Conecte-se agora

Bumbo furado

Publicado

em

As cooperativas de serviço têm ajudado mais a encher os bolsos dos seus donos do que beneficiar os cooperados, que não recebem décimo terceiro, FGTS e nem férias. Foi na defesa dos trabalhadores que o deputado Luiz Tchê (PDT) se pronunciou. Tosco, por isso, o carnaval de bumbo furado ontem na Aleac, feito por quem se beneficia politicamente do movimento.

Merece um prêmio

O presidente da Aleac, deputado Elson Santiago (PP), merece um prêmio pela paciência de ouvir um rosário de reclamações repetitivas dos donos de cooperativas na reunião no plenário.

Resolver o que?

Foi o tipo da reunião que não resolve nada, mais um ato de encher lingüiça. Por exemplo, reclamarem que levaram um tombo da CONSTRUMIL. Ora, isso é para se resolver na justiça.

Apoio embutido

O senador Sérgio Petecão (PSD) revelou nas conversas com amigos que, na hipótese de Fernando Melo (PMDB) não ir ao segundo turno e Perpétua Almeida (PCdoB) for, apoiará ela.

Proposta inusitada

O deputado Eduardo Faria (PCdoB) comentou com deputados ter uma proposta a fazer ao PT para acabar a crise na FPA: que o PT indique Marcus Alexandre vice de Perpétua Almeida.

Mantra errado

O deputado federal Márcio Bittar (PSDB) sempre queima o senador Petecão (PSD), com o argumento que não poderá ser o candidato ao governo da oposição por apoiar Dilma Roussef.

Caminho equivocado

Márcio erra ao tentar ser o único candidato ao governo da oposição em 2014 com essa estratégia. Espatifar é fatal para quem postula ser aclamado para disputar posto majoritário.

Sem aliados

O problema do Márcio é não ter aliados na oposição, onde é visto sempre com uma extrema desconfiança, e por isso, é perda de tempo pensar que Petecão (PSD) não disputará o governo.

Espatifado feito

Seja qual for a posição da deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB), mantendo ou retirando a sua candidatura, a cizânia está feita no maior capital da FPA, que sempre foi a sua unidade.

Muita ingenuidade

É muita ingenuidade se pensar numa equação pacífica com duas candidaturas na FPA. E mais ingênuo é pensar que o PCdoB ficaria com os cargos no governo se tornando adversário do PT.

Preocupação geral

O líder do governo, deputado Moisés Diniz (PCdoB) é quem mais está numa saia justa pelo cargo que ocupa, daí a sua luta para que, a FPA saia com apenas um nome a prefeito.

Moral da história

O posicionamento duro da deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB) conseguiu fazer mais estragos do que a oposição fez durante todos os anos em que vem enfrentando a FPA.

Nem um milímetro

Colegas jornalistas que conversaram nas últimas horas com Perpétua Almeida dizem ter ouvido dela que não abre um milímetro sua candidatura, e que o PT que retire a dele.

PP confirma

Foi fechado no último fim de semana pelo deputado federal Gladson Cameli (PP) que, o médico Edson (PP) será o vice de Everaldo (PMDB) na disputa da prefeitura de Brasiléia.

Olha a caçoleta!

O deputado Walter Prado (PDT) jura de mãos juntas que o ex-vereador Chico Batista (PDT) será candidato a prefeito de Tarauacá. Prado está doido para levar uma caçoleta do PT.

Não comenta

O candidato do PT a prefeito da Capital, Marcus Alexandre, humildemente tem evitado comentar na imprensa a dissidência da deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB).

Nome preferido

O médico Alan Areal (PSB) é o nome preferido para disputar a prefeitura de Sena Madureira da cúpula regional do PT.

Nome do colete

Já o nome do colete do prefeito Nilson Areal à sua sucessão é de Nelson Sales.

Descendo o rio

A última vez que a candidatura a prefeito de Sena Madureira de Jairo Cassiano (PDT) foi vista, descia de “bubuia” o rio Caeté, abandonada que foi pelo amigo Nilson Areal.

Aliança restrita

A candidatura de Fernando Melo (PMDB) à PMRB está restrita à aliança PSD-PMDB.

Estratégia correta

O prefeito de Cruzeiro do Sul, Wagner Sales, age correto em não anunciar que disputará a reeleição. Pressa para que, se seus adversários da FPA ainda se engalfinham para se definir?

Chapa pronta

A chapa está pronta com Wagner Sales (PMDB) tendo como vice um nome do PP.

Pires nas mãos

O deputado Eber Machado (PSDC) busca apoio da bancada federal em Brasília para a criação de uma Universidade Estadual.

Com ansiedade

O governador Tião Viana tem conversado amiúde com seu líder na Aleac, deputado Moisés Diniz (PCdoB). Tião chega sexta-feira, seu posicionamento é esperado com ansiedade.

Ouve o que não quer

Quem diz o que quer ouve o que não quer, diz o ditado. Ao atacar o deputado Werles Rocha (PSDB) e dizer que entre o mandato e as cooperativas opta por essas, o deputado Jonas Lima (PT) levou uma lambada do Rocha: “fala isso por usar as cooperativas em benefício próprio”.

Por Luis Carlos Moreira Jorge

Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas