Conecte-se agora

Rivelino Mota garante ano letivo em Santa Rosa do Purus

Publicado

em

Jairo Carioca – da redação de ac24horas
[email protected]

O prefeito do município de Santa Rosa do Purus, Rivelino Mota, enviou nota através de sua assessoria jurídica no início da noite desta quarta-feira (22) informando que o ano letivo da zona rural não será comprometido pelo atraso do início das aulas. Mota garantiu apresentar um relatório que mostra à corrupção praticada na gestão anterior no setor educacional e as condições precárias que foram encontradas as escolas rurais.

“Funcionavam em casas de palhas, muitas delas abertas, não se podia nem caminhar dentro das salas”, declara o prefeito.

Ainda de acordo o prefeito, dez escolas estão em fase final de reforma. A nota não afirma data para o início das aulas, mas garante que toda a carga horária será cumprida e que as matriculas da zona rural já foram efetuadas.

Justificando sua decisão em adiar o início das aulas, Mota fez denuncias graves, uma delas da construção de “escolas fantasmas” declaradas em prestações de contas do município em localidades que nunca foram construídas e licitações forjadas que apresentam desvio de verbas fraudulentas.

“Fatos estes que estaremos representando ao Ministério Público com farta documentação”, garantiu.

Com relação ao Conselho Tutelar, a nota afirma que não houve o interesse por parte do colegiado de visitar as comunidades indígenas em atraso no início das aulas. O prefeito não explicou por que o telefone da instituição está cortado.

 

Anúncios


Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas