Operação Tentáculos: 2ª Vara Criminal de Rio Branco autoriza 27 prisões preventivas

12/06/2012 15:52:23

A 2ª Vara Criminal da Comarca de Rio Branco participou diretamente da “Operação Tentáculos”, executada na cidade de Rio Branco, na manhã de ontem (11), e que resultou na prisão de 27 pessoas acusadas de compor uma quadrilha dentro do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AC).

Elas teriam fraudado exames para facilitar a obtenção da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além de outros delitos como retirada de multas, transferência de pontuação na carteira e falsificação de documentos para carros roubados.

Nos municípios de Rio Branco, Senador Guiomard e Bujari mais de 500 habilitações foram fraudadas. Além disso, policiais (civis e militares), auto-escolas, psicólogos e funcionários do próprio Detran também teriam participado das práticas criminosas.

Titular da unidade judiciária, a juíza Denise Bonfim informou nesta terça-feira (12) sobre a participação do Judiciário Acreano na Operação. “O trabalho é resultante de um esforço que começou em 2010 e teve a contribuição de outras instituições, como Ministério Público Estadual (MPE) e Polícia Civil. Mas foi a 2ª Vara Criminal quem autorizou as escutas telefônicas que integraram a investigação, bem como os 27 mandados de prisão”, explicou a magistrada.

O secretário de Polícia Civil, Emylson Farias, reconheceu a importância da 2ª Vara Criminal para que a operação fosse deflagrada com sucesso. “O Judiciário foi ágil, atuou com eficiência e responsabilidade”, disse ele.

Denise Bonfim informou ainda que as investigações vão continuar e que os acusados irão ser julgados de acordo com as leis brasileiras. As 27 pessoas flagradas por meio da “Operação Tentáculos” estão cumprindo prisão preventiva.

AGÊNCIA TJAC



Notícias Acre Classificados AC