Conecte-se agora

Polícia prende maníaco da Bahia na zona rural do Bujari

Publicado

em

Uma ação conjunta das polícias Civil e Militar do município do Bujari (28 quilômetros de capital) culminou na prisão de Valdimiro Campos Costa, 39 anos, o Vavá. Ele estava sendo procurado há cerca de dois meses sob acusação de estuprar várias mulheres, na região da Baixada do Sol e castigar as vítimas com um facão.

Pelo modus operandi Vavá passou a ser chamado de maníaco da luz, pelo fato de desligar o padrão de energia das residências das vítimas. Os policiais o localizaram em uma fazenda no Ramal Espinhara, km 30, na altura do quilômetro 52 da BR-364, sentido Sena Madureira.

Também conhecido como maníaco da Bahia, isso porque, muitas das vítimas que acusam Valdimiro Campos, residem no referido bairro. Um dos homens mais procurado pela polícia acriana nos últimos 60 dias, cumpriu uma condenação de 16 anos de reclusão por homicídio, crime ocorrido em 1993 contra um homem identificado como Filó.

Pelo assassinato de Filó Vavá passou uma temporada no presídio, ganhou o benefício condicional, mas deixou de cumprir as determinações judiciais e teve o benefício revogado. Preso, ele foi recambiado ao complexo penitenciário, mas há pouco mais de três meses ganhou o regime aberto.

Livre da cadeia Vavá teria desenvolvido uma tara por mulheres casadas e atacando-as, quando os maridos saiam para trabalhar. Os supostos ataques do investigado deram início a uma série de reclamações de estupro, que estão sendo apuradas na Delegacia da Mulher.

PRISÃO

Por volta de 11h30 desta quinta-feira, os investigadores da Delegacia-Geral do Bujari, com auxilio dos PMs C. Silva e Augusto Filho, cercaram a sede da fazenda Sobral. Ao perceber que havia sido localizado tentou se refugiar dentro do banheiro da casa, mas a estratégia falhou e foi alcançado na entrada do sanitário. Não reagiu.

Contido, ele foi trazido para sede da delegacia e apresentado ao delegado Marco Antonio de Toledo, que mandou comunicar a prisão a Vara de Execuções Penais, em seguida ao Instituto Médico Legal (IML) para exame de corpo de delito e posteriormente recolhido ao presídio Francisco d’Oliveira Conde.

O dono da fazenda (nome não mencionado pela polícia) colaborou com os investigadores e revelou que ele estava na colônia há três dias. No dia em que chegou ao local, onde ocorreu a prisão, Vavá fez a barba, na tentativa de não ser reconhecido. Vítimas se queixam que seu agressor usava barba. Em poder do acusado foi apreendida uma faca Boito, supostamente usada por Vavá para torturar as vítimas.  A faca será periciada e submetida a reconhecimento individualizado, pelas vítimas.

A polícia está apurando a informação que sugere ter sido Vavá o responsável por um estupro tentado ocorrido no Ramal Taboquinha, que fica nas cercanias da fazendo onde este foi preso. A tentativa de estupro ocorreu há cerca de duas semanas, segundo foi apurado.

Anúncios
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Acre

Edvaldo diz que Aleac vive saia justa por causa da vaga do TCE

Publicado

em

O deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) usou o grande expediente da sessão virtual da Assembleia Legislativa nesta terça-feira, 22, para fazer referência à decisão da desembargadora Regina Ferrari, quanto a escolha do novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado.

“Isso não pode passar como se nada tivesse ocorrido. Só para lembrar: o TCE tomou uma decisão por unanimidade em torno do nome da conselheira Maria de Jesus para ocupar a vaga de José Augusto. Encaminhou sua decisão ao governador do Estado, que concordou e remeteu o pedido para a Aleac apreciar”, comentou Magalhães, completando que na hora da apreciação houve um “cavalo de pau” político no entendimento do poder e uma série de mobilizações foram feitas na véspera da votação e no dia da apreciação a maioria absoluta votou pela rejeição do nome da conselheira.

Segundo o comunista, a situação põe a “Aleac em uma saia justa”, pois segundo a decisão da magistrada, o Poder Legislativo não pode decidir nada até que o Pleno do TJAC julgue o mérito da ação.

Decisão

A desembargadora Regina Ferrari, do Tribunal de Justiça do Acre, deferiu parcialmente o pedido de liminar do mandado de segurança coletivo impetrado pela Associação Nacional dos Ministros e Conselheiros Substitutos dos Tribunais de Contas (Audicon) que pleiteava a suspensão dos efeitos do decreto legislativo e também de proibir a indicação de qualquer pessoa estranha para o cargo de Conselheiro por parte do Governador Gladson Cameli e da Assembleia Legislativa do Estado do Acre.

Em sua decisão interlocutória na tarde desta segunda-feira, 21, a magistrada determina que a Assembleia Legislativa do Acre não realize qualquer aprovação de candidato, atual ou futura, para ocupar a 6ª vaga de cargo de Conselheiro junto ao Tribunal de Contas do Estado do Acre, até a análise meritória Colegiada, que deverá ser analisada pelo Pleno do Tribunal de Justiça, composto por 12 desembargadores.

Continuar lendo

Acre

Daniel Zen diz que Socorro Neri virou as costas aos aliados

Publicado

em

O deputado estadual e candidato do PT à Prefeitura de Rio Branco, Daniel Zen, usou as redes sociais nesta segunda-feira, 21, para falar a respeito do que aconteceu entre o PT-PCdoB-PSOL e o PSB de Socorro Neri.

Zen afirmou que todos eram aliados, mas com a derrota de Marcus Alexandre (PT) nas eleições de 2018, o PT viu Socorro Neri mudar e virar as costas aos aliados. Em sua argumentação, o petista falou acerca da extinção de secretarias importantes criadas pelo ex-prefeito e que foi varrida com reforma administrativa de Socorro Neri (PSB).

O petista contou que em duas oportunidades, uma com os partidos aliados e outra ele em reunião com Neri, ouviu dela que não a esperasse e que não discutiria política naquele momento. Nesse meio tempo, a imprensa noticiava uma aproximação dela com o governador Gladson Cameli.

“O que a prefeita fez com o PCdoB, foi o mesmo que já havia feito com nós do PT. A diferença é que ao perceber que já não éramos bem-vindos, nós pedimos pra sair. O PCdoB permaneceu fiel à coligação que ajudou a eleger, até que ela demonstrou que também não os queriam por perto”, argumentou Zen.

O candidato petista disse que escolher com quem quer caminhar é normal, mas “o que não dá é agir de forma sorrateira, com deslealdade e ingratidão”.

“Se negar a conversar e dizer que não quer a aliança ou romper com aliado fiel faltando minutos para iniciar uma convenção, isso aí foi uma grande falta de respeito”, afirmou Zen.

 

Continuar lendo

Acre

Quase 40 presos tentam fugir novamente de presídio da capital

Publicado

em

Uma tentativa de fuga foi registrada na noite dessa segunda-feira, 21, no Complexo Penitenciário de Rio Branco. Pelo menos 39 detentos empreenderiam fuga, não fosse a ação rápida dos policiais penais de plantão. Com os presos, foram encontradas sete cordas artesanais conhecidas como “teresas”, uma escada e uma chave artesanais, além de um simulacro de arma de fogo.

De acordo com a equipe da unidade, por volta das 18h40, o policial de plantão na guarita número 7 visualizou alguns presos no solário destinado ao banho de sol pavilhão “L”. Diante da situação, o operador chamou a atenção dos presos com comando de voz e realizou um disparo de advertência.

Com o barulho, alguns detentos retornaram para o interior do pavilhão, enquanto outros quatro presos já se encontravam na área externa do alojamento. Desta forma, com apoio de um segundo policial, mais dois disparos de advertência foram efetuados.
Via rádio os profissionais informaram sobre a tentativa de fuga no pavilhão “L” e foram prontamente atendidos pelo Grupo Penitenciário de Operações Especiais (GPOE), que prestou o devido apoio na contenção dos detentos.

Os policiais penais realizaram uma verificação de estrutura e identificaram que os detentos das celas 3, 4, 8 e 9 abriram o solário com uma chave artesanal. No total, 39 presos empreenderiam fuga. Durante a contagem, foi verificado que nenhum detento havia fugido e que os quatro que estavam do lado de fora já tinham retornado pelo mesmo buraco feito no solário.

Após a tentativa de fuga, os 39 detentos foram encaminhados para o isolamento preventivo e responderão a processo administrativo disciplinar para apurar a falta cometida.

Continuar lendo

Acre

Ônibus que saiu de Cruzeiro do Sul para Rio Branco pega fogo

Publicado

em

Um ônibus da Petroacre que saiu de Cruzeiro do Sul com destino a Rio Branco por volta das 19 horas dessa segunda-feira, 22, pegou fogo na madrugada desta terça-feira quando estava a 30 quilômetros de Sena Madureira, na mesma BR.

Os passageiros conseguiram sair do veículo e ninguém ficou ferido. No entanto, toda a bagagem e o ônibus foram consumidos pelas chamas. Outro veículo da empresa foi ao local pegar os passageiros e trazê-los até Rio Branco.

Ainda não há informações sobre as causas do fogo no veículo, que segundo informações não oficiais, estaria levando material para a realização de exames de Covid-19 de pacientes de Cruzeiro do Sul.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas