Conecte-se agora

Presos estão amontoados na Defla por falta de vaga em presídio

Publicado

em

Sem título-6

Fotos repassadas por parentes dos presos

Pelo menos 18 detentos estão encarcerados na Delegacia de Flagrantes em Rio Branco por não haver vagas nas penitenciárias do Quinari e na capital. Do total, três foram detidos no dia 27 e os demais no dia 28. As celas da delegacia servem apenas para detenções provisórias. O comum é o preso ser transferido para o presídio em menos de 24h, mas isso não vem ocorrendo.

De acordo com parentes dos detentos, os apenados não estão tendo a quantidade de refeições garantidas por lei e estão há vários dias sem tomar banho. Ainda segundo um familiar, o odor dentro das celas da Defla é insuportável, pois os buracos sanitários estão entupidos pela falta de água, tendo os presos que fazer suas necessidades em cima das fezes acumuladas de outros detentos e ficarem sujos, pois na cela faltam papeis higiênico, escovas de dente e vestuário.

Para que bebam água, os agentes de policia juntam garrafas PET no lixo para enchê-las de água e entregar aos detentos, pois os mesmo não possuem bebedouro próprio.

As celas não possuem pedras e muito menos colchonetes para os presos dormirem. Não há também celas diferenciadas para mulheres sendo que muitas vezes, elas sofrem o constrangimento de verem os detentos despidos na frente delas.

A superlotação de presos na celas põe em risco a segurança dos funcionários e das vítimas, devido o contingente de policiais reduzidos, e pelo portão que na maioria das vezes encontra-se aberto devido o grande fluxo de ocorrências, facilitando uma possível invasão de outros criminosos para resgatar os detentos, uma vez que a distancia do portão para as celas é de 10 metros e que as celas praticamente não oferecem proteção alguma.

Ainda não se sabe quando os presos serão transferidos para o presídio.

Em maio, a Juiza Luana Campos, decidiu interditar os presídios após a verificação da falta de sistema de segurança contra incêndio e pânico, circuito interno de segurança, além de irregularidades higiênico-sanitárias, como esgoto a céu aberto e ambiente insalubre.

Na época, o secretário Renir Graebner garantiu que em 45 dias o Estado iria fazer as adequações e reformas do FOC e na Unidade Prisional de Senador Guiomard, além da conclusão da obra do presídio feminino, aquisição de novas tornozeleiras e equipamentos para melhorar as condições de trabalho dos agentes penitenciários.

 

Anúncios

Destaque 6

TSE orienta mesário a fazer treinamento via aplicativo

Publicado

em

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) orienta os mesários que vão trabalhar nas Eleições Municipais de novembro a realizarem o treinamento preparatório pelo aplicativo da Justiça Eleitoral. Por meio do aplicativo Mesário, o colaborador terá todas as informações sobre o funcionamento da eleição, antes e durante a votação.

A ideia de utilizar um aplicativo exclusivamente para ministrar aulas aos mesários ocorreu como medida de segurança sanitária, em virtude da pandemia causada pelo novo coronavírus.

As aulas são organizadas em blocos de assuntos, como a preparação da seção eleitoral, os materiais disponibilizados para cada local de votação e os documentos exigidos aos eleitores para o pleito. Cada etapa concluída desbloqueia as fases seguintes do treinamento. Ao final de cada bloco de aulas, o aluno testa os conhecimentos por meio de um conjunto de perguntas e respostas.

Mais de 325 mil downloads do aplicativo já foram feitos até o dia 22 de setembro. Os mesários têm até o dia 11 de novembro para concluir as aulas.

Continuar lendo

Cotidiano

Encontro virtual da Embrapa e Ufac debate plantas alimentícias não convencionais no Acre

Publicado

em

Discutir e apresentar as últimas novidades de estudos e pesquisas em botânica, etnobotânica e agrobiodiversidade no Acre são os objetivos da live promovida pela Embrapa Acre e a Universidade Federal do Acre (Ufac).

O evento, ao vivo, acontece na próxima segunda-feira, dia 28, às 21 horas (horário de Brasília), no canal da Embrapa no Youtube.

Segundo Amauri Siviero, pesquisador da Embrapa Acre, a ideia é debater os conceitos de etnobotânica, o estado da arte em botânica com destaque para as coletas, recursos humanos, publicações e a riqueza em agrobiodiversidade no Acre, incluindo as Plantas Alimentícias Não Convencionais, as famosas Panc.

Além de Siviero, estarão presentes Almecina Balbino e Marcos Silveira, docentes da Ufac, Édson Furtado e Lin Chau Ming, docentes da Unesp, e Moacir Haverroth, pesquisador da Embrapa Acre.

O evento faz parte das ações do projeto ‘Conhecimento Compartilhado para Gestão Territorial Local na Amazônia – TERRAMZ’, componente do Projeto Integrado da Amazônia, financiado pelo Fundo Amazônia e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), em cooperação com o Ministério do Meio Ambiente.

Durante a live, será lançada a versão impressa do livro “Etnobotânica e Botânica Econômica do Acre”, fruto da parceria entre entre a Editora da Ufac (Edufac) e a Embrapa Acre.

Destinado a pesquisadores, técnicos e administradores de projetos que trabalham com povos tradicionais e gestão ambiental, a obra pretende fomentar debates técnicos e subsidiar políticas públicas regionais com foco na valorização do conhecimento tradicional e desenvolvimento local.

Continuar lendo

Cotidiano

Operação Verde Brasil prendeu 4 pessoas e autuou 17 no Acre, Amazônas e Rondônia

Publicado

em

Em apoio às ações do Comando Conjunto Amazônia, o 9º Distrito Naval realizou ações de inspeção e patrulha naval em diversos rios dos estados do Amazonas, Acre e Rondônia, em apoio a agentes.

Simultaneamente, diz o Ministério da Defesa, ocorreram ações preventivas de combate a incêndios florestais e queimadas, abrangendo várias localidades dos estados do Amazonas, Acre, Roraima e Rondônia.

Nesse contexto, inspecionaram e vistoriam 94 embarcações, das quais quatro foram apreendidas e 17 autuadas, além da revista de 1.147 veículos.

A Operação Verde Brasil 2 é coordenada pelo Ministério da Defesa. Está no escopo do Conselho Nacional da Amazônia (CNA), conselho regulado pela Vice-Presidência da República em apoio aos órgãos de controle ambiental e de segurança pública. A missão deflagrada pelo Governo Federal, em 11 de maio de 2020, visa ações preventivas e repressivas contra delitos ambientais na Amazônia Legal.

A determinação presidencial para emprego das Forças Armadas em Garantia da Lei e da Ordem (GLO) foi publicada no Diário Oficial da União por meio do Decreto n° 10.341, de 6 de maio de 2020. Em 9 de julho, a GLO foi renovada até 6 de novembro, por meio do decreto presidencial 10.421.

Continuar lendo

Destaque 3

Acidentes de trânsito com morte devem cair 43,7% no Acre devido à pandemia, prevê DPVAT

Publicado

em

Em um levantamento inédito com projeções de ocorrências de trânsito até o final de 2020, a Seguradora Líder prevê uma queda de 43,7% dos acidentes com mortes no Acre.

Os acidentes que deixam invalidez permanente vão cair 40,9%, segundo a previsão da Líder, gestora do seguro DPVAT.

No país, a projeção diz que a queda será de 19% no número de ocorrências indenizadas pelo Seguro DPVAT.

No Acre, o reembolso de despesas médicas cairão 14,9%. O estudo leva em consideração o período de isolamento social por conta da pandemia da Covid-19.

A estimativa é que 229.646 vítimas recebam o benefício por acidentes ocorridos neste ano. Apesar da redução, o Brasil permanece registrando uma média de 30 mil mortes causadas por acidentes.

O número está acima da meta firmada pela Década de Ação pela Segurança no Trânsito da Organização das Nações Unidas (ONU). Em 2011, quando a iniciativa foi lançada, morriam no trânsito 24 pessoas por 100 mil habitantes. Com o acordo, esperava-se que, até 2020, houvesse uma redução de 50% no número de mortes.

No entanto, segundo a análise, a taxa ficará em 14 vítimas fatais por 100 mil habitantes. Do total de ocorrências previstas pelo estudo até o final de dezembro, 143.842 estão relacionadas a coberturas por invalidez permanente, 56.408 a indenizações para despesas médicas e 29.396 a casos de morte.

Em meio à Semana Nacional do Trânsito, a Seguradora Líder espera contribuir, por meio dos dados do Seguro DPVAT, para a construção de novas políticas públicas que garantam a segurança de motoristas, passageiros e pedestres.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas