Conecte-se agora
Fechar

Vice-prefeito de Acrelândia diz que “Cameli quer ganhar crédito em cima do trabalho dos outros”

Ray Melo, da editoria de política do ac24horas

Publicado

em

 

rasteira_01

Bom dia! Boa tarde! Boa noite!

O tempo fechou lá pelas bandas de Acrelândia, depois que o senador Gladson Cameli (PP) anunciou que o recurso de R$ 1 milhão para construção do Parque da Vaquejada, projeto lançado nesta semana, é fruto de um esforço seu junto ao Ministério da Defesa para apadrinhar uma emenda parlamentar da ex-deputada federal Antônia Lúcia (PSC). O vice-prefeito de Acrelândia, Donizete de Melo (PR), que estava ocupando o cargo de prefeito do município, quando Jonas Dales (PT) foi afastado, afirma que “Gladson Cameli quer ganhar crédito encima do trabalho dos outros”. Para Donizete, o dinheiro foi liberado após uma reunião agendada pelo PR e a ex-deputada Antônia Lúcia, com o ministro Berzoini.

“Quando eu assumi o mandato de prefeito por 60 dias, procurei a ex-deputada Antônia Lúcia, para saber como ela poderia interceder para liberar o dinheiro para construção do Parque da Vaquejada, já que a emenda era de sua autoria. Prontamente, ela que estava trabalhando na organização do PR disse que entraria em contato com a executiva nacional para agendar uma reunião no ministério e tratar da questão. Tenho a foto da audiência com o ministro Berzoini, que se comprometeu em liberar o recurso que estava no orçamento, porque Antônia Lúcia tinha encaminhado toda documentação. Portanto, não foi o senador Gladson quem trabalhou e lutou pelos recursos”, diz Donizete.

A ex-deputada Antônia Lúcia também dispara contra Cameli. “Tenho o documento que comprova que na época da liberação, o senador estava fora do Brasil. Também tem o problema de ele ter tido dois mandatos de deputado federal e nunca liberou nada para Acrelândia ou indicou. Ele tem um ano de senador eleito e nada fez por Acrelândia, com o primeiro ano de suas emendas, ou seja, dois mandatos de federal e o primeiro ano no Senado, ele nunca deu uma moeda, nem um centavo para Acrelândia. Sem falar os mais de R$ 1,5 milhão da Praça da Juventude que estou trabalhando para liberar, mas as medições não conferem, atrasando o início da construção”, ressalta Antônia Lúcia.

farias_01Resposta do secretário de segurança Emylson Farias
O secretario de segurança pública do Acre, delegado Emylson Farias, encaminhou uma resposta sobre o questionamento deste blogueiro que pedia a divulgação dos nomes dos servidores da SEHAB envolvidos na fraude de vendas de casas populares do PAC para não deixar os demais sob suspeição.

Ao jornalista Ray Mello,
Cumpre esclarecer que esta é apenas a primeira fase da “Operação Lares”, deflagrada para proporcionar robustez às provas, sem restrição de liberdade aos investigados, no primeiro momento. Houve apenas o cumprimento de mandados de buscas autorizados pela justiça e conduções coercitivas [quando a pessoa é obrigada a comparecer à delegacia para prestar esclarecimentos] para que a investigação possa alcançar sua plenitude, a fim de identificar e apresentar a justiça todos os envolvidos na fraude. A partir do momento em que houver prisões, todas as pessoas indiciadas pela Polícia Civil serão apresentadas à sociedade, norteado pelo competente inquérito policial.

“Agora a treta ficou séria”
Aproveitando que estou abordando uma declaração do delegado Emylson Farias, quero esclarecer outro episódio que pode ter causado um certo desconforto institucional. Por telefone, este blogueiro conversou com o secretário. Ele revelou que um “chapéu” (palavra-chave colocada acima do título de uma reportagem) de uma matéria informando que a Caixa poderia pedir uma investigação da Polícia Federal (PF) no esquema de venda de casas, foi interpretado como se ac24horas estivesse afirmando que as instituições do Acre e os delegados não são sérios. Reitero que a intenção não foi esta. Como todos os leitores sabem, o portal ficou conhecido pelas palavras de feito.

Muitas vezes, eu fiz a cobertura dos trabalhos da Polícia Civil do Acre, como é de conhecimento de Emylson Farias. Os trabalhos foram realizados com isenção e compromisso. Sempre informamos e tratamos a instituição e seus servidores com total respeito. Porém, jornalistas e policiais integram profissões que o melindre precisa ser deixado de lado. Acredito que o delegado não leu apenas o “chapéu: agora a treta ficou séria”, mas o conteúdo da matéria que é bem informativa. Para não restar dúvida que as frases de efeito fazem parte do jornalismo no país inteiro, o blog publica capas de alguns jornais que chamam atenção pelos chapéus e títulos de efeito e duplo sentido.

capas_01
sombra_01Quem é contra a pensão vitalícia
de ex-governador?

Depois que o deputado Gerlen Diniz (PP) apresentou uma PEC que pede a extinção das pensões de ex-governadores no Acre, o líder do governo na Aleac, deputado Daniel Zen (PT) confessou que é contra este benefício. A declaração de Zen aconteceu nos bastidores. As revelações do petista não param por aí. Ele informa ainda que o governador Sebastião Viana (PT) também é contra o pagamento de uma pensão vitalícia para quem administra o Estado por apenas quatro anos. Apesar de se contra, Zen não sinalizou com a possibilidade de assinar o requerimento da PEC que conta com oito assinaturas. Esta é uma ótima oportunidade para base governista seguir o posicionamento do governador e assinar o requerimento da PEC.

feira_01O Quinari não tem ginecologista
As mulheres que residem no município de Senador Guiomar (o Quinari) não contam com os serviços de um médico ginecologista. Quem precisa dos serviços de um profissional precisa se deslocar a Rio Branco. A informação é do deputado Raimundinho da Saúde (PT) que durante a sessão ordinária de quarta-feira (3) fez um apelo para contratação de um ginecologista para o hospital estadual Ary Rodrigues. Para Raimundinho, o governo precisa fazer a contratação de um médico ginecologista para o hospital de Senador Guiomard, já que nem o Estado e muito menos o município dispõem dos serviços deste profissional. Esta é a saúde da administração do médico Sebastião Viana, em cinco anos de mandato. A população espera pela promessa de campanha de contratação dos 400 médicos. Quem sabe a presidente Dilma gasta mais alguns dólares do contribuinte e traz ginecologistas de Cuba.

As ruas que derreteram

disputa_00
No ano passado, um pedido de informações sobre o processo de execução das obras do Programa Ruas do Povo, protocolado pelo deputado Eber Machado (PSDC) foi negado. Este ano, o deputado Luiz Gonzaga (PSDB) voltou a apresentar três requerimentos semelhantes. O tucano que quase vira documentarista de tanto filmar o estado precário da BR – durante o recesso, quer saber “cadê o dinheiro que estava aqui? O governo gastou cerca de R$ 1 bilhão para fazer estas ruas que estão derretendo”. Ele acredita que sérias irregularidades foram cometidas desde 2011. Com a documentação em mãos, o deputado quer propor uma CPI para investigar o programa Ruas do Povo. Gonzaga destaca que é tanto buraco nas ruas do povo que em alguns municípios eles disputam no tapa para saber quem arruma uma vaguinha nas vias.

falta_01Cadê o hospital de Xapuri, Sebastião?
Esta é a pergunta do deputado Antônio Pedro (DEM), que voltou a pedir agilidade do governo do Acre no processo de licitação e construção de um hospital para atender a população da terra de Chico Mendes. “Após a alagação, a situação ficou pior, o atendimento foi transferido para um posto de saúde, sem a mínima condição de atender a população de Xapuri. Espero que o contrato para fazer o hospital não seja como as casas populares prometidas para os atingidos pelas cheias que até hoje estão morando de aluguel social, alguns foram expulsos porque a prefeitura não tem como pagar o valor do aluguel. O governo deve acelerar o processo licitatório para construir o hospital, o povo não aguenta mais”.

Mais Informações

Blog do Ray

Prefeito duro: PF faz busca e apreensão na casa de Marcus Viana e encontra apenas R$ 9,00

Ray Melo, da editoria de política do ac24horas

Publicado

em

Continuar lendo

Blog do Ray

Líderes de oposição brigam pelo chapéu e esquecem de lutar pelo guarda-chuva

Ray Melo, da editoria de política do ac24horas

Publicado

em

Continuar lendo

Blog do Ray

Se depender das pesquisas da oposição, Ney Amorim poderá ser o mais votado em 2018

Ray Melo, da editoria de política do ac24horas

Publicado

em

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.