Conecte-se agora

Eletrobrás e Eletronorte não querem ser responsabilizadas pelos apagões no Acre

Publicado

em

Tanto a companhia Eletroacre (distribuidora Acre) quanto a Eletronorte (que gerencia o sistema do linhão nacional de energia que abastece o estado), nao querem ser responsabilizadas pelo apagão ocorrido logo nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (03), quando deixou a capital acriana e pelo menos outras sete cidades sem energia elétrica.

A reportagem falou, por telefone com os assessores de comunicação das duas empresas, sendo com a senhora Alice Regina [Eletrobrás],  pelo número 3212 5700 e com o senhor Leonardo Alves pelo número 997* 422*, mas ambos jogaram a culpa um no outro, deixando a reportagem sem resposta.

Segundo Alice Regina, “o problema não é da Eletrobrás, “nós apenas distribuímos a energia. Ligue para a Eletronorte”, disse ela.

Já na Eletronorte, a resposta foi  praticamente a mesma: “o problema do apagão  não foi daqui. Ligue na Eletrobrás que eles lá podem esclarecer onde foi o problema. O apagão não foi culpa da gente”, disse o assessor de comunicação Leonardo Alves.

Um apagão semelhante, [ocorrido no último domingo 31], deixou todo o estado do Acre sem energia elétrica por mais de duas horas.  Nesse, a Eletrobrás emitiu nota a imprensa informando que ainda estaria investigando as causas da pane, tendo em vista não faz idéia de onde ocorreu a pane no sistema distribuidor do linhão.

Salomão Matos – Da redação do ac24horas

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Acre

Mara Rocha diz em rede social que muita gente tem medo do Moro

Publicado

em

A deputada federal Mara Rocha (PSDB) e o irmão Major Rocha, vice-governador do Acre, fizeram uma transmissão ao vivo no Facebook na tarde desta quinta-feira, 23, para comentar a decisão da Câmara dos Deputados que devolveram o comando do Controle de Atividades Financeiras (Coaf) ao Ministério da Economia, tirando das mãos de Sérgio Moro, Ministro da Justiça.

Mara foi a única parlamentar do Acre que votou a favor da manutenção do órgão no Ministério da Justiça. Moro classifica o Coaf como estratégico para o combate à corrupção no país.

“A verdade é que houve uma manobra. Muita gente tem medo do Moro. Infelizmente perdemos por 18 votos, mas esperamos que a população faça pressão com os senadores para que essa pressão possa devolver o Coaf ao Ministério da Justiça”, disse Mara.

Rocha afirmou que a Lava Jato tá passando o Brasil à limpo e pediu que a operação passe no Acre. “Seria interessante uma visita ao Acre, isso tá faltando. Foram mais de 4 bilhões que foram tomados emprestados e não vemos essas obras. Tem notícias lá atrás de que o estado gastou mais de 20 milhões na primeira eleição do Lula com a agência Asa Publicidade, a mesma do mensalão”.

Mara convidou o irmão para ir junto ao Ministério da Justiça solicitar uma visita de Sérgio Moro ao Acre. “Vamos fazer essa agenda e cobrar que venha ao Acre. O Brasil não podia ficar do jeito que tava. Não é possível mais passar à mão. Havia uma prática de que quem tava do nosso lado não é bandido. Isso não pode mais. Bandido é bandido e não tem cor partidária”, disse Rocha.

A deputada federal lembrou que Rocha pediu a expulsão do mineiro Aécio Neves, que hoje também é deputado federal, já foi senador e candidato a Presidente da República pelo mesmo PSDB, mesmo partido dos dois.

Continuar lendo

Acre

Programa Fale com o Governador será às segundas-feiras

Publicado

em

O Programa Fale com o Governador começará a ser transmitido às segundas-feiras. A entrevista fará parte do programa Cidadania, na Aldeia FM, das 7h30 às 8h30. A programação entra em cadeia nas rádios AMs e FMs de todo o estado do Acre.

O formato do programa será mantido com a possibilidade dos ouvintes e internautas encaminharam dúvidas, reclamações e perguntas ao governador. O bate papo é mediado pelo jornalista Jairo Carioca.

Ao longo das edições do programa Gladson Cameli abordou temas como segurança, infraestrutura, saúde, pagamento do 13° salário, entre outros assuntos relacionados à gestão. E também respondeu a uma série de questionamentos dos ouvintes do programa. Na maioria das vezes, o governador esteve acompanhado de secretários de Estado e de aliados políticos como senadores e deputados federais.

“Nossos ouvintes podem acessar a programação ao vivo pelo seu telefone celular e pela rede mundial de computadores no endereço: aldeiafm.ac.gov.br. Outro canal é o nosso WhatsApp (68) 99986 7274”, destacou Carioca.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.