Conecte-se agora

Alegando perseguição política, empresário ameaça apitaço de colaboradores em Rio Branco

Publicado

em

 

BRITO_01

Bom dia! Boa tarde! Boa noite!

O primeiro grito de carnaval em Rio Branco poderá ser de colaboradores de uma empresa de entretenimento. Revoltados coma possibilidade de ficarem sem trabalho durante a festa de momo, eles prometem ocupar as ruas com “o apitaço contra a perseguição”. A informação é de Amilton Brito, que nos últimos 21 anos tem se destacado como um dos maiores empresários da área de entretenimento no Acre. Ele afirma que recebeu um comunicado dos demais empresários que organizam o carnaval na capital, dando conta que ele teria sido convidado a se retirar do grupo por políticos ligados à Fundação Garibaldi Brasil.

“Eu tenho mais de 300 colaboradores que precisam trabalhar. Estas pessoas não têm culpa de minhas escolhas pessoais no campo político. Durante a última reunião dos empresários que organizam o carnaval da Gameleira, eu fui convidado a deixar o grupo, que os dirigentes da Fundação Garibaldi Brasil não me querem trabalhando na festa deste ano. Acredito que esta decisão é um tipo de perseguição política. Eles só aceitam pessoas que declaram apoio abertamente aos candidatos do PT. Não vou ficar calado, vou às ruas com os colaboradores para protestar contra esta decisão arbitrária”, diz Brito.

Procurado pelo blog, o presidente da Fundação Garibaldi Brasil, Rodrigo Forneck, disse que desconhece que esteja acontecendo perseguição política por parte dos servidores que tenham ligação com o PT. Ele afirma que a FGB está de portas abertas para apoiar as iniciativas de organizadores de carnaval nos bairros e na Gameleira. Forneck destaca que Amilton Brito recebeu apoio integral para organizar uma festa de carnaval na frente do Teatrão, no Ano passado. “Se existe algum tipo de problema é entre os empresários. Nós sempre atendemos todas as pessoas que procuram apoio, não fechamos as portas para ninguém”.

Amilton Brito discorda do gestor da FGB. “Eles não me atendem nem respondem aos documentos que encaminho. Se as portas estão abertas qual o motivo de não me atenderem? Tudo que estou procurando é respeito e uma relação institucional que não seja contaminada com questões políticas”. O bicho tá pegando, meus três leitores. Os tentáculos da política já se estenderam sobre as principais denominações religiosas, abocanhando os votos dos que se julgam salvos, agora é a vez da festa pagã, eles querem os votos dos mundanos que admiram a folia de momo. Será que tudo tem ser partidarizado neste Estado?

everaldo_01Everaldo e a água
A administração do prefeito Everaldo Gomes (PMDB) está indo por água abaixo, literalmente. O peemedebista tem sofrido em sua passagem pela gestão municipal. Ele enfrentou as maiores cheias da história do Alto Acre, que praticamente destruíram a zona urbana do município. Reclamando de suposta falta de apoio do governo do Acre, o gestor não encontra uma saída para os problemas deixados pós-alagação. Todas as vezes que chove em Brasileia é um Deus nos acuda. No bairro Alberto Castro, há vários dias os moradores sofrem com inundações provocadas por bueiros entupidos com o lixo deixado pela cheia. Tenta um banho de sal grosso, Everaldo, quem sabe resolva.

REDE_01Não veio para brincar
A pré-candidato a prefeito do deputado estadual Eber Machado (PSDC) não é de brincadeira. Ele se prepara para lançar uma plataforma virtual de sua pré-campanha, com direito a aplicativo para receber sugestões de eleitores para complementar o seu programa de governo e uma equipe para cuidar de sua imagem nas redes sociais. Machado acredita que pode fazer uma campanha diferente de seus adversários, com propostas e soluções ao invés de críticas exacerbadas e denúncias. O foco do início da pré-campanha de Machado está sendo definido por uma equipe com experiência nas áreas política, administrativa e de marketing. Parece que ele andou lendo o livro do Obama.

PRADO_01O xerife na parada
O ex-deputado Walter Prado quer voltar a fazer política. O xerife pretende disputar uma cadeira de vereador de Rio Branco, mas alguns líderes de partidos que estão de olho nele sonham com Prado ocupando uma pré-candidatura de prefeito, uma possibilidade que ele descarta. “Quero ser vereador, ouvir as reivindicações da população, cobrar soluções e apresentar projetos que beneficiem as comunidades. Não vejo como um passo atrás a candidatura a vereador. O político desprendido de projeto pessoais tem que estar preparado para os desafios. Tenho a política no sangue, não faço política como meio de vida, tenho uma carreira profissional consolidada”, dispara o xerife Prado.

BETINHO_01Churrasco, cascata e futebol
Depois da “cascata” que foi sua saída do PSDB de Rocha, anunciada durante um rodízio promovido pela missionária Antônia Lúcia (PR), o prefeito de Assis Brasil, Humberto Gonçalves, o Dr. Betinho (PSDB) demonstra que gosta mesmo é de comer carne assada, não importa se a “cascata” é política ou futebolística. O tucano (quase republicano) se empanturrou no churrasco promovido pelo Cascata Futebol Clube, realizado no último final de semana. Betinho foi o convidado de honra dos peladeiros, ele promete continuar apoiando o esporte do município. Tomara que ele não quebre a promessa como fez com Antônia Lúcia. Depois de receber o apoio da missionária, Betinho resolveu ficar no PSDB.

Anúncios

Blog do Ray

Quase uma briga de casal no exercício do poder

Publicado

em

Continuar lendo

Blog do Ray

Vagner Sales acredita que não haverá disputa no voto para escolher dirigentes da Aleac

Publicado

em

Continuar lendo

Blog do Ray

Daniel se mantém Zen e deputado mesmo sem os votos de Nil Figueiredo

Publicado

em

Continuar lendo

Blog do Ray

Da terra do amendoim para o centro do poder do Brasil

Publicado

em

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas