Conecte-se agora

Preso perde a visão depois de sessão de tortura e espancamento dentro de presídio acreano; Ministério Público investiga o caso

Publicado

em

Gleydison Meireles – da redação de ac24horas
[email protected]

DSC03935O Ministério Público do Acre abriu um procedimento para apurar a denúncia de tortura e espancamento praticado por agentes penitenciários contra o preso Wesley Ferreira da Silva, 28, ocorrido a cerca de três meses dentro do presídio de segurança máxima Antônio Amaro Alves.

Wesley Silva está internado no leito 72 da clínica médica masculina do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (HUERB), desde o dia dos fatos. De acordo com informações médicas, devido às agressões o reeducando perdeu a visão e está com um lado do corpo paralisado.

Segundo a promotora da Promotoria de Execuções Penais do Ministério Público, Laura Miranda Braz, a vítima relatou que foi espancado em três ocasiões, uma das vezes quatro agentes penitenciários participaram das agressões, nas outras duas vezes, três agentes promoveram a sessões de tortura e espancamento.

Ainda de acordo com relatos da vítima, as agressões teriam acontecido porque Wesley Silva seria membro da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) e que estaria ameaçando os carcereiros, o que ele nega veementemente.

A promotora disse que após ouvir os relatos da vítima o Ministério Público estará instaurando procedimento para apurar as denuncias.

“Assim que tomamos conhecimento viemos ao Pronto Socorro para colher as declarações da vitima, registramos tudo por meio de fotografias e partir de agora daremos inicio aos procedimentos legais. A vítima afirma que foi espancada por agentes penitenciários, por supostamente ser membro do PCC e que estaria ameaçando um agente penitenciário, mas ele nega”, disse Laura Braz.

Atuarão no caso as promotorias de Execuções Penais, sob o comando de Laura Braz e do Controle Externo da Atividade Policial e Fiscalização de Presídios, que tem a frente o promotor Dayan Albuquerque.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas