Conecte-se agora

Candidatas ao Miss Acre 2014 são apresentadas em Rio Branco

Publicado

em

Editada

Na noite desta quarta-feira, 28, a promotora de eventos Meyre Mhanaus apresentou as dez candidatas que disputam o posto de mulher mais bela do Acre, o Miss Acre 2014.  Em evento realizado no restaurante Afa Bistrô, em Rio Branco, as concorrentes desfilaram diante das lentes dos fotógrafos. A apresentação precede o concurso que será realizado no próximo dia 8 de junho, na Concha Acústica, a partir das 20h.

Residentes na capital, as modelos Tayelem Mendonça (19), Sayonara Dias (21), Patricia Cavalcante (25), Maria Luz (19 anos), Kailane Amorim (20), Iasmyne Sampaio (19), Giovanna Carvalho (21), Brenda Folhadela (25), Aline Souza (21) e Amanda Araújo (19) serão as atrações do desfile que será realizado nos próximos dias.

Para a Meyre Mhanaus, organizadora do evento, o Miss Acre 2014 é o concurso de beleza do Estado mais aguardado do ano. “O miss Acre é o mais alto nível de concurso de beleza no Estado do Acre e a expectativa é que no dia 8 de junho a gente possa lotar as dependências da Concha Acústica, em Rio Branco, para que as famílias possam assistir o nosso evento que é o mais esperado do ano. As meninas são maravilhosas, são dez fortíssimas candidatas ao título e é esperar para que a nossa Miss Acre realmente seja eleita a Miss Brasil”, disse.

Além da coroa e do titulo, a modelo eleita Miss Acre ganhará um “guarda roupa completo”, Aulas de inglês, Joias, óculos e relógios que serão oferecidos pelos patrocinadores do evento.

Confira as fotos das candidatas:

Propaganda

Destaque 6

Acre perdeu 711 postos de trabalho, revela Caged

Publicado

em

O número de desempregados aumentou no Acre em dezembro do ano passado. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, e atestam a contratação de 1.362 pessoas e a demissão de outros 2.073 trabalhadores.

Em novembro, o estado acreano já tinha pedido cerca de 350 postos ocupados. Agora, a baixa no número de trabalhadores empregos continua aumentando. Mais que dobrou o quantitativo em 30 dias. Números que assustam o comércio e o poder público, afinal, menos dinheiro circula na praça.

Rio Branco é a cidade que mais perdeu postos, sendo 510 vagas. Na sequência, Feijó e Sena Madureira tiveram baixas de quatro postos, e Cruzeiro do Sul, a segunda maior cidade, apresentou saldo positivo de seis vagas.

Continuar lendo

Destaque 3

Ao lado de general, Gladson anuncia envio de armamento para as polícias do Acre

Publicado

em

Ainda cumprindo agenda na capital federal, o governador Gladson Cameli anunciou, por meio de suas redes sociais, o envio de armamentos pelo governo federal para reforçar a atuação das forças policiais do estado. O anúncio foi feito por Gladson ao lado do secretário Nacional de Segurança Pública, general Guilherme Theophilo.

O Acre receberá 50 fuzis 762, 100.000 munições, cinco novas viaturas, 400 coletes balísticos, 80 pistolas e mais 50 rádios. A crise na segurança pública é um dos principais desafios da nova gestão, sobretudo nas ações de combate às facções criminosas. Dados oficiais colocam o Acre como o segundo estado mais violento do país.

Continuar lendo

Destaque 3

ISE do Acre vai capacitar jovens em conflitos com a lei com cursos profissionalizantes

Publicado

em

Foto: Ângela Peres/Secom

Lília Camargo/Secom

O Instituto Socioeducativo do Estado do Acre (ISE) vai reforçar parcerias com outras instituições do estado para promover a prática da ressocialização de menores em conflito com a lei, a chamada ressocialização continuada. Em Rio Branco e no interior do Estado, eles já desenvolvem trabalhos de
pintura, de pequenos consertos e até de roçagem.

“A prática conta como ponto positivo na ficha dos voluntários, que passam por uma avaliação criteriosa”, explica Rogério Silva, diretor-presidente do Instituto Socioeducativo.

“Nós estamos planejando capacitar mais de 100 jovens em conflito com a lei, já no primeiro trimestre deste ano, com esses cursos profissionalizantes. E junto às parcerias com instituições públicas, devemos trabalhar essa ressocialização”, afirmou o diretor-presidente.

Além dos cursos, a nova gestão também já trabalha com atividades cívicas dentro das unidades. Agentes socioeducadores, com policiais militares, promovem atividades direcionadas a incentivar a formação ética e moral dos envolvidos, com momentos de reflexão que despertem o patriotismo e o respeito ao próximo.

Continuar lendo
Propaganda

Leia Também

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.