Ac24Horas - Portal de notícias do Acre

Rio Branco, Acre, 17 de Janeiro de 2017


Agentes de endemias denunciam pagamentos ilegais, perseguição de desvio de função na Secretaria Municipal de Saúde

Roberto Vaz - 05/06/2012 16:06:15

Jairo Barbosa – jbjurua@gmail.com

Um grupo de agentes de endemias da Secretaria Municipal de Saúde recorreu hoje aos vereadores da capital em busca de apoio para os problemas ex- função que estão enfrentando no setor de Vigilância Epidemiológica.

Eles denunciaram desvio de função, pagamentos ilegais e perseguição a alguns colegas, fatos que segundo eles, vem acontecendo desde o ano passado. antes de ir á Câmara, os agentes haviam protocolado a denuncia no Ministério Público Estadual, e agora buscam o apoio dos vereadores.

A denuncia no MPE foi assinado por Daniel Cavalcante Braga, e endossada por Ziad da Silva Mota e Galileu Filgueiras. Os agentes relataram que a atual gestão da SEMSA colocou “na geladeira”um grupo de quinze agentes, que receberam treinamento especifico para atuar no combate a leshimaniose, malária e outras doenças tropicais, mas que foram designados para atuarem em outros setores.

“Tem um colega nosso que foi obrigado a trabalhar de vigia no barco da secretaria. Nos estamos trabalhando em atividades institucionais, quando na verdade deveríamos estar no realizando o trabalho de campo”, denuncia Ziad Mota.

Segundo os agentes de endemias pelo trabalho de campo, cada profissional tem direito a uma gratificação, que continua sendo paga, mas para um grupo de “apadrinhados”, que não atua na zona rural.

Com a retirada dos agentes do trabalho de campo, o trabalho de combate e prevenção da leshimaniose, por exemplo, parou, e há registros de epidemias da doença na região da transacreana.

O secretário de saúde do município, Osvaldo Leal, foi procurado pela reportagem para comentar a denuncia, mas sua assessoria de imprensa informou que ele estava ministrando uma palestra e não poderia atender a reportagem.





Veja Também