Rio Branco, Acre, 29 de junho de 2017

Será que vai dar merda? Sibá quer iluminar o Acre com energia gerada com esterco

Ray Melo, da editoria de política do ac24horas 29/06/2017 23:46:49

Bom dia! Boa tarde! Boa noite!

Quem nunca ouviu a velha expressão, isso vai dar merda? Aposto que meus três leitores cansaram de ouvir. Mas nem sempre a expressão é garantia que a merda vai ser grande. Portanto, o secretário de Desenvolvimento Florestal, da Indústria, do Comércio e dos Serviços Sustentáveis, Sibá Machado (PT) tem planos para gerar energia sustentável com esterco. A ideia surgiu após uma visita a um frigorífico na estrada do Guajará, para conhecer um projeto experimental que vem transformando esterco em gás de cozinha. O Projeto Biodigestor, de acordo com ele, é uma revolução para a zona rural do Acre e se faz necessário tornar essa tecnologia conhecida.

O próximo passo é transformá-lo num programa onde o pequeno agricultor ou o indígena tenham acesso. “Aqui pretendemos fazer substituição de eletricidade, colocar água encanada na casa das pessoas, irrigação e o gás de cozinha. Com ênfase nesse momento para a irrigação de pastos visando o aumento da produção leiteira”. Isso significa que breve o Acre será pioneiro em índios pecuaristas, todos criando gado para transformar a merda em energia. Isso me faz lembrar o falido projeto do óleo da pimenta longa que deixou agricultores endividados, o fogão que gerava energia que também fracassou. É esperar que Sibá saiba transformar merda em ouro.

Será que é verdade?
Esse blogueiro recebeu uma informação que promete mudar os rumos das obras mal executadas do Ruas do Povo e forçar o cumprimento de algumas cláusulas contratuais do Programa. O burburinho é forte nos bastidores políticos do Estado, que uma empresa que mantém contratos com as administrações petistas estadual e municipal da capital poderá ser alvo de uma operação policial nos próximos dias. O boato ganhou força com informações recebidas pelo blog.

Uma fonte ligada à Casa Rosada informa que há um inquérito de 395 páginas com supostas irregularidades cometidas por essa empresa na execução de obras do Programa Ruas do Povo, iniciativa que prometeu pavimentar todas as ruas de todas as cidades do Acre. O contrato seria superior a R$ 3 milhões. De acordo com nossa fonte, o empresário será colocado na parede, ou refaz os serviços supostamente mal executados ou terá que devolver o valor do contrato.

Bronca dos meus três leitores
Depois de receber várias reclamações, o blog retorna com o espaço da bronca dos meus três leitores. Lembrado que esse é um espaço democrático, quem se sentir ofendido poderá encaminhar a contestação que teremos satisfação de publicar. A bronca de hoje é do leitor Emerson Menezes, que critica a morosidade no serviço de expedição de carteira de identidade na OCA.

“Ray Melo, meu amigo, me ajude, sou um dos teus três leitores, solicitei a emissão de nova RG desde o mês de março, paguei, mas até hoje não recebi. Fiz a solicitação na Oca. Tem denúncia de pessoas que solicitaram há mais de sete meses. A desculpa é a falta de material. O que estão fazendo com o dinheiro das taxas? Nos dê voz meu amigo, ajude-nos. Grato”. Apelo publicado.

“A palavra final é da nacional”


“A autonomia que tínhamos no estado está suspensa”, disse o ex-deputado Marcio Bittar, ao definir a situação do diretório regional do PSDB no Acre. Segundo ele, “a palavra final é da nacional” para escolha do novo presidente do ninho tucano no Acre. Para ele, Rocha está fora. “Eu não quero ser presidente do PSDB nem estou lutando para isso”, disse o tucano que quer ser senador.

Márcio Bittar afirma que deu todas as oportunidades para que Rocha entrasse em acordo com ele. “Não é porque uma pessoa tem mandato que poderá dizer que agora que manda. A direção nacional é quem vai decidir. Fui humilhado dois anos e meio. Não saiu da minha boca algo que fosse para bater em Rocha. Agora, que eleger a comissão provisória e terá a palavra final será a nacional do PSDB”.

“Eu não piso na bola meu filho…”
Fala, Pequena. Aqui você sempre terá espaço para réplica e tréplica. A deputada Eliane Sinhasique (PMDB) encaminhou mensagem de zap zap solicitando que o blogueiro informasse que ela não pisou na bola ao denunciar que o assessor especial da Juventude do governo do Acre, Weverton Matias, teria sido rude com o representante da Secretaria Nacional da Juventude, Ediney Pires.

“Se o imaturo Matias diz que para ele, a juventude quer oportunidade, a juventude quer emprego, a juventude quer cultura, a juventude quer esporte, quer lazer”, por que ele não trabalha para isso??? Não vejo uma única ação dessa secretaria e desse secretário para melhorar a vida dos jovens no Acre. É um inerte”, dispara a deputada Eliane Sinhasique.

Pronto, no ar. Espaço aberto para a tréplica de Weverton Matias.

A comparação de homofobia e corrupção
O líder do governo na Aleac, deputado Daniel Zen (PT) encontrou uma maneira inusitada para defender o ex-presidente Lula, dos ataques dos deputados de oposição na Casa. O petista fez um discurso de 17 minutos em defesa de Lula e os pedalinhos da chácara de Atibaia, colocando que as pessoas muito moralistas são as mais corruptas, da mesma forma que quem é muito homofóbico é gay.

“Tenho muito medo dos moralistas, muito medo mesmo. Assim como tenho medo de quem é muito homofóbico. Geralmente, quem é muito homofóbico é gay. Geralmente. Uma pessoa que é muito contra o homossexual, que faz aquele embate, quando você vai ver a pessoa é homossexual. Geralmente, quem tem uma homofobia muito exacerbada é gay. Da mesma forma que aqueles que mais dão faniquitos contra a corrupção são corruptos. Pode investigar”.

 


[yottie id="1"]


Veja Também


Ac24Horas – Portal de notícias do Acre

Será que vai dar merda? Sibá quer iluminar o Acre com energia gerada com esterco