Conecte-se conosco
Fechar

Sicoob Credisul movimenta R$ 300 milhões no Acre e mostra o poder do cooperativismo de crédito

Publicado

em

A Sicoob Credisul fez um balanço das atividades desenvolvidas pela cooperativa de crédito no Acre, Rondônia e Mato Grosso, estados onde está presente fortalecendo a importância do cooperativismo de crédito na região. Apenas em solo acreano, a Sicoob Credisul movimentou pouco mais de R$ 300 milhões.

O evento de prestação de contas ocorreu no Hotel Terra Verde, em Rio Branco, com a presença maciça dos cooperados, entre empresários autônomos e pessoas que tiveram a oportunidade de conseguir crédito sem burocracia e conseguem honrar seu compromisso junto à instituição financeira.

Na Sicoob Credisul, diferente de outras instituições financeiras, os cooperados são conhecidos “não pelo CPF, mas pelo nome”. A relação diferenciada entre colaboradores e cooperados é uma das armas para, a cada dia mais, crescer em bom atendimento e oferecimentos de serviços. Não por acaso o resultado tão expressivo no mercado.

“As cooperativas mais antigas do nosso sistema nasceram aqui no Acre. Aqui estamos com duas agências, e cada uma tem o seu foco: uma com foco no crédito mútuo, e a outra mais focada no empresariado: produtor rural, empresário da cidade. Mas no geral, o foco é por todas as economias, para todos”, explica o presidente da Sicoob Credisul, Ivan Capra.

O presidente, que também dirige a Central Norte, coletivo que reúne 11 cooperativas nos três estados, conta que no vizinho estado de Rondônia, por exemplo, a empresa já participa de 10% da economia local. Demonstração da boa gestão e de ofertas dos melhores serviços sempre atualizados à necessidade dos cooperados.

“Sicoob Norte está muito bem. Somos compostos por onze cooperativas singulares. Fomos a primeira central a conseguir, no Brasil, participação de ‘dois dígitos’ na economia. Ou seja, estamos com mais de 10% dentro da economia do estado de Rondônia. Só no Acre são três opções de cooperativa de crédito: a Sicoob Credisul, o Sicoob Acre, e a Sicoob Uni RBO”, completa.

O Sicoob: cliente é dono

O Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil (Sicoob) é o maior sistema cooperativista do país, com mais de 3 milhões de associados. Para alcançar a excelência no atendimento, conta com mais de 2 mil pontos de atendimento em 25 estados do território nacional e Distrito Federal. É a sexta maior instituição financeira do país e oferece aos associados um amplo portfólio de produtos e serviços para pessoa física e jurídica.

O Sicoob é composto por cooperativas financeiras singulares, cooperativas centrais, pela Confederação Nacional das Cooperativas do Sicoob (Sicoob Confederação), pelo Banco Cooperativo do Brasil (Bancoob) e empresas especializadas. O Sicoob oferece aos associados vários serviços como conta corrente, crédito, investimento, cartões, previdência, consórcio, seguros, cobrança bancária e pagamento eletrônico. Tudo isso com uma diferença: na cooperativa, os clientes são os donos e, por isso, participam dos resultados da sua instituição.

As vantagens de ser cooperado
Além de o associado ser um dos donos e poder participar das assembleias com voz ativa, há ainda outras vantagens financeiras e pessoais:

Taxas de juros reduzidas: essas cooperativas oferecem linhas de crédito com taxas de juros mais baixas e, muitas delas, não cobram tarifas por seus serviços (fornecimento de talões, transferências, cadastros); quando cobram, são sempre inferiores às praticadas pelos bancos comerciais.

Rendimentos normalmente superiores aos de mercado: caso o associado tenha uma reserva financeira disponível, poderá aplicá-la na cooperativa sob a forma de depósito a prazo, com rendimentos geralmente superiores aos oferecidos pelo mercado financeiro. Deve ter em vista que a cooperativa goza de isenção tributária, não sendo obrigada ao recolhimento de depósitos compulsórios como os bancos, o que permite uma maior taxa de retorno aos cooperados.

Atendimento diferenciado: o associado é atendido na cooperativa não como um simples cliente, mas como um dos seus donos. E, o mais importante, estará fazendo negócios em uma instituição que lhe devolverá, via rateio das sobras, juros e tarifas pagas a mais do que o devido. Sua parte nas sobras pode ser em dinheiro ou em aquisição de mais cotas-partes, dependendo de decisão da Assembleia. Em caso de perdas, elas podem ser compensadas com resultados futuros. Ainda, se o cooperado quiser se retirar da sociedade, poderá receber o valor de suas cotas-partes.

Continuar lendo

Destaque 2

Juíza libera 11 motoristas para trabalhar com Uber em Rio Branco e proíbe RBTrans de fiscaliza-los

Publicado

em

Continuar lendo

Destaque 2

Relatório sobre péssimas condições da BR-364 será entregue a deputados e ao Ministério do Transporte

Publicado

em

Continuar lendo

Cidades

Nota Premiada da Prefeitura de Rio Branco vai sortear R$90 mil em prêmios este ano, diz Marcelo Macedo

Publicado

em

Continuar lendo
Publicidade

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.

[fvplayer src="http://cdn1.ac24horas.com/wp-content/uploads/2017/09/POPSHOW_GUSTAVO_LIMA.mp4" autoplay="true" preroll="no" postroll="no" data-volume=0.03]