de milho no Acre chega a 5,1 toneladas por hectare, destaca subsecretário da Seap

Publicado

em

flash_secom_acre_SV_25_08_2015-4

Produção de milho no Acre chega a 5,1 toneladas por hectare, destaca subsecretário da Seap
A produção de milho no Acre passou de 2,5 toneladas/hectare, em 2012, para 5,1 toneladas/hectare, como informa o levantamento mais recente. A informação é do subsecretário de Agricultura e Pecuária, Fernando Melo, compartilhada nas redes sociais, nesta sexta-feira, 6.

“No Acre, o rei dos cereais, recebe as condições ideais para o crescimento e sua exploração em escala. Temos terra, água, sol, tecnologias disponíveis e consumo crescente”, afirma em sua página no Facebook.

O subsecretário diz ainda que essa produção é verificada em áreas mecanizadas, com adubação, entre outros recursos que comprometem de forma positiva a produção. Segundo ele, são mais de 100 sacos de milho por hectares.

“Produtores mais experientes já conseguem produzir aqui cerca de 120/130 sacos por hectares. Excepcional né? É verdade. Concordo com a excepcionalidade, porém, o caminho a percorrer ainda é enorme se consideramos que no Sul do Brasil colhe – se 10 toneladas por hectare e nos Estados Unidos 15 toneladas, ou seja, respectivamente 200 e 300 sacos de 50 quilos por hectare”, comenta.

Fernando Melo destaca ainda que empreendimentos instalados no Acre elevaram os números referentes ao consumo, como a Acreaves e Dom Porquito, e a expectativa, segundo ele, é chegar ao consumo de 120 toneladas/dia, principalmente porque a Granja Carijó deve dobrar a sua produção, além do fortalecimento da Peixes da Amazônia.

“O milho, sem dúvida alguma, no Acre, está consolidado, tanto pela sua produção/produtividade, como pelo seu consumo.

Consta que a margem de retorno, por hectare de milho fica maior do que o da pecuária de corte extensiva. Sua margem de lucro é 2,7 vezes maior do que o da pecuária”, enfatiza.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas