Ac24Horas - Portal de notícias do Acre

Rio Branco, Acre, 17 de Janeiro de 2017


Protagonismo de Sebastião Viana na mira do todo poderoso Trump

Ray Melo, da editoria de política do ac24horas - 10/11/2016 00:18:46

trump_01

Bom dia! Boa tarde! Boa noite!

Acostumado a figurar como único protagonista no mundo, os Estados Unidos, daqui por diante, terá de conviver com o Acre de Sebastião Viana (PT). Donald Trump, o novo presidente americano poder estar de olho no modelo de economia sustentável de nosso Estado, que virou capital mundial da economia sustentável, modelo para os EUA, Alemanha, China, França, Peru, Itália, Israel, Bolívia, Vietnã, Coreia do Sul, Cuba, Rússia e Marte, além de referência para união europeia. O homem mais poderoso do mundo quer se apossar dos projetos do nosso líder maior, o governador dos governadores, o homem que está ensinando ao mundo como criar peixe, porcos, galinhas e plantar coqueiros.

Trump confia que o Acre pode ser o responsável da mutação pela qual passa a ordem global. Há rumores, inclusive, que o governador Sebastião Viana pode ter interferido diretamente no resultado das eleições americanas. A candidata Hillary Clinton liderava com folga a corrida pela Casa Branca, até Viana e sua numerosa comitiva viajarem para apresentar seus projetos revolucionários nos Estados Unidos. Informações extraoficiais dão conta que Trump prometeu gerar milhares de empregos com base nas ideias de Sebastião. O magnata prometeu ainda construir uma Cidade do Povo para colocar os latinos que migraram para seu país… caraca, o despertador me acordou no meio do sonho.

Assista o vídeo do discurso de Hillary após a derrota
Os militantes da esquerda brasileira estão amargurados com a vitória de Trump. Eles acreditam que o fenômeno pode se repetir no Brasil. Passaram acreditar que Bolsonaro poderá ser o próximo presidente brasileiro. Para amenizar este sofrimento antecipado, o blog traz um vídeo do discurso de Hillary Clinton após a derrota. Se espelhem no pronunciamento desta líder que não acredita em derrotas. Qualquer semelhança com uma “presidenta” que sofreu um golpe da direita ultraconservadora brasileira é mera coincidência.


Cláusula de barreira é um duro golpe nos nanicos


nanicos_00Se aprovada no Senado e na Câmara dos Deputados, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que prevê mudanças no atual sistema político do país poderá representar um duro golpe nos partidos nanicos. Não haverá mais coligações na eleição proporcional (para deputados federais, estaduais e vereadores). O fim das coligações favorece os grandes partidos, uma vez que um “nanico” não poderia se unir a outros para aumentar sua força. A PEC poderá alterar a configuração da Frente Popular, coligação comandada por Sebastião e Jorge Viana. Os nanicos que orbitam o PT perderiam o funcionamento parlamentar, restringindo o acesso das legendas a verbas partidárias e ao tempo de TV. Os parlamentares vão reduzir o número de partidos na marra. 

Sebastião, escuta o que Jesus tem para ensinar
servidor_01Jesus discursou na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac). Ele disse que sabe das dificuldades que o governo do Acre passa, mas que o governador Sebastiao Viana (PT) tem que conversar com as categorias de servidores sobre a questão salarial. As despesas não diminuem. O deputado Jesus Sérgio pede que Viana repasse pelo menos as perdas salariais ocasionadas pela inflação. Afinal, nos tempos atuais, o milagre bíblico da multiplicação dos pães, só é possível pagando ao dono da padaria. Jesus disse ainda que precisaria de um gigantesco milagre para recuperar as perdas dos servidores públicos que não recebem reajuste há alguns anos. Sebastião, escuta os ensinamentos de Jesus.

Rose Costa vai integrar equipe de Marcus Viana
rose_01Derrotada na disputa pela reeleição, a vereadora Rose Costa (PT) não foi descartada dos planos do prefeito de Rio Branco, Marcus Viana (PT). Segundo informações de uma fonte ligada ao gestor municipal, ela vai integrar o segundo escalão da equipe que será nomeada em janeiro do ano que vem. Marcus Viana estaria considerando o trabalho desenvolvido pela parlamentar, suas qualidades técnicas e o apoio que recebeu durante os últimos quatros anos de sua administração. Na prefeitura, ela não vai se envolver em polêmicas como a do projeto que obrigava empresários a contratarem bombeiros civis. A repercussão negativa obrigou a vereadora recuar com a proposta. Foi só fogo de palha.





Veja Também