Conecte-se agora

Rocha deixa presidência do PSOL em meio a boatos nas contas

Publicado

em

O ex-candidato ao governo do Acre, Antônio Rocha, do Psol, deixou a presidência de seu partido para se dedicar aos estudos e ao trabalho. A informação foi dada pelo próprio Rocha na tarde desta segunda-feira, 06. No lugar dele, assume o Psol o militante Jamir de Souza Rosas.

Rocha, que é servidor público do Estado, está se preparando para apresentar monografia do curso de Ciências Sociais até o mês de maio, na Ufac.

O socialista passou pouco mais de dois anos na presidência. O primeiro mandato no biênio 2012-2014. No segundo mandato ele comandaria o partido até 2016.

Rocha deixa o Psol em meio a boatos nos bastidores de que o partido estaria com um rombo financeiro, o que ele nega. “Não há nada disso. Não sei quem inventou esse negócio de rombo financeiro. O nosso fundo partidário é de R$ 2,3 mil. Conseguimos nesses dois anos estruturar o Psol. Para se ter uma idéia o que a gente fazia, as viagens, as despesas tudo era do nosso bolso. Dinheiro que o Psol não tem condições de pagar para os próximos cinco anos. A gente tirou dinheiro do bolso para estruturar o partido no interior”, diz.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas