Conecte-se agora

Profissionais do Acre falam de 2014 e contam o que esperam para 2015

Publicado

em

Já estamos vivendo o clima de 2015. As coisas ruins devem ser jogadas fora e esquecidas. As boas, vamos manter neste novo ano. Diante disso, ac24horas foi às ruas para saber o que o ano que terminou há poucas horas representou para algumas pessoas. E ao mesmo tempo, saber de suas expectativas para 2015.

Fizemos questionamentos básicos para profissionais das mais diversas atividades, como motorista, advogado, engraxate, enfermeiro, médico… Enfim, os segmentos que fazem a roda girar todos os dias. E surpreendentemente as respostas sobre os resultados do ano velho foram mais positivas do que negativas.

Ao todo ouvimos a opinião de sete profissionais. Juntos eles expõem seus anseios para os próximos 365 e relatam um pouco das coisas boas e ruins de 2014.

1 enfermeira

A enfermeira Tatiana Silva, responsável pelo ambulatório da Pronto Clínica de Rio Branco, contou um pouco de 2014. Meio envergonhada durante a conversa com a reportagem, a profissional de saúde deixou claro que 2014 foi um ano de “excelência, com muita luta e oportunidades de ajudar quem mais precisou”.

Para Tatiana, 2015 será um ano de ainda mais conquistas e vitórias. Ela tem esperança de que o ano que acabara de iniciar terá mais amor, paz e bênçãos. A enfermeira deseja mais sucesso e finaliza afirmando que busca “ajudar mais pessoas e ver mais vezes o espírito da solidariedade na população”, comenta.

1 Beiruth pediatraOutro entrevistado por ac24horas foi o médico pediatra Luiz Carlos Beiruth Borges, proprietário da Pronto Clínica, um dos hospitais privados mais conhecidos de Rio Branco (AC). Para ele, em 2014, houveram várias oportunidades de ajudar outras pessoas. “Todo dia, principalmente para quem trabalha na área de saúde, a gente tem oportunidade de ajudar as pessoas e contribuir para a melhoria”, disse. O especialista lembra que “o médico está diretamente ligado ao problema mais importante das pessoas e por isso, o sentimento é de dever cumprido”.

Ao comentar sobre as expectativas para 2015, ele manda um recado para os médicos e à população acreana. “A gente espera que em 2015 as pessoas possam ter mais saúde, segurança, mais educação, para que tenhamos e possamos proporcionar uma vida melhor aos outros”, finaliza.

1 engraxatePara provar que a verdadeira alegria e o amor estão nos detalhes mais simples, o ac24horas também conversou com um engraxate. Há vários anos trabalhando no Centro de Rio Branco (AC), Francisco Júnior fez questão de falar ao portal mais acessado do estado do Acre. Ele comenta sobre o ano que passou e faz um breve relato sobre quais são as expectativas para o futuro, sobre o novo ano.

“Olha, esse foi um ano de muita prosperidade, saúde, harmonia e amor. Eu espero que no próximo ano Deus possa nos abençoar mais ainda, abençoar o povo do Acre. Quero que tudo venha em dobro em 2015”, afirma.

1 motorista de taxiO site também procurou ouvir os votos dos que trabalham de noite e de dia, e que, mesmo com a virada do ano, não deixarão de trabalhar e, por vezes, abdicam de momentos com a família para servir à população acreana. Jamil Keppeler é um desses exemplos. Ele trabalha as noites e neste 31 não foi diferente.

Questionado se 2014 foi um ano de muitas conquistas, ele nem menos demorou ou pensou duas vezes antes de responder. Conversador que o é, disse que “valeu a pena, sim, porque todos os anos servem de experiência. Vi minhas falhas e não pretendo errar novamente no novo ano”, comenta. Para Jamil, ao falar do trabalho, seria impossível deixar de lado o esforço de seu grupo de trabalho para melhor prestar serviços à população da capital acreana. “A gente tá unido na nossa empresa e sempre disponíveis pra atender nossos clientes”, lembra ao mandar uma mensagem aos colegas de profissão.

“Que em 2015 possamos ser mais prudentes, ter mais atenção no transito e possamos a cada dia que passa, sendo mais bem sucedidos e procuremos nossos ideais, seguindo para frente”, deseja.

1 motorista do busão

Se andar de ônibus como usuário já é tarefa cansativa, imagina para o motorista de um coletivo. Já imaginou? Pois é… O ac24horas foi atrás de um desses personagens e conversou com o José Admar Rocha. Novato na profissão, o motorista nem reclama da função e se diz “feliz” com o que faz. Sobre 2014, o responsável por transportar, diariamente, centenas de pessoas, conta que “tirando a violência e a morte de um colega nosso em serviço, o restante foi bom”, comenta.

Admar fala que espera para 2015 mais “emprego, paz e segurança”, além de destacar a necessidade de mais “moradias e amor ao próximo que são elementos importantes na sociedade”, afirma o motorista de ônibus.

1- servidora<<< A servidora pública do estado, Vânia Nonata de Lima, também conversou com o ac24horas. Sobre 2014, ela conta que foi “um ano de muitas conquistas e vitórias” e que “mesmo com momentos difíceis, a vitória chegou e é assim que o ano acaba: com muitas conquistas, com muitas bênçãos”, comenta.

Para 2015, a secretária escolar conta que espera “ainda mais vitórias, ainda mais bênçãos e oportunidades de termos um estado mais seguro com ainda mais amor e felicidade”, espera a leitora do ac24horas.

1- advogadoO advogado Carlos Vinicius Ribeiro, um dos mais jovens profissionais do Direito no Acre, exercendo a profissão há cerca de três anos, falou que no ano de 2014 o “Poder Judiciário disse a toda a nação brasileira que não existe impunidade perante a lei”, dando como exemplo a Operação Lava-Jato, deflagrada pela Polícia Federa ao combater crimes contra a Petrobrás, a maior empresa estatal do Brasil.

Para 2015, o advogado também é bastante direto e diz que a esperança é por uma ano com “um ano em que o poder seja exercido em nome do seu titular que é o povo”, afirma ao site de maior acesso no Acre.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas