Conecte-se agora

Cineasta acreana campanha internacional em prol dos Soldados da Borracha

Publicado

em

S.O.S. Soldados da Borracha!!! é o  slogan do Abaixo Assinado internacional que a  cineasta Eva Neide, diretora e produtora do filme documentário de longa metragem  intitulado: “Soldados da Borracha: A Brigada Esquecida”, está lançando em Brasília. O Abaixo Assinado apela diretamente ao Congresso brasileiro e à presidente Dilma Rousseff, para  aprovar a PEC 556, de autoria da Senadora Vanessa Grazziotin, a qual espera para entrar em pauta de votação na Câmara Federal. A PEC visa conceder aos Soldados da Borracha os mesmos direitos  dos Ex-Combatentes da FEB (Forca Expedicionária Brasileira).
“Eu, como filha de um Soldado da Borracha sobrevivente, precisava fazer algo a mais alem de ficar sentada nos estúdios editando o meu filme. Essa causa é pessoal para mim. Eu fiz questão de lançar essa campanha em Brasília porque é aqui no Congresso que eles precisam ver em imagens, e não somente no papel, a condição alarmante que se encontram os sobreviventes da Batalha da Borracha da Segunda Guerra Mundial. Eu espero poder sensibilizar as autoridades competentes, as quais têm o poder de remover essa mancha negra  na historia  do Brasil, e realizar esse sonho tardio de uma pensão digna de um veterano de guerra, para os Soldados da Borracha.”
Eva Neide deixou os estúdios de edição em Los Angeles, onde reside e onde está sendo realizada a fase final de edição do documentário
“Soldados da Borracha: A Brigada Esquecida”, com previsão de conclusão até o final do ano, para vir até Brasília lançar sua  campanha internacional. Desde o dia 24 de agosto, ela está no Distrito Federal, visitando Deputados e Senadores, pedindo a aprovação da PEC 556. Eva Neide diz que foi muito relevante ter encontrado em Brasília, os representantes atuais do Sindicato  dos Soldados da Borracha de Rondônia (SINDISBOR) também buscando apoio dos parlamentares para a aprovação da PEC 556.
A cineasta ressalta que foi muito bem recebida pelo o  presidente da Câmara, o  Deputado  Marco Maia, que  a pedido do Sindicato dos Soldados da Borracha de Rondônia (Sindisbor) e do Deputado Mauro Nazif, no dia 31 de agosto recebeu em seu gabinete: a cineasta, juntamente com o atual  Vice-Presidente do SINDISBOR o Sr. George Telles de Menezes, o Soldado da Borracha e tesoureiro do Sindicato Sr. Antonio Barbosa, e o Deputado Federal Mauro  Nazif, o qual segundo a cineasta, demonstrou remarcavel interesse e apoio a essa causa.   Na reunião, o Presidente  da Câmara, Marco Maia, prometeu acompanhar de perto a questão e fazer o possível para  por  a PEC 556 em pauta de votação o mais rápido possível.
“Eu acredito que essa reunião com o Presidente da Câmara foi um passo muito importante nessa questão. Eu sinto que ele ficou muito sensibilizado ao ver as imagens que lhe mostrei e ao ouvir os relatos. Eu ressaltei para o presidente Marco Maia que a aprovação da PEC 556 não é uma obrigação social, mas sim uma obrigação cívica do Brasil para com os Soldados da Borracha. Eu espero que essa amostra prévia do meu filme, as fotos e evidências que eu estou expondo para o Congresso, ajude a conscientizar os parlamentares sobre a necessidade urgente dessa votação.
S.O.S. Soldados da Borracha!!!   www.SoldadosDaBorracha.com
Para se comunicar com a cineasta Eva Neide  escreva para: sdbfilme@gmail.com
Anúncios
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Conectar

Deixe uma resposta

Acre

Rio Branco atinge mais de 11 mil infectados pelo novo coronavírus

Publicado

em

Foto: Sérgio Vale/ac24horas

A cidade de Rio Branco atingiu nessa quarta-feira, 21, mais de 11 mil pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Desde o mês de março deste ano, quando foram confirmados os primeiros casos da doença no estado, a capital acreana contabiliza no momento 11.090 exames com resultado positivo para Covid-19.

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela secretaria estadual de Saúde, a cidade também já teve mais de 32 mil notificações para o vírus. Deste total, 21. 228 notificações por exames foram descartadas para coronavírus.

Rio Branco é atualmente a 18ª cidade no ranking de incidência da doença por número de habitantes no Acre, ficando atrás de dezenas de cidades do interior do estado.

A capital acreana é a que mais acumula casos e número de mortes decorrentes da Covid-19. Até essa quarta-feira, 426 óbitos constavam entre rio-branquenses. Na cidade, a taxa de letalidade da Covid-19 está em 3,8% e a de mortalidade do vírus em 104,6%.

Continuar lendo

Acre

Prova de vida de aposentados segue suspensa até 30 de novembro

Publicado

em

A exigência da prova de vida anual de servidores aposentados, pensionistas e anistiados políticos civis está suspensa até o dia 30 de novembro de 2020. O Ministério da Economia publicou nesta quinta-feira, 22, a instrução normativa º 103, que estabelece o novo período.

Anteriormente, o recadastramento estava suspenso até o fim deste mês. Segundo o Painel Estatístico de Pessoal, estão nessa situação em torno de 700 mil pessoas.

A prova de vida anual obrigatória deixou de ser exigida desde o dia 18 de março de 2020, como medida de proteção no enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. A medida, no entanto, não afeta o recebimento de proventos e pensões.

Aqueles que, excepcionalmente, tiveram o pagamento suspenso antes do dia 18 de março de 2020, podem solicitar, conforme Instrução Normativa nº 29, de 1º de abril de 2020, o seu restabelecimento. Para isso, é preciso acessar o Sistema de Gestão de Pessoas (Sigepe) e selecionar, em Requerimento, o documento “Restabelecimento de Pagamento – Covid-19”. O beneficiário receberá um comunicado do deferimento ou não do seu requerimento por e-mail, que é enviado automaticamente pelo Sigepe.

Segundo o ministério, após esse procedimento, a Unidade de Gestão de Pessoas de cada órgão e entidade da Administração Pública Federal, a partir da confirmação do deferimento, deverá realizar o restabelecimento excepcional, obedecendo ao cronograma mensal da folha de pagamento.

A Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério da Economia, órgão central da gestão de pessoas da Administração Pública Federal, informa que definirá, posteriormente, prazo e forma para realização da comprovação de vida daqueles que foram contemplados na suspensão da Prova de Vida anual, assim como dos que tiveram o pagamento excepcionalmente restabelecido por solicitação via requerimento do Sigepe.

Fonte: EBC

Continuar lendo

Acre

Acre apresenta piores taxas de sobrevivência de empresas no país

Publicado

em

Das 1.326 empresas nascidas em 2008 no Acre, apenas 17,1% estavam em funcionamento em 2018, uma das piores taxas de sobrevivência de CNPJs no país.

No primeiro ano de funcionamento, a situação é igual: a sobrevivência chega a 68,9%, taxa que ganha apenas da de Roraima, com 66,6% e Amazonas (67,7%).

Os dados constam do estudo Demografia das Empresas, divulgado nesta quinta-feira, 22, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostrando que em 2018 a taxa de sobrevivência das empresas foi de 84,1% no Brasil.

Essa taxa representa 3,7 milhões de empresas permanecendo ativas no Brasil (de um total de 4,4 milhões) e foi ligeiramente inferior à de 2017 (84,8%). Já a taxa de entrada de novas empresas, em 2018, foi de 15,9%, enquanto a taxa de saída ficou em 17,4%. Com isso, o saldo de empresas ativas foi negativo (-65,9 mil) e representou uma perda mais acentuada que a de 2017 (-22,9 mil empresas).

Entre 2008 e 2018, a taxa de entrada recuou de 21,8% para 15,9% (-5,9 pontos percentuais), com máximo valor de 22,2% em 2009. Já a taxa de saída, está em patamar semelhante ao de 2008 (17,7%), tendo atingido seu máximo em 2014 (20,7%) e, desde então, encontra-se acima da taxa de entrada.

O período analisado pelo IBGE contrasta com os dados do Mapa das Empresas, do Ministério da Economia, que mostra que mais empresas vem sendo abertas que fechadas no Acre mesmo com a crise da Covid-19.

No 2º quadrimestre de 2020 foram abertas 2.214 e fechadas 547 empresas no Acre. O saldo é de 1.667 CNPJs em atividade no período, segundo o ME.

Há 43.051 empresas em atividade no Acre, onde até ser totalmente viabilizada, uma empresa precisa de três dias e 10 horas para ser aberta. A Junta Comercial prevê que em 2021 o tempo será reduzido para 24 horas.

Continuar lendo

Acre

Apreensão de armas pela PRF já é 10,5% maior que no ano passado

Publicado

em

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu mais um revólver calibre 38 com munições na noite dessa quarta-feira (21). A arma estava com uma adolescente, passageira de um táxi e o flagrante aconteceu na BR-317, em Rio Branco, capital do Acre.

A equipe estava realizando comando fiscalizatório e determinou parada a um motorista de táxi. Dentre os passageiros, havia uma jovem de 17 anos que ficou bastante nervosa e incomodada com as indagações dos policiais. Durante busca na bagagem da passageira, estava a arma de fogo com número de série suprimido e três munições intactas.

A adolescente ainda afirmou ironicamente que veio da fronteira com a Bolívia. Ela foi apreendida e encaminhada com os objetos ilícitos para a Delegacia de Polícia Civil.

O total de armas apreendidas pela PRF no Acre em 2020 superou em 10,5% o quantitativo de 2019. Foram 21 armas este ano, contra 19 no ano passado, incluindo pistolas, revólveres e espingardas, dentre outros.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas