Conecte-se agora

Vagas em aberto

Publicado

em

Depois dos resultados do último fim de semana (vitória do São Raimundo sobre o Princesa do Solimões; vitória do Genus sobre o Santos; e empate entre Rio Branco e Atlético Acreano), todos os times que disputam o Grupo A1 do Campeonato Brasileiro da Série D permanecem com reais chances de classificação para a fase seguinte do torneio.

A maior surpresa da rodada foi a vitória do rondoniense Genus sobre o amapaense Santos. O time de Porto Velho já havia perdido três das quatro partidas que jogara. Enquanto isso, o Santos seguia o líder Rio Branco bem de pertinho. Levando-se em conta que o jogo seria em Macapá, tudo indicava que os visitantes amargariam mais uma derrota.

No que diz respeito ao jogo entre o roraimense São Raimundo e o amazonense Princesa do Solimões, não se pode dizer que foi uma zebra assim tão medonha. A equipe de Manacapuru, pelo elenco e respectiva folha de pagamento que tem, ostentava sim o status de favorita. Mas o São Raimundo já mostrou que não é nenhuma galinha morta de véspera.

Diante do exposto, o fato concreto é que o último colocado nesse momento em que a crônica é publicada, no caso o Atlético Acreano, ainda pode chegar a confortáveis e garantidos 20 pontos ganhos: cinco que já estão na conta e mais os 15 que ainda vai disputar. Ou seja, todo mundo só depende de si mesmo para ser feliz. Basta atropelar os que estão na frente.

A ação de atropelar os que estão na frente não é, naturalmente, assim tão tranquila. Mas é perfeitamente possível. No caso do Galo acreano, basta resolver os seus problemas internos, jogar um caminhão pipa de água cristalina na fogueira de vaidade que consome alguns dos corações celestes e motivar os seus qualificados atletas a buscar a vitória a qualquer preço.

O Rio Branco, por sua vez, na ponta da tabela de classificação com onze pontos ganhos em quinze possíveis, aparentemente é o time que tem uma missão mais tranquila. Basta fazer o dever de casa, olhando pelo retrovisor os perseguidores e dando um jeito de se manter a uma distância segura deles. Administrar a situação é tudo que o Estrelão precisa fazer.

Sobre o “clássico caseiro” de domingo passado, entre Rio Branco e Atlético? Ah, leitor/torcedor, que jogaço! Estrelão e Galo fizeram o melhor jogo dos que já foram realizados na Arena da Floresta nesta série D. Os dois foram à frente desde o primeiro minuto, os dois obrigaram os goleiros adversários a belas defesas, os dois proporcionaram um grande espetáculo!

E não imaginem que eu estou sendo condescendente não. De jeito nenhum. Eu não faço concessões quando o futebol é ruim. É que foi um jogaço mesmo, com direito a virada no placar, gol de pênalti (meio Mandrake, mas vá lá que seja), gol de falta, gol de bola rolando… Dois a dois no placar e emoção do princípio ao fim. E no domingo tem mais!

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas