Conecte-se agora

Angu da oposição

Publicado

em

O governador Tião Viana está certo ao dizer que, quem tem que comer o “angu de caroço” do ex-deputado federal João Correia (PMDB) é a oposição, pois, é pura infantilidade se atribuir os destemperos do parlamentar contra os dirigentes oposicionistas a uma patranha com o PT.

Tiro no pé
Que o João deu um tiro no pé ao atacar toda a oposição e combustível para o PT, nem se discute. Mais insano é dizer que ele foi cacifado financeiramente pelo PT para a missão.

Chifre em cavalo
Falar em acordo financeiro entre João Correia e o PT para detonar a oposição, como andam insinuando alguns dirigentes oposicionistas, é um delírio, é ver chifre na cabeça de cavalo.

Cagou no ninho
Volto dizer que não consigo entender a atitude do João. Se ele está deixando a política ou não quer mais militar na oposição, se justifica o seu ataque. Se não é isso, cagou no próprio ninho.

Medidas extremas
Dependendo do teor da próxima entrevista, segundo uma boa fonte, poderá ser deflagrado dentro do PMDB, com ampla margem de apoio, o processo de expulsão de João Correia.

Olho espichado
O declarado apoio da deputada federal Antonia Lucia (PTC) à candidatura de Tião Bocalon (PSDB) à PMRB não é pela luzidia careca do tucano, mas porque vai querer indicar o seu vice.

Um dos nossos
O deputado federal Gladson Cameli (PP) já é visto dentro da oposição como “um dos nossos”, principalmente, depois de assinar a nota conjunta de seus dirigentes com pontadas na FPA.

Quadro valoroso
Os dirigentes da FPA erraram feio ao tratar sempre o deputado federal Gladson Cameli (PP) como um “menino mimado”, pelo contrário, é um político em crescimento e com votos.

Com certeza
No Juruá, por exemplo, onde sua liderança é muito forte, a sua aliança com o prefeito Wagner Sales desequilibra o quadro de disputa a favor da oposição na disputa municipal de 2012.

Sem acordo
Não espere um acordo entre PMDB e PSDB em Senador Guiomard, é ponto decidido na cúpula peemedebista que o partido terá chapa própria numa aliança com o PMN de Solange Pascoal.

Olho na pesquisa
O ex-prefeito de Senador Guiomard, Celso Ribeiro, vai aguardar os resultados das pesquisas que pretende mandar realizar antes de decidir se será candidato a prefeito.

Chance grande
Quem tem conversado com o Celso tem sentido uma forte inclinação para a disputa.

Gavetas limpas
A mesa diretora da Aleac trabalha para fechar o ano com todos os projetos na Casa votados.

Péssimo exemplo
O prefeito Angelim está se mirando no péssimo exemplo da pata, coloca ovos e não anuncia.

Percam todos
Corintianos x palmeirenses. Vascaínos x flamenguistas. Que percam todos logo mais.

Mau negócio
Não é um bom negócio para o PMDB em termos de imagem entronizar o Luiz Carlos Pitman.

Joga tudo
O senador Sérgio Petecão (PMN) saiu fortalecido no episódio do ex-deputado João Correia, ficou mais a vontade para tentar embalar a candidatura de Fernando Melo à PMRB.

Tudo que queria
Outro que ganhou foi o Fernando Melo, agora mais do que nunca candidato da cúpula do PMDB. Pelo que conheço da seara peemedebista, ele deverá ganhar folgado a convenção.

Padre de passeata
O bom padre Asfury, que há anos puxa as passeatas do PT, será um desfalque na próxima eleição municipal, acaba de ser transferido para a prelazia de Porto Velho.

Fator principal
O sistema público de saúde no Acre apareceu no cenário nacional como destaque. Deve-se unicamente ao governador Tião Viana ter colocado a pasta no colo e decidir as prioridades.

Não chegaria
Tivesse o Tião deixado só a cargo da sua secretária não se chegaria ao bom patamar.

Se quiser
A opinião, eu tenho ouvido até dentro da oposição: o único nome competitivo da FPA hoje em Tarauacá para disputar a eleição com boa competitividade é o do Dr. Jasone (PT).

Não abre mão
Sobre nota da coluna, dirigente do PMDB me liga para dizer que não há a mínima chance do partido fazer uma aliança com o prefeito Dindim (PSDB), porque terá candidato próprio.

Vai de Abner
O “glorioso do Dr. Ulisses Guimarães” vai de Abner para prefeito de Feijó.

Nada fácil
Se o candidato do PT a prefeito de Feijó for o Francimar ou a Jaciara, não será fácil convencer o ex-prefeito Juarez Leitão (PT) a apoiar um dos dois.

Situação vexatória
O ano se encerra com os vereadores da Capital numa situação vexatória, sem um teto próprio para realizar as sessões. Como ciganos vivem a perambular de um lugar para o outro. Com os cortes nas emendas para a construção da nova sede tudo indica que o martírio perdura no próximo ano. Mas, nem tudo é espinho, o aumento da verba de representação garante o peru.

Por Luis Carlos Moreira Jorge 

 

 

 

Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Leia Também

Mais lidas