Conecte-se agora

Publicado

em

A prefeita de Tarauacá, Marilete Vitorino, protagonizou nos últimos dias uma trapalhada política atrás da outra. No sábado, ficou das 10 às 12 horas na casa do presidente do DEM, N.Lima, a quem jurou gratidão eterna e que ficaria no partido. Pois bem, saiu de lá e foi direto a um churrasco do senador Sérgio Petecão (PSD), onde ela acabou se filiando ao PSD.

Trajetória de contradições
A Marilete, em dez dias, tinha prometido se filiar ao PMDB, PP, PCdoB e acabou no PSD.

Não une a oposição
Sua entrada no PSD não lhe dá a garantia de ter a oposição apoiando à sua reeleição, como o grupo do ex-prefeito Wando Torquato (PP), de quem era vice e o traiu para lhe tomar o cargo.

Quem tem votos
E o partido da oposição que tem votos em Tarauacá é o PP do complicado ex-prefeito Wando.

Meta alcançada
O PT conseguiu o que queria: detonar a articulação política do deputado Moisés Diniz (PCdoB), que trabalhou duro para levar a prefeita Marilete para o PCdoB com o apoio de toda a FPA.

Tiro na unidade
Só que o PT de Tarauacá mais que quer atingir o deputado Moisés Diniz (PCdoB), deu um tiro na FPA ao lançar o médico Jasone (PT) como candidato a prefeito, espatifando a sua unidade.

Sem clima
Com o episódio, o PCdo B ficou sem clima para apoiar um candidato do PT em Tarauacá, e, sem o apoio dos comunistas será improvável  os petistas ganharem, e aí, a oposição agradece.

Morte abraçada
E a permanecerem separados tendência dos comunistas e petistas é morrerem abraçados.

Muita ingenuidade
Moisés Diniz, conhecendo a taba, foi ingênuo em pensar que o PT de Tarauacá o apoiaria.

Espetáculo de graça
O certo é que o PT armou o circo e quem acabou dando gargalhadas foi o senador Sérgio Petecão (PSD), em cujo partido a prefeita Marilete foi cair no colo sem um esforço.

DNA do Sibá
As injustas e destemperadas declarações do petista Lhé contra o governador Tião Viana e o senador Jorge Viana, consta, tiveram antes o aval do deputado federal Sibá Machado (PT).

Só com prévias
Sibá Machado tem dito por onde passa junto com seu fiel escudeiro, o ex-prefeito do Bujari, Michel, que só recuará de sua candidatura se houver prévias no PT e for derrotado.

Não consigo
Eu não consigo ver o nome do deputado federal Sibá Machado (PT) como ideal para disputar a PMRB, porque sua densidade não vai além dos muros petistas, além de não ser uma novidade.

Não é bom
Não adianta ficar atirando pedra na lua. O momento político do PT na Capital não é bom e para tentar mudar isso tem que apresentar um nome que passe a imagem de renovação.

É balsa certa
Se o PT e a FPA vierem com uma cara velha, carimbada, manjada, não escapam da balsa.

Candidatura confirmada
O secretário municipal de Saúde de Feijó, Dr. Baba (PSD), voltou a confirmar ontem ao senador Sérgio Petecão (PSD) que será o candidato a prefeito pelo PSD.

Posição fechada
Em reunião na tarde de ontem entre os presidentes do DEM-PMN-PSDB, em Tarauacá, ficou decidido que não apoiarão a reeleição da prefeita Marilete, mesmo ela estando no PSD.

Bote errado
O deputado Lira Moraes (PRP) riu da ação do suplente Chicão Brígido (PTB) pedindo o seu mandato por “disputar a eleição em cargo de confiança”:
– “isso é fantasia, não ocorreu”.

Balsa aposentada
O governador Tião Viana vai hoje a Tarauacá para inaugurar a ponte sobre o Rio Tarauacá, acabando com o suplício da travessia de veículos em balsa.

Porco espinho
O deputado federal Gladson Cameli (PP) passou a tarde de ontem tentando localizar o médico Roney Firmino para lhe convidar a filiar-se ao PP. É querer botar porco espinho no colo!

Choramingando apoio
O deputado Jamil Asfury (DEM) choramingava ontem numa roda de deputados, acusando o senador Sérgio Petecão (PSD) de dividir a oposição colocando em risco ganhar a PMRB.

Sem conversa
Em Epitaciolândia a oposição se dividiu: PMDB-PMN-PSD não apoiarão o candidato a prefeito do PSDB, André Hassem.

Queriam o que?
Com um meio de campo com Zé Marco-Paulinho Pit-Bull, duas toupeiras, o Paissandu tinha que ganhar. Aliás, o melhor jogador do RBFC continua sendo o bandeirinha Mario Jorge.

Não abalou
Corria ontem o boato que PT e PCdoB romperiam relações políticas, devido o episódio de Tarauacá, em que o PT local detonou uma aliança da FPA para trazer a prefeita Marilete para o PCdoB. Não apostem nisso, as relações entre os cardeais petistas e comunistas são inabaláveis.

Por Luis Carlos Moreira Jorge

Anúncios


Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas