Conecte-se agora

Em Xapuri, César e Manoel Moraes vão lutar por candidatura do PSB

Publicado

em

A FPA irá viver um dilema para ter candidatura única a prefeito de Xapuri. Segundo informações que recebi o governador Tião Viana (PT) quer alguém “novo” na disputa. Assim as especulações têm crescido em torno do nome do médico formado em Cuba, Dr. Jean (PT), que teria as características pretendidas pelo PT. Mas resta saber se tem votos. Enquanto isso, o deputado federal César Messias (PSB) e o estadual Manoel Moraes (PSB) pretendem que o cabeça de chapa da FPA à prefeitura seja o ex-vereador Erivelton Soares (PSB). Manoel já avisou que o PSB só abrirá mão da sua candidatura se o petista estiver melhor avaliado numa pesquisa popular. Por isso, querem costurar um acordo para o candidato da FPA ser escolhido de maneira direta. O deputado estadual acha que o momento não é propício para o PT impor uma candidatura no município.

e77b66d8-64d4-4384-b062-672d4c51d0e6

Desgaste
Tanto os militantes da FPA quanto da oposição concordam num aspecto sobre a disputa de Xapuri, o desgaste do atual prefeito Marcinho Miranda (PSDB). Por isso mesmo crescem os boatos que Marcinho não vai querer disputar a reeleição.

Descobrindo um santo…
O fato do prefeito não ter estado presente nas festividades de São Sebastião, o padroeiro de Xapuri, aumentou a boataria sobre a sua desistência. A procissão que acontece em janeiro é a data mais importante no calendário religioso e cultural de Xapuri.

Correndo por fora
Quem está firme e disposto a aproveitar o momento é o jovem empresário Ailson Mendonça (DEM). Ele já conseguiu costurar o apoio à sua candidatura a prefeito de Xapuri, com o PP e, possivelmente, com o PRB e o PSDC. Ailson é filho do deputado estadual Antônio Pedro (DEM).

Fortalecido
O DEM também pretende lançar um candidato a prefeito em Capixaba. Manoel Maia (DEM) tem recebido apoio de comerciantes do município. O atual prefeito Otávio Vareda saiu do PC do B e foi para o PR. Ele não teve tempo fácil durante a sua gestão.

Duvido…
Não será fácil convencer o atual prefeito de Sena Madureira, Mano Rufino (PSB), deixar de ser candidato à reeleição. A FPA poderá ter duas candidaturas. Charlene Lima (PV) e Mano. Mas César Messias não teria filiado Mano no PSB para depois puxar o seu tapete.

Pouco a pouco
Enquanto isso, a oposição tenta unir três lideranças. A ex-prefeita Toinha Vieira (PSDB), o ex-deputado Mazinho Serafim (PMDB) e o deputado estadual Gehlen Diniz (PP). Estão conversando com diplomacia e mostrando ser possível a união.

Possível vice
O deputado estadual Jairo Carvalho (PSD) quer um vice do PMDB para compor a chapa de André Maia (PSD), em Senador Guomard. Se a dobradinha acontecer na Capital com Eliane Sinhasique (PMDB) não seria difícil se repetir no Quinari.

Revoada tucana
O PSDB precisa apoiar mais o seu candidato, em Cruzeiro do Sul, Henrique Afonso. Segundo me informaram, começaram as histórias de abandono. Lideranças tucanas estão se bandeando para a candidatura de Ilderlei Cordeiro (PMDB). O articulador sempre ele, o prefeito Vagner Sales (PMDB).

Ilusão
Todo mundo sabe que Vagner quando entra numa campanha é para ganhar. Vai fortalecer ao máximo o seu candidato para garantir a sua sucessão. Quem estiver “dando sopa” será convidado a integrar o bloco do PMDB. Isso sempre esteve escrito nas estrelas.

Apoios velados
E olha que conversei com alguns militantes da FPA de Cruzeiro do Sul que preferem Henrique Afonso ao candidato da coligação governista, Josa da Farmácia (PTN). Mas se os tucanos não souberem aproveitar o momento vão ver a banda passar da calçada sem nem sair na foto.

Bola fora
A mensagem do Governo do PT na abertura do ano legislativo na ALEAC durou em torno de duas horas. O texto de 33 páginas lido pela procuradora Maria Lídia cansou deputados, imprensa e os espectadores da galeria. Tentou mostrar os avanços da gestão, mas se tornou inócuo.

Exagero desnecessário
Claro que a procuradora não tem nada a ver com isso. Mandaram o texto e ela simplesmente leu. Mas sem a entonação e o conhecimento das ações necessárias para passar o entendimento. É aquela história, não se pode querer abraçar o mundo em apenas duas horas de leitura monocórdica.

Minha gafe do dia
Encontrei o assessor especial do Governo, Professor Rego, na ALEAC, por quem tenho muito carinho e respeito. Comentei que ele deveria ter escrito o texto da mensagem. Não só por ser um grande conhecedor da gestão, mas por entender da política do Acre. Um minuto depois de eu proferir a frase ao professor, uma pessoa passou e o cumprimentou pela autoria do texto. Putz…..

Competência comprovada
O professor Rego é uma das pessoas mais dignas que conheço no Acre. Um excelente teórico de gestão e um ser humano acima de qualquer suspeita. Mas alguém deveria ter lido as informações produzidas por ele e colocado numa linguagem mais informal. Conteúdo não faltava à mensagem, mas a forma não era a adequada.

Matou a pau
Em pouco mais de 15 minutos o líder do Governo, deputado estadual Daniel Zen (PT), traduziu a filosofia daquelas duas horas de leitura da mensagem. Às vezes, a síntese de informação é muito mais eficiente do que o acumulo de palavras. Alguém da área de comunicação do Governo deveria ter ajudado no texto final.

A mensagem da oposição
Pela leitura da mensagem da oposição, feita deputada estadual Eliane Sinhasique (PMDB), representando os demais deputados do bloco, os debates serão quentes na ALEAC. Em ano eleitoral, os projetos governistas que questionados serão a BR 364, no trecho entre Rio Branco e Cruzeiro do Sul, o programa Ruas do Povo e a distribuição de casas populares. O texto deixa claro que os oposicionistas não são contra essas obras, mas querem mais transparência na utilização dos recursos públicos. Pela mensagem da oposição vão pipocar várias CPIs, na ALEAC, em 2016.

Propaganda

Coluna do Nelson

MDB e PDSB devem travar uma “briga” intensa por secretário da ALEAC

Publicado

em

Continuar lendo

Coluna do Nelson

Depois de 20 anos, prefeitura de Cruzeiro terá a parceria do Governo

Publicado

em

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.