Conecte-se agora

Governo do Acre reduz horário do carnaval e mantém festa popular na Amadeo Barbosa

Publicado

em

Tatiana Campos

O carnaval popular organizado pelo governo do Estado e prefeitura de Rio Branco será mantido na Avenida Amadeo Barbosa. O horário da festa, antes programada para acontecer das 11h às 05 horas da madrugada, foi reduzido e agora encerra às 03 horas. Durante coletiva no início da noite desta sexta-feira, 17, o governador Tião Viana e o prefeito Raimundo Angelim explicaram as razões para manter a festa.

Mesmo com o Estado de Emergência decretado pela prefeitura, milhares de famílias desabrigadas e o comportamento dos rios, que continuam subindo, manter o carnaval é uma questão de segurança pública. “É melhor concentrar a festa num único local e garantir a segurança neste espaço. A Polícia Militar não teria condições de manter o policiamento necessário em todos os bairros e nos abrigos ao mesmo tempo, porque em cada bar, em cada esquina, haveria uma festa. As pessoas sairiam às ruas para brincar de qualquer jeito e seria muito difícil lidar com a situação, mantendo a segurança de toda a população”, explicou o governador Tião Viana.

O prefeito Raimundo Angelim falou de todo o esforço que está sendo feito para garantir as mínimas condições às famílias e afirmou que o carnaval vai acontecer em segurança para garantir aos foliões o direito de brincar a festa momesca. Segundo o tenente coronel José Anastácio, comandante da PM, a polícia militar vai trabalhar com o efetivo necessário para garantir a segurança da população e haverá avaliações diárias do trabalho para corrigir ou melhorar a atuação. Os homens que trabalham nos setores administrativos foram escalados.

Os senadores Aníbal Diniz e Jorge Viana estão dando apoio integral às ações de governo no auxílio aos desabrigados, ao lado dos deputados federais Taumaturgo Lima, Perpétua Almeida, Henrique Afonso e Sibá Machado. “O carnaval é uma festa que acontece independente da vontade do governo. As pessoas vão brincar tendo festa ou não. Então é melhor garantir a segurança num espaço adequado para evitar situações que possam fugir do controle”, disse o senador Jorge Viana. Segundo a Defesa Civil o nível do Rio Acre marcava 16,64m e o Riozinho do Rôla estava em 17,88. No parque de exposições 2.728 pessoas estão abrigadas. O Sest/Senat abriga 87 famílias e 19 famílias foram abrigadas no Ginásio Coberto

Anúncios
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Acre

Governo alinha com empresários retomada econômica no Acre

Publicado

em

Passado o momento de pico da pandemia do novo coronavírus no Estado, o governador Gladson Cameli tem buscado agora meios que favoreçam a retomada estabilidade econômica após a crise sanitária que atingiu drasticamente o comércio. Nessa quarta-feira, 21, ele se reuniu com o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Acre (Fecomércio), Leandro Domingos, e o superintendente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Acre (Sebrae-AC), Marcos Lameira, para trocar de ideias sobre a retomada econômica do Acre.

Para Cameli, o Acre vive um momento de superação e reconheceu as instituições que realizaram diversas ações sociais, além do apoio ao empresariado local, no auge da pandemia. “O nosso desafio é a geração de emprego e renda. E contar com o apoio dessas instituições é fundamental nesse momento. Principalmente por estarem lado a lado com o governo, em ações conjuntas, visando o benefício da nossa população”, afirma.

Leandro Domingos reforçou que o Estado vive um momento em que o comércio necessita de uma atenção especial para se recuperar do longo período de baixa causada pela pandemia. “Nossas instituições foram parceiras do governo, inclusive com ações sociais nesse período junto aos mais humildes, aqueles que mais precisavam no momento. Porque o objetivo do Estado é o nosso objetivo, o crescimento da população. E agora precisamos discutir ideias para a retomada desse que é um dos principais setores econômicos do Acre”, disse o presidente da Fecomércio.

Continuar lendo

Acre

Onda de calor eleva preço de frutas e hortaliças, diz governo

Publicado

em

As altas temperaturas registradas no país têm impactado nos preços de frutas e hortaliças vendidas nas Centrais de Abastecimentos (Ceasas). O forte calor acelera a maturação de alguns produtos, e com isso, o produtor tem que antecipar a colheita, afetando a oferta e os valores de comercialização, como mostra o boletim divulgado, nesta quarta-feira (21), pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Entre os produtos que sofreram a influência do calor está o tomate. O produto apresentou alta nas cotações em praticamente todas as centrais analisadas pela Conab, sendo a maior variação em Brasília, de 32,5%. Apenas na Ceasa do Rio de Janeiro a hortaliça ficou mais barata. Com a maturação precoce, houve muita oferta do tomate nos primeiros dias de setembro, quando o preço baixou, porém a oferta diminuiu no restante do mês, o que trouxe um efeito de elevação de preços na média final. No entanto, pelo acompanhamento dos preços diários, é possível notar uma tendência de queda a partir da segunda quinzena deste mês.

No caso da melancia, as altas temperaturas intensificaram a entrada da fruta no mercado. Com a elevação da oferta, principalmente da região de Uruana (GO), os preços no acatado ficaram mais baixos, estimulando a procura. O volume da melancia negociado em nove centrais de abastecimento chegou a ser 60% superior ao registrado em agosto deste ano. Na primeira quinzena de outubro, os preços apresentaram estabilidade em boa parte do país.

Outro produto é o mamão, que ficou mais barato no mercado atacadista devido ao amadurecimento acelerado. Neste mês, há tendência de estabilização do preço. As condições climáticas também influenciaram na maior demanda pela laranja que, aliada a uma menor oferta da fruta, apresentou alta de preços nas Ceasas pesquisadas.

A cenoura ficou mais cara em todos os mercados atacadistas analisados em setembro. Entanto, para outubro, há previsão de “uma estabilidade nos preços dentro do mês, porém na comparação com a média de setembro, o preço vem declinando”.

Continuar lendo

Acre

Jarbas Soster apresenta plano de governo na Assermurb

Publicado

em

O candidato à prefeitura de Rio Branco pelo Avante, Jarbas Soster, participou de uma reunião com a diretoria do Sindicato dos Servidores Municipais de Rio Branco (Assermurb) nesta quarta-feira, 21, na sede do Sindicato.

Na reunião, Jarbas apresentou o seu plano de governo e as suas propostas para o transporte público, mobilidade urbana, saúde, educação, economia, infraestrutura e dentre outros assuntos.

A reunião serviu para Jarbas ouvir as reivindicações da classe para o quadriênio 2021/2024 acerca do Plano de Cargos e Carreiras (PCCR) dos servidores municipais.

Continuar lendo

Acre

Gladson conversa com membros do TJAC para aproximar poderes

Publicado

em

Numa tentativa de estreitar o relacionamento e aproximar os poderes, o governador Gladson Cameli dez uma visita de cortesia nesta quarta-feira, 21, aos membros do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC). O próprio judiciário confirma que o objetivo do encontro foi “aumentar o diálogo interinstitucional e também articular parcerias para aprimoramento dos serviços jurisdicionais”.

Durante o encontro, que contou com as duas equipes diretoras do TJAC, a atual e a eleita para os próximos dois anos, foi levantada a proposta de união dos esforços para transição de equipes e aprimoramento da prestação jurisdicional.

“Mais um registro da visita que fiz nesta quarta-feira no Tribunal de Justiça do Acre. Foi um encontro muito importante para estreitar o relacionamento e firmar parcerias com o poder judiciário”, disse Cameli. Na ocasião, Gladson falou de assuntos relacionados à administração do Judiciário acreano, especialmente, em relação às necessidades estruturais da Justiça do Acre.

O desembargador-presidente, Francisco Djalma, agradeceu a visita do governador e destacou as demandas do Judiciário. “A proposta dessa visita foi apresentar alguns projetos edificação, restauração de alguns prédios e o governador se dispôs a ajudar a implementar essas modificações”, disse.

Estiveram presentes o atual desembargador-presidente do TJAC, Francisco Djalma, e os desembargadores Laudivon Nogueira e Júnior Alberto, vice-presidente e corregedor-geral de Justiça, respectivamente. Também estavam na reunião os magistrados eleitos para o Biênio 2021-2023, a desembargadora-presidente Waldirene Cordeiro, e os desembargadores Roberto Barros, vice-presidente, e Élcio Mendes, corregedor-geral da Justiça.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas