Possível acerto de contas deixa saldo de 2 mortos, 2 feridos e 1 desaparecido em Epitaciolândia

15/04/2013 07:41:06

Um grupo de seis amigos (3 homens e 3 mulheres) que se confraternizavam numa colônia localizada no Ramal Fontenelle, distante cerca de 14 quilômetros da cidade de Epitaciolândia, passaram maus bocados durante a noite e parte da madrugada deste domingo, dia 14 de abril.

Segundo foi apurado, tudo teve início por volta das 23:40 de sábado, dia 13, quando a casa foi cercada por cerca de cinco homens armados, não dando chance para ninguém escapar e perguntavam por um especificamente, conhecido apenas por “Edinho”.

Ao imobilizarem todos que estavam na área da casa, se iniciou uma sessão de espancamento, principalmente nos homens que chegaram a sangrar muito conforme se pôde ter visto no local. Uma das mulheres, que estava num dos quartos, foi acordada a golpes de coronhadas e escapou de ser levada, quando pulou pela janela e fugiu pelo campo.

execucao_ramal_fontenele_14

Duas ficaram juntas com os homens, sendo que uma foi sentada num canto e levou um tiro numa das pernas, enquanto os outros eram espancados violentamente, depois amarrados e colocados amontoados dentro de um carro, modelo Chevrolet/Corsa, placas NAB 8008, e levados sem rumo certo.

Cerca de três quilômetros depois, pararam o veículo no meio do Ramal que faz divisa com o país vizinho, Bolívia, na maioria do seu trajeto. Ao pararem, uma das sobreviventes disse ter ouvido o comentário: “Vão aprender a não mexer nas coisas dos outros”, e retiraram um do porta mala que estava amarrado pelos pés e pulsos.

Ao ser deitado no ramal, foi executado com um tiro certeiro na têmpora direita. O segundo que ainda estava de cueca e dirigia, teve uma arma apontada contra sua cabeça e recebeu dois disparos a queima roupa. Um acertou atrás da orelha e o outro no pescoço.

Ambos morreram no local, mas “Edinho” foi poupado e levado. As duas mulheres foram liberadas momentos depois mais a frente na escuridão, sendo que uma estava ferida na perna e foram caminhando pelo meio do mato sem saber pra onde iam.

Somente depois de muitas horas, já quando o dia amanhecia, um morador das redondezas que trafegava pelo ramal, encontrou o carro com as duas vítimas executadas. A partir daí, as autoridades foram avisadas e passaram a investigar o caso e tentar identificar todos os envolvidos.

execucao_ramal_fontenele_91

Somente após localizar a casa e a mulher que conseguiu fugir, foi possível montar o caso e identificar as vítimas fatais: Agildo de Moraes Dias (24) e Rogênio da Silva Dimas (31). As duas mulheres foram localizadas por volta das 11 horas próximo ao presídio de Villa Busch, vilarejo distante de Cobija (capital de Pando – Bolívia) cerca de nove quilômetros, sendo que a ferida foi levada a um hospital e ficou em observação. A outra foi conduzida até a delegacia de Epitaciolândia para ser ouvida juntamente com a primeira.

Alexandre Lima
O Alto Acre


Notícias Acre Classificados AC

Leia o post anterior:
manicure
Sonho realizado

Até pouco mais de um ano Suely Costa era apenas uma dona de casa que cuidava dos três filhos, não...

Fechar