Conecte-se agora

“Esse Wolvenar que foi preso é um dos homens mais honrados deste país, ninguém é mais honesto do que ele”

Publicado

em

O governador do Acre, Sebastião Viana (PT) foi o entrevistado do programa Roda Viva na noite de segunda-feira (12). Viana falou sobre a polêmica que se envolveu com o governador de são Paulo, Geraldo Alckimin (PSDB) na questão dos haitianos, das declarações do ex-governador Binho Marques (PT), da Operação G7, dos problemas que tem com a imprensa, da disputa eleitoral deste ano, dos projetos desenvolvidos no Estado e do governo Dilma.

Ao ser questionado sobre quem faria parte da “elite paulista” que de acordo com ele, teria raiva de negros pobres, Sebastião Viana, desconversou e disse que tinha consideração pelo povo de São Paulo, afirmando que sua filha teria nascido lá e que morou por um tempo no estado, onde fez pós-graduação. Sobre o envio de imigrantes, Viana explicou que “isso ocorre desde janeiro de 2011″, por que só agora que são haitianos negros o governo se manifestou?”

Sebastião_totalApesar de não criticar abertamente a presidenta Dilma Rousseff (PT), o governador do Acre acredita que falta organização na imigração que acontece pela fronteira do Acre. “Isso ainda vai dar problema. Nenhum país do mundo oferece abrigo e três refeições para um estrangeiro. Acho preciso ter visto obrigatório na saída de Porto Príncipe”, disse Viana que repetiu o mesmo argumento por diversas vezes durante a sabatina.

Sebastião Viana evitou polemizar na questão da enchente do Madeira. Questionado se a enchente teria sido causada pelos impactos das construção das hidrelétricas, ele remediu e disse que o que teria provado a enchente história seria as chuvas na Amazônia peruana. “Houve uma cheia que extrapolou todos os limites, por causa das precipitações de chuva e pela alta velocidade do Rio Madeira que é plano e demora a baixar o nível das águas”.

Questionado se subiria no palanque para apoiar Eduardo Campos, já que o seu vice, César Messias (PSB) iria pedir votos para o pernambucano, Viana foi enfático: “não me peçam para apoiar outro candidato, sou 100% Dilma”, disse o petista ao afirmar que a campanha volta Lula acontece apenas por uma parte da militância petista. Sebastião afirma que vai fazer todos os esforços para que a petista Dilma Ropusseff vença no primeiro turno.

O petista também falou que teria 90% de aceitação no Acre ao ser interrogado pelas declarações do ex-governador Binho Marques (PT), que em entrevista ao ac24horas teria dito que seu governo e o de Jorge Viana, teriam o DNA diferente da atual administração. Sebastião evitou polemizar, mas disse que é natural ter diferenças de um governo para o outro. Viana falou ainda que seu governo estaria pavimentando todas as ruas do estado.

O governador negou que tenha acontecido qualquer fato que ligue seu governo ao escândalo de corrupção investigado pela Polícia Federal na Operação G7. Sebastião afirma que depois de 28 meses nada foi provado e a PF teria pedido mais 90 dias. Ele destaca que realiza auditórias semestrais nas secretárias e defendeu Wolvernar Camargo, das acusações de corrupção ativa e passiva, fraude de licitação e desvio de verbas públicas.

“Esse Wolvenar Camargo que foi preso é um dos homens mais honrados deste país. Eu não escolho 10 – ninguém é mais honesto do que ele, mas prenderam um homem que há 32 anos mora na mesma casa, que dezenas vezes foi chamado para se envolver em privilégio de corrupção e se negou e rejeitou todos, um homem de dignidade única na vida”, disse Sebastião ao exaltar que seu governo defende intransigentemente a transparência.

O petista informou que Wolvenar vai entrar com uma ação de danos morais contra o Estado, caso seja provada sua inocência. “Se o governo for condenado vai tornar regressiva contra a magistrada que deu a sentença”. O caso da compra das cinco mil bicicletas elétricas, suspensa pela Justiça foi considerada como uma manobra da oposição pelo governador. “Isso foi uma ação de fato da oposição que não consegue desgastar o governo. Eles tentam mais não conseguem”.

Veja a íntegra da entrevista de Sebastião Viana ao programa Roda Viva da TV Cultura:

Propaganda

Extra Total

Homem é executado com 7 tiros na Baixada da Sobral

Publicado

em

Após vários dias sem mortes por execução na Capital, a matança começou. Elder Freitas Mesquita, de 33 anos, foi executado com 7 tiros na noite deste sábado (24). O crime ocorreu na rua Iolanda Lima, no bairro Plácido de Castro, na região da Baixada da Sobral, em Rio Branco.

De acordo com informações da polícia repassadas a reportagem do ac24horas, Elder estava na frente de sua casa quando dois homens não identificados se aproximaram numa motocicleta e o garupa efetuou os tiros. Os projeteis atingiram várias partes do corpo da vítima.  Após a ação, os criminosos fugiram do local.

A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada, mas ao chegar no local, Freitas já se encontrava morto.

A área foi isolada pelos Policiais Militares do 3°Batalhão para os trabalhos dos peritos em criminalística. A Polícia fez rondas na região, mas ninguém foi preso.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos.

O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

A Polícia não soube informar a motivação do crime.

Continuar lendo

Destaque 4

Após 10 anos, reservatório de água no bairro Comara passa por limpeza

Publicado

em

Começou na última quinta-feira, 22, as operações de limpeza dos reservatórios de água de Rio Branco. O Departamento Estadual de Água e Saneamento (Depasa) é quem realiza o serviço. A primeira operação de limpeza ocorreu no reservatório do bairro Comara, no Segundo Distrito da capital. Com capacidade para armazenagem de 1.000 m³ de água, o reservatório é utilizado para garantir o abastecimento dos bairros Cidade Nova, Quinze, Taquari, Seis de Agosto, Comara e Via Chico Mendes.

Para a realização do trabalho, as equipes utilizaram motor bomba, iluminação adequada à operação, cordas, escadas, vassouras, rodos, além de pá e enxadas para retirada da areia acumulada no reservatório.

A limpeza periódica das estações e reservatórios garante a qualidade da água que chega à casa do usuário do Depasa. No caso do reservatório do Comara, a operação não era realizada há mais de 10 anos.

O sistema de abastecimento de água de Rio Branco conta atualmente com 11 reservatórios apoiados. A programação para 2019 inclui a limpeza periódica de todas as unidades.

Veja a programação de limpeza dos reservatórios:

02 Calafate e Tucumã 28/08/2019

01 Horto Florestal 30/08/2019

02 Placas e Bem Te Vi 03/09/2019

01 São Francisco 05/09/2019

01 Portal da Amazônia 10/09/2019

01 Santo Afonso 12/09/2019

01 Central Palheiral 17/09/2019

01 Booster ETA I 19/09/2019

01 ETA II 25/09/2019

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.