Conecte-se conosco
Fechar

Em Santarém-PA, Galo arranca empate nos acréscimos: 3 a 3

Publicado

em

Num jogo bem movimentado, com seis gols e três bolas na trave celeste, o Atlético Acreano arrancou importante resultado na noite de ontem (10), no estádio Colosso do Tapajós-PA, contra o São Francisco por 3 a 3. O confronto foi o primeiro entre as duas equipes pela segunda fase do Campeonato Brasileiro da Série D.

No próximo sábado (15), às 17h, no estádio Florestão, o Atlético Acreano recebe o São Francisco. Uma vitória simples classifica o time celeste. Um empate até 2 a 2 é outro resultado que garante o time acreano na terceira fase do torneio. Repetindo o placar da partida de ontem (10), ocorrida em Santarém-PA, leva a decisão da vaga para as cobranças de penalidades.

JOGO

Com apoio do torcedor do Leão santareno e necessitando de um resultado positivo para o jogo da volta no Acre, o São Francisco começou a partida pressionando o bicampeão acreano na busca do gol.

Aos 15 minutos, após sobra de bola, o atacante Di Maria perdeu a primeira grande chance de gol a favor dos paraenses.

Pressionando a saída de bola do time celeste, o São Francisco era melhor e o primeiro gol saiu de chutão. A zaga celeste falhou e, na sobra, Elielton Gasolina chutou cruzado para vencer o goleiro Luis Miller, aos 20 minutos.

Com o resultado negativo, o Galo Carijó adiantou sua marcação e, num erro individual do zagueiro Charles, o volante celeste Polaco roubou a bola e colocou o atacante Eduardo na cara do gol. O artilheiro celeste invadiu a área e chutou cruzado para deixar tudo igual no placar, aos 30 minutos.

O empate fez bem ao time celeste e a virada quase pintou ainda no primeiro tempo, mas o goleiro Lennon conseguiu antecipar o lance antes da chegada do meia Careca.

Na última volta do ponteiro, o meia Samuel arriscou belo chute de fora da área. O goleiro Luís Miller tirou com as pontas dos dedos e a redondinha ainda explodiu no travessão do Galo Carijó.

Quatro gols e muitas emoções

Na volta dos vestiários, o time celeste retornou ‘sonolento’ e ainda no primeiro minuto de jogo, a zaga celeste voltou a falhar no jogo aéreo. Samuel mandou no alto e o zagueiro Roberto ganhou da zaga acreana e colocou o São Chico na frente do placar.

O gol do time santareno não fez o Galo Carijó baixar sua ‘crista’. E, após jogada de velocidade, o meia-atacante Polaco arriscou o chute e a bola bateu na mão do lateral direito Matheus dentro da área do São Francisco. O árbitro amazonense Antônio Carlos Pequeno Frutuoso não teve dúvida e apontou para a marca da cal. O atacante Rafael Barros cobrou bem a penalidade e deixou tudo igual.

Numa bola parada, aos 20 minutos. Samuel acertou o travessão do goleiro Luís Miller. Na sobra, o volante Leandro aliviou o perigo. Um minuto depois, nova bola no travessão celeste. Sufoco!

Dez minutos depois, o São Francisco encontrou o terceiro gol. A zaga celeste bateu cabeça novamente e Rodrigo Santarém, que acabara de entrar, mandou a redondinha para a rede celeste, aos 30 minutos.

Nos acréscimos, o Galo Carijó arrancou o empate. A zaga santareno vacilou novamente e o atacante Polaco serviu o meia Careca. O artilheiro da equipe na competição, junto com Eduardo, ambos com seis gols, não perdoou e deixou tudo igual.

Continuar lendo

Cotidiano

Código de Trânsito Brasileiro faz 20 anos, mas acidentes com vítimas fatais ainda geram preocupação

Publicado

em

Continuar lendo

Cotidiano

Caixa Econômica Federal reduz para 50% limite máximo para financiamento de imóveis usados em todo o país

Publicado

em

Continuar lendo

Cotidiano

SinproAcre disponibiliza advogados aos filiados aposentados que querem transformar licença em indenização

Publicado

em

Continuar lendo
Publicidade

Mais lidas

Copyright © 2017 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.

[fvplayer src="http://cdn1.ac24horas.com/wp-content/uploads/2017/09/POPSHOW_GUSTAVO_LIMA.mp4" autoplay="true" preroll="no" postroll="no" data-volume=0.03]