fbpx
Conecte-se agora

Queimadas são totalmente proibidas no Acre em 2012

Publicado

em

Este é o primeiro ano de proibição total de queimadas no Acre. As restrições começaram em 2009, por meio de ações civis públicas dos ministérios públicos Federal e Estadual. Em 2011, somente a Regional do Vale do Juruá tinha autorização para a queima, mas este ano a proibição atinge todo o Estado.

Na noite desta segunda-feira, 23, o governo lançará o Programa Estadual de Combate às Queimadas, repassando novos equipamentos para os órgãos de combate aos crimes ambientais. O Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac) vai receber veículos para reforçar as ações de fiscalização e monitoramento em todo o Estado.

Além de atender às denúncias, que podem ser feitas pelo celular 9985-7060, as equipes do Imac trabalham com informações geradas por satélites do Inpe (Instituto de Pesquisas Espaciais). Atenção especial é dada ao Vale do Acre, onde os focos de calor são sempre mais frequentes.

Já o desmate continua liberado, desde que a propriedade ainda tenha área para conversão, que é de 20 por cento do total da terra. Kássem Quintela, chefe da Divisão de Atividade do Uso do Solo do Imac, estima que foram feitos, até agora, cerca de duzentos pedidos de desmate. A liberação pelo Imac é dada após a análise de cartas-imagens e da visita de técnicos às propriedades.

Além do uso de carros, motos e quadriciclos, está prevista a realização de vários sobrevoos em pequenas aeronaves, tática já utilizada pelo Imac em anos anteriores. No ano passado foram oito sobrevoos, que resultaram na descoberta de mais de cem pontos de queimadas só no Vale do Acre. No Juruá foram mais de cinquenta pontos. Os helicópteros do Ibama e do governo do Estado também deverão ser utilizados para as ações de combate às queimadas.

Concurso

A expectativa do presidente do Imac, Fernando Lima, é de que ainda este mês sejam chamados para contratação os 47 aprovados no Processo Seletivo Simplificado, realizado recentemente. É um reforço bem-vindo para o instituto, que vai desencadear a operação Fogo Zero, repetida anualmente pelo governo estadual em parceria com vários órgãos, como Ibama, secretarias estadual e municipal de Meio Ambiente, Corpo de Bombeiros, Instituto de Mudanças Climáticas e prefeituras. “Vamos aumentar o quadro em Rio Branco e outros municípios”, comentou Lima.

As informações são Agência de Notícias do Acre

Propaganda

Acre

Princípio de incêndio atinge instalações de bar na Avenida Ceará

Publicado

em

Foto: Pollyana Maciel/Arquivo Pessoal

Um princípio de incêndio assustou quem passava pela Avenida Ceará, em Rio Branco, na manhã desta terça-feira (18). As instalações de um bar, que no momento está desativado, teriam sofrido com um curto-circuito numa fiação elétrica e foi necessária a ação do Corpo de Bombeiros para controlar a situação.

Não houve vítimas. Mesmo sem laudo oficial de que tenha sido uma pane no sistema elétrico, os bombeiros acreditam na possibilidade. Os militares usaram extintor de incêndios para debelar a fumaça.

O sinistro começou por volta das 10 horas de hoje “e se resumiu a parte exterior na rede elétrica e quadro de distribuição”, explicou o porta-voz dos bombeiros, Major Cláudio Falcão.

Ao lado do local atingido, estão vários outros estabelecimentos. Duas viaturas do ao local para combater o fogo, que foi controlado rapidamente.

Continuar lendo

Acre

“Minoru representa o caos”, diz Marcos Luz ao comentar pesquisa

Publicado

em

O vereador João Marcos Luz (MDB) usou seu tempo no pequeno expediente da Câmara de Rio Branco na manhã desta terça-feira, 18, para destacar o desempenho do deputado estadual Roberto Duarte, seu correligionário e pré-candidato à Prefeitura de Rio Branco, na pesquisa RealTime Big Data, da TV Gazeta.

“O Duarte foi o único candidato que cresceu nas pesquisas e vai crescer muito mais”, afirmou. Em seu discurso, Luz atacou Minoru Kinpara, pré-candidato do PSDB à prefeitura, e que teve 27% da preferência do eleitorado.

“A população está de olho e o candidato genérico do PT infiltrado agora no PSDB [Minoru]. Não cresceu e nem vai crescer. O Minoru representa o caos. Ele é o porta-voz da tragédia, de tudo que o PT deixou de herança maldita para Rio Branco e pro Acre”, encerrou.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required
Propaganda
Propaganda

Leia Também

Mais lidas