Rio Branco, Acre, 21 de novembro de 2016

Diplomatas americanas aprendem a fazer caldeirada de tambaqui no Acre

Ray Melo, da editoria de política do ac24horas 21/11/2016 22:41:30

caldeirada_01

Bom dia! Boa tarde! Boa noite!

Depois de um longo período de pura falta de tempo, cá estou de volta, meus três leitores. Estava com uma saudade arretada do nosso bate-papo esporádico, mas sempre proveitoso. No retorno, já chego com boas notícias deste oásis de prosperidade que é nosso querido Acre, a capital mundial da economia sustentável, modelo para os EUA, Alemanha, China, França, Peru, Itália, Israel, Bolívia, Vietnã, Coreia do Sul, Cuba, Rússia e Marte, além de referência para união europeia. Os americanos estão chagando. Não são os agentes da CIA, que Sibá Machado diz que derrubaram a Dilma, mas as diplomatas que vieram aprender fazer caldeirada de tambaqui, frango à passarinho e porco guisado.

O nosso líder maior, o governador dos governadores, Sebastião Viana (PT) recebeu “os membros da Embaixada dos Estados Unidos da América-Geral, Lindsey Zaluaga, Amanda Osório e Richa Bhala, que vieram conhecer os investimentos do Acre na economia e infraestrutura, exemplos de nosso trabalho no desenvolvimento sustentável”, além de conhecer está tecnologia única no mundo e na galáxia para criar tambaqui, surubim, frango, porcos, plantar coqueiros e construir o bairro 13 (Cidade do Povo). E lá foi nosso líder apresentar aqueles surrados slides. Pela importância econômica do Acre, a previsão é que a próxima visita seja do presidente Donald Trump.

Cuidado com o fura-olho

cameli_01
Ninguém quer mais falar de projetos e liberação de recursos perto do senador Gladson Cameli (PP). Alguns políticos estão se queixando que Cameli estaria agindo como um verdadeiro fura-olho, quando o assunto é auferir dividendos políticos e ganhar os holofotes da mídia. Revoltados, oposicionistas da bancada federal do Acre dizem que o senador não perde tempo em assumir a paternidade na liberação de recursos, celebração de convênios e intervenção para garantir apoio aos projetos apresentados pelos novos prefeitos. O govenador Sebastião Viana (PT) usou suas contas em redes sociais para dizer que as obras da ponte sob o rio Madeira, em Rondônia, não é mérito exclusivo de Cameli.

O líder maior também pega carona

carona_01
Falando em político fura-olho, este blogueiro não poderia deixar de lembrar a questão da instalação, no Acre, da Unidade de Prevenção do Hospital de Câncer de Barretos, que é referência nacional no tratamento da doença, projeto que o governador Sebastião Viana (PT) rapidinho noticiou nos veículos oficiais. Tirando onda de Gladson Cameli, o petista tirou sua casquinha na obra que será tocada pelos diretores da clínica paulista. Assessores informam que a iniciativa foi viabilizada após uma visita realizada pelos deputados Raimundinho da Saúde (PTN) e Chagas Romão (PMDB) na unidade de Rondônia. Enquanto isso, o Hospital do Câncer de Rio Branco passa por dificuldades.

A Mãe Diná baixou nos oposicionistas

coelho_01
Tudo indica que os militantes e aspirantes a políticos pelos partidos de oposição aderiram ao esoterismo. Em alguns grupos de WhatsApp, eles incorporam a Mãe Diná e montam as chapas majoritárias da Frente Popular e do próprio bloco para as eleições 2018. Apesar de todos esforço de Gladson Cameli (PP) para se manter na mídia, seus correligionários afirmam que ele não será candidato ao governo do Acre. Os búzios dos pais de santo da oposição mostram ainda que o candidato ao governo pela FPA é César Messias (PSB), a vice Nazaré Araújo (PT), os candidatos ao Senado, Jorge Viana e Ney Amorim, ambos do PT. Quem mais tem recebido o espírito de Mãe Diná, é o consultor político Carlos Coêlho.

Aluguel de CRM?

doutor_01
Respondam sem pestanejar, meus três leitores, vocês já ouviram falar de algum caso de aluguel de registro no CRM? Segundo informações de uma fonte de um município do interior do Estado, tem profissional da área de saúde respondendo processo, acusado de alugar o registro para outra pessoa atuar como médico. A fonte informa ainda que o acusado teria participado de uma audiência para depor sobre o caso. Enquanto muitos acadêmicos lutam para conquistar o CRM após formação em países vizinhos, este médico teria resolvido terceirizar sua licença para clinicar. De acordo com a denúncia, os lucros das consultas estariam sendo divididos em partes iguais entre inquilino e senhorio.

Presidente de partido em tempos de crise
roque_01Depois de organizar o PHS em todo o Acre, eleger vereadores e fazer o partido aparecer entre os que mais cresceram e levaram votos nas eleições municipais, o presidente da sigla, Manoel Roque, resolveu diversificar suas atividades. A crise econômica apertou, mas Roque não se intimidou. Com a larga experiência que adquiriu convivendo diariamente com os maravilhosos projetos desenvolvidos pelo governo petista que fomentam a economia sustentável do Estado, o dirigente investiu na plantação de um pomar no próprio quintal. Manoel Roque acredita que até o início de 2017 estará abastecendo os supermercados da capital. O blog traz algumas fotos da produção do primeiro agricultor urbano da capital.

 


[yottie id="1"]


Veja Também


Ac24Horas – Portal de notícias do Acre

Diplomatas americanas aprendem a fazer caldeirada de tambaqui no Acre