Conecte-se agora

Clubes são mais efetivos que a CPI do Romário

Publicado

em

Enquanto a CPI do Futebol joga na retranca, clubes criam liga, ignoram a CBF e apresentam torneio próprio para o ano que vem.

No mesmo período em que Romário criou a CPI no Senado para investigar os desmando no futebol brasileiro, alguns clubes começaram a discutir publicamente a criação de uma competição paralela aos famigerados estaduais. O movimento cresceu, tentou apoio da CBF, depois a ignorou e, no fim, anunciou a tabela do torneio entre eles em 2016.

Os integrantes da Liga Internacional, Grêmio, Cruzeiro, Atlético-MG, Flamengo, Fluminense, Atlético-PR e Coritiba têm um respeitável público e sabem de sua força diante de uma enfraquecida CBF, fruto de denúncias que vem recebendo dos Estados Unidos e Suíça.

A CPI do Romário nasceu no bojo dessas ações demeritórias. A comissão iniciou até bem, fazendo requerimentos importantes de movimentação financeira de empresas e de pessoas chaves do esquema. Também sugeriu a convocação de denunciados e possíveis envolvidos no chamado caso Fifa.

No entanto, nada disso ainda se materializou na CPI, passados quase três meses de trabalho. Por enquanto, falaram à comissão do Senado jornalistas conhecedores dos meandros do futebol. Depois, convocaram os clubes, mas quase nenhum foi – levando Romário a mudar o tom e intimar a presença dos mesmos à CPI.

Hoje, presidentes de federações é que têm comparecido perante ao colegiado. Eles focam críticas a Lei Pelé, que tirou o poder de formação de atletas nos clubes; mostram-se preocupados com a adequação das pequenas agremiações ao Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro (Profut), por que não possuem condições de se adaptar tão rapidamente à nova realidade (cita-se que são estes mesmos pequenos clubes que dão sustentação nos Estados às federações); e elogiam os campeonatos estaduais que organizam.

Porém, quase não falam da CBF e raramente apresentam ideias originais para o futebol brasileiro. Vale ressaltar que os poucos presidentes de clubes que participaram de audiência na comissão, também não se viu grandes proposições – nenhum que faz parte da nova liga compareceu à CPI (ainda).

Clubes e federações são agentes importantes do futebol brasileiro e precisam se expor numa comissão desse tipo. Como sempre cita Romário, presidente da CPI, os depoimentos podem apresentar sugestões valiosas para o aprimoramento do esporte.

Mas por que é que a CPI ainda não avançou sobre aqueles suspeitos apontados nas investigações do FBI, como partícipes dos escândalos no futebol? Alguns deles: Marco Polo Del Nero, Ricardo Teixeira, empresas patrocinadoras e a emissora que detém os contratos das competições organizadas pela CBF e Fifa, a TV Globo.

Nesse período de denúncias contra a CBF, pelo menos alguns clubes se mexeram em meio à omissão geral e criaram uma liga. É um passo maior do que a letargia da CPI.

Propaganda

Cotidiano

Federação e clubes definem tabela do segundo turno do Campeonato Acreano 2019

Publicado

em

FOTO: MANOEL FAÇANHA

Na próxima quinta-feira, 21, na Arena da Floresta, às 19 horas, Galvez e Atlético Acreano entram em campo em busca do título do primeiro turno do Campeonato Acreano 2019. Como não há vantagens e a decisão é em jogo único, terminando empatada a partida, a decisão vai para os pênaltis.

E o torcedor não vai ter nem tempo de perder o campeonato de vista. No sábado, já começa o segundo turno da competição com a realização de dois jogos no Florestão. Um dia depois, já acontece, na Arena da Floresta, o fechamento da primeira rodada.

Após a rodada inicial, a tabela do campeonato apresenta novidades nesse segundo turno. Para cumprir com o calendário e liberar os represantes acreanos para as competições nacionais em tempo hábil, acontecerão três rodadas ao longo da semana. A final do segundo turno está marcada para o dia 16 de abril.

Uma outra novidade na tabela são os dias da decisão do campeonato. Para fugir da concorrência do futebol na televisão, as finais do Campeonato Acreano 2019 serão disputadas nos dias 19 e 22 de abril, uma sexta e uma segunda-feira, respectivamente.

Confira a tabela:

FOTO DA TABELA: DUAINE RODRIGUES

Continuar lendo

Cotidiano

Atlético e Galvez vão fazer a final do 1° turno do Campeonato Acreano 2019

Publicado

em

FOTO: MANOEL FAÇANHA

Depois do Atlético Acreano ter conseguido a vaga para final, Galvez e Plácido de Castro entraram em campo na Arena da Floresta em busca do outro lugar na decisão.

Em um primeiro tempo bastante disputado, a emoção ficou para o final. Em dois minutos, aos 45 e aos 46, Ciel e Adriano marcaram e o Imperador foi para o intervalo vencendo por 2 a 0.

Na segunda etapa, Plácido de Castro correu atrás do prejuízo e diminuiu, aos sete minutos, com Ismael em cobrança de pênalti. Leandro, aos 22, deixou tudo igual.

Só que três minutos depois, Adriano fez o segundo dele e deu números finais à partida. Vitória e classificação do Imperador.

A final do primeiro turno do Campeonato Acreano 2019 acontece na próxima quinta-feira, às 19 horas, na Arena da Floresta entre Atlético Acreano e Galvez.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.