Conecte-se agora

Coêlho abandona a toca do PEN e sai atirando; Astério diz que o suplente saiu porque queria o mandato de Anibal

Publicado

em

O suplente de senador, Carlos Augusto Coêlho, vai abandonar a toca no Partido Ecológico Nacional (PEN). Coêlho, que já foi o braço direito do senador Sérgio Petecão (PSD), estaria se sentindo desvalorizado pelos dirigentes do partido com maior bancada na Assembleia Legislativa.

O estopim da crise no PEN foi deflagrado após a escolha dos suplentes da pré-candidata ao Senado, Perpétua Almeida (PCdoB). O nome de Carlos Coêlho, teria sido escolhido em seminário dos ecológicos, para pleitear a primeira suplência, mas sua indicação teria sido “negociada”.

O presidente do PEN, deputado Astério Moreira, é acusado por Coêlho, de ter trocado sua indicação à suplência pelo cargo de secretária de Turismo, ocupado por sua irmã Rachel Moreira. Coêlho reclama ainda que não foi ouvido pela cúpula da PT, partido que dar as cartas na FPA.

O suplente de senador confirmou que vai pedir desfiliação. Questionado se ele teria algum partido em vista, Coêlho disse que vai permanecer sem partido até a definição das eleições deste ano. Ele não cogita ficar longe da disputa, mas a atuação será restritamente empresarial.

Procurado pela reportagem, o presidente do PEN, Astério Moreira disse que Coêlho falta com a verdade ao acusa-lo de negociar cargo. “Rachel Moreira foi indicada ao cargo pelo governador. Foi um convite pessoal de Sebastião Viana. Fiquei sabendo na última hora”, afirma.

O dirigente destaca que Rachel Moreira, já era do PT, na época em que ele fazia oposição aos petistas. “Ela é do PT, antes de minha chegada na Frente. Ela tem amizades e uma história do partido. Não fui eu quem a indicou. Minha irmã está neste projeto desde o começo”, justifica Astério.

O dirigente destaca ainda que Coêlho queria mais do que o PEN podia oferecer. “Não é verdade, o Coêlho quer que o PEN dê a ele a vaga do senador Anibal. Ele pede que o senador ceda quatro meses de mandato. Como é que o PEN que chegou agora na FPA, vai oferecer esta condição? Anibal não vai abrir mão do mandato e nós não temos força para isso”, finaliza Astério.

Propaganda

Cotidiano

Foragida por tráfico de drogas é presa pela Polícia Civil no município de Assis Brasil

Publicado

em

Foi presa nesta quinta-feira, 25, pelos policiais civis da Delegacia de Assis Brasil e da Coordenadoria de Recursos Especiais da Polícia Civil – CORE/PC- AC a foragida da justiça Silvia Klaumann, conhecida como “LORA”.

Contra a mulher pesava um mandado de prisão por tráfico de drogas com sentença condenatória a uma pena de vinte e oito anos de reclusão em regime fechado.

Após investigação da Polícia Civil foi possível identificar onde a foragida se homiziava e nesta manhã, os agentes deram cumprimento a ordem de prisão. Silvia foi encaminhada a Delegacia de Flagrantes, de onde segue direto para o presídio Francisco de Oliveira Conde.

Continuar lendo

Destaque 2

Após denúncias de fraude, Gladson deve cancelar concurso da saúde

Publicado

em

O governador Gladson Cameli deve anunciar, ainda nesta quinta-feira, dia 25, o cancelamento do processo seletivo simplificado para cargos de nível médio e superior da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre). A seleção teve o resultado provisório divulgado na quarta-feira, dia 24.

Segundo apurou o ac24horas, Cameli teria sido informado sobre a existência de fraudes na entrega de documentos e avaliação dos candidatos. O governador já informou a decisão ao secretário da pasta, Alysson Bestene. No processo seletivo, mais de 300 vagas foram ofertadas.

O certame, lançado pela Saúde do Acre em março, teve vagas para setores administrativos e de saúde, incluindo oportunidade para médicos, enfermeiros, biólogos, biomédicos, e técnicos de enfermagem e laboratório. Mais de 10 mil pessoas participaram da seleção.

Como antecipou o ac24horas, o processo seletivo pode ir parar na Justiça após vários candidatos se mostrarem prejudicados com as notas que receberam, e com as notas que outros candidatos tiveram rubricadas pelos avaliadores da Sesacre. Fontes palacianas afirmam que Cameli está irritado com as denúncias, e pediu providências.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.